search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

União, mudança e apoios dão o tom
Plenário
Fabiana Tostes

Fabiana Tostes


União, mudança e apoios dão o tom

Os primeiros programas de TV dos candidatos de Guarapari começaram com apresentação, pedidos de união e mudança e também demonstração de força, mas sem ataques.

O prefeito Edson Magalhães, que tenta a reeleição, mostrou a Cidade-Saúde formada por capixabas, baianos, cariocas e mineiros. Falou da importância do turista na construção do município. Gedson Merízio também citou o potencial turístico, mas falou de mudança e da necessidade de criação de empregos para que os jovens fiquem no município. Também apresentou um vídeo com o apoio do governador Renato Casagrande.

Fernanda Mazelli se apresentou, contou sua história e falou da necessidade de união de forças, ao lado de várias lideranças. Bárbara da Hora também contou sua trajetória, apresentando sua família e experiência profissional. Maria Helena deve se apresentar hoje, mas já mostrou o jingle que pede renovação na prefeitura. E Carlos Von, com seus 14 segundos, disse que fará campanha simples e chamou o eleitor para as redes sociais.

Só 3 da terrinha
Dos 10 candidatos que disputam a Prefeitura de Guarapari, só três nasceram no município. São eles: Bárbara da Hora, Fernanda Mazelli e Oziel de Sousa. Dois são de Vitória: Carlos Von e Coronel Ferrari, e dois são do Rio: Fredson e Cláudio Paiva. Gedson Merízio é de Cachoeiro, Maria Helena é de Guaçuí e o prefeito Edson Magalhães é de Alegre.

Estreia
Fora dos dois primeiros dias do programa eleitoral na TV em Vitória, os candidatos a prefeito da capital Halpher Luiggi e Namy Chequer estrearam ontem no horário gratuito. Halpher mostrou o colégio em que estudou e falou sobre a importância da educação. Já o ex-vereador Namy, com tempo bem reduzido, pediu voto com base na sua experiência.

O peladão da eleição

 (Foto: André Felix/AT)
(Foto: André Felix/AT)
Circulou nas redes sociais durante o final de semana, um vídeo de um suposto candidato a vereador do Norte do Estado, aparentemente embriagado, pelado, dançando no meio da rua. E o desinibido não ficou nem um pouco sem graça com as câmeras que filmavam, pelo contrário, fazia pose.

O dilema
Em municípios que não terão candidaturas da direita alinhada a Bolsonaro, lideranças estão num dilema: ou apoiam candidatos de centro e de esquerda e aguentam o ônus de desagradar militantes, ou ficam isolados agora e não participam, depois, do debate e da gestão. Barra de São Francisco é um exemplo. Firmino deixou a disputa e os outros candidatos têm partidos de esquerda na chapa – PSB com Enivaldo, PT com Juvenal e SD com Denilson.

Lauriete testa positivo para Covid-19
A deputada federal Lauriete Rodrigues testou positivo para Covid-19. Ela pegou o resultado do exame ontem e já cancelou as atividades públicas que faria nessa semana. Segundo sua assessoria, Lauriete vem sentindo sintomas, como febre e dor no corpo, desde segunda passada. Na sexta ela fez o exame após passar a noite de quinta para sexta sem conseguir dormir, devido aos sintomas. Ela está em isolamento em casa e não precisou ir ao hospital.

Galeria

Sabatina
A Associação de Pastores da Serra fez ontem sabatina com todos os candidatos a prefeitos do município. Foi na Assembleia de Deus de Maringá.

Homenagem no pantanal
Ativistas do Greenpeace ergueram uma estátua de 4m de Bolsonaro com pose e roupa de Nero – imperador romano que, reza a lenda, deixou Roma queimar enquanto tocava harpa. A estátua foi colocada no Pantanal.

Repúdio
A Associação Nacional dos Surdos Oralizados (Anaso) assinou nota de repúdio contra a nova política de educação especial anunciada pelo governo federal. Alega que o decreto não traz qualquer previsão de inclusão escolar para surdos oralizados.

Emissão de documento
A Assembleia retomou o serviço de emissão de identidade, mas o atendimento é por agendamento no site.

Conteúdo exclusivo para assinantes!

Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

Matérias exclusivas, infográficos, colunas especiais e muito mais, produzido especialmente pra quem é assinante.

Apenas R$ 9,90/mês
Assinar agora
esqueceu a senha?

Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados