Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Tripulantes passam mal após inalarem gás em navio

Notícias

Cidades

Tripulantes passam mal após inalarem gás em navio


Helicóptero chegando na Capitania dos Portos (Foto: Bruna Maria/ TV Tribuna)
Helicóptero chegando na Capitania dos Portos (Foto: Bruna Maria/ TV Tribuna)

Dois tripulantes passaram mal após inalarem gás em um navio que saiu da Argentina e seguia para a Espanha. Eles foram socorridos em alto mar e levados de helicóptero para a Capitania dos Portos do Espírito Santo, em Vitória.

Outro tripulante se sentiu mal após o ocorrido, mas não teria inalado o gás. Ele também foi socorrido.

O navio não passaria pelo Estado, mas foi pedida ajuda por conta da proximidade. Quatro ambulâncias foram preparadas para socorrer as vítimas no pátio da Capitania dos Portos, que chegaram às 8 horas.

O Grupo Meridional disse que "prestou atendimento e fez a remoção de três tripulantes do navio. Dois deles estão no Meridional Praia da Costa, em Vila Velha. Eles estão estáveis, na UTI, fazendo oxigenoterapia. O terceiro tripulante atendido não inalou o gás, mas ficou em estado de choque e foi levado ao Hospital Meridional em Cariacica, referência em neurologia, com suspeita de AVC, para avaliação do quadro clínico".

A Marinha do Brasil, por meio do Comando do 1. Distrito Naval, informou que "a Capitania dos Portos do Espírito Santo (CPES) recebeu a informação nesta quarta-feira (17) sobre fato da navegação envolvendo quatro tripulantes do Navio Mercante “AP DUBRAVA”, bandeira Ilhas Marshall, que partiu de San Lorenzo (Argentina) e tinha como destino Las Palmas (Espanha).

O serviço de Busca e Salvamento da Marinha do Brasil foi acionado para o resgate dos tripulantes da embarcação, dando início a operação que conta com uma aeronave da MB e o apoio da CPES.

Três tripulantes foram resgatados e transportados por aeronave da Marinha do Brasil até a Capitania dos Portos de onde seguiram para tratamento nos hospitais da Grande Vitória."


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados