search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Trégua entre presidente e Valeixo não convence
Coluna do Estadão

Andreza Matais e Marcelo de Moraes


Trégua entre presidente e Valeixo não convence

A aparente trégua na relação Jair Bolsonaro-Polícia Federal não convence integrantes da corporação. Há a avaliação de que o Presidente deve trocar o comando em uma eventual mexida na Esplanada dos Ministérios, algo comum a vários governos entre o final de um ano e o carnaval do outro.

O grupo hoje à frente da PF até já lamenta um quadro como Maurício Valeixo, tido como técnico e capacitado, permanecer por período tão curto como diretor-geral. Mas trata a assunção das gerações mais novas como apenas “uma questão de tempo”.

Redução de danos. A solução da troca de comando dentro de uma reforma ministerial não é vista como ideal no governo, porém daria a ele a oportunidade de sair pela porta da frente, o que não teria ocorrido se tivesse sido demitido no mês passado, quando esteve por um fio no cargo.

Renovação. No início de setembro, delegados da geração 1997-2001 começaram a se movimentar para chegar ao comando da Polícia Federal, diante das demonstrações de insatisfação de Jair Bolsonaro. O secretário de Segurança do Distrito Federal, Anderson Torres, figurava entre os preferidos.

Novo capítulo. Em “live” na quinta-feira passada, Jair Bolsonaro afirmou que o delegado da PF que conduziu o inquérito das candidaturas laranjas em Minas agiu de “má-fé”. “E eu não vou falar outras coisas aqui para não me irritar.”

Comparação. Pelos cálculos do Tribunal de Contas da União (TCU), a campanha do pacote anticrime do ministro Sergio Moro, estimada em R$ 10 milhões, foi mais cara do que os R$ 2,4 milhões que Bolsonaro declarou ter gasto em sua campanha à Presidência.

O crime não poupa...
Relator do pacote anticrime, o gabinete do senador Marcos do Val (Podemos-ES) foi vítima de trote telefônico de quadrilhas que operam de dentro dos presídios. Uma funcionária de seu gabinete se desesperou ao receber a ligação de um desconhecido que afirmava ter sua filha como refém.

...ninguém. O senador intermediou a conversa até se assegurar de que a garota estava em aula na faculdade e em segurança.

CLICK. Nas redes sociais, clã Bolsonaro mostrou imagens do Presidente sendo exaltado no evento de formatura dos sargentos da Polícia Militar, em São Paulo.

Campo... Conforme determina o protocolo, a revista de tropas deve ser feita pela mais alta autoridade presente em eventos militares. No caso da formatura de sargentos da PM ontem em São Paulo, a honraria, claro, caberia ao presidente Bolsonaro.

...minado. O Presidente, porém, abriu mão e pediu a João Doria que passasse as tropas em revista. Foi também nesse momento que o governador foi vaiado por parte da plateia. Para apoiadores do tucano, Bolsonaro armou uma cama de gato para seu antigo apoiador.

Calma aí. Não está garantida a Joice Hasselmann a vaga de candidato a prefeito de São Paulo dentro do DEM.

Mãozinha... Desprezado pelo atual governo Jair Bolsonaro, o ex-chanceler e representante do Brasil na ONU, Mauro Vieira, contou com um aliado para apressar sua sabatina no Senado: o ex-ministro Francisco Dornelles (PP-RJ).

...amiga. Vieira conseguiu ser sabatinado para o cargo de embaixador do Brasil na Croácia quando Bolsonaro voltava do discurso na abertura da Assembleia-Geral da ONU.

BOMBOU NAS REDES

"Não adianta matar o mensageiro quando a notícia é ruim. É preciso política pública para defender a Amazônia”

Orlando Silva, deputado federal (PCdoB-SP)

Conteúdo exclusivo para assinantes!

Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

Matérias exclusivas, infográficos, colunas especiais e muito mais, produzido especialmente pra quem é assinante.

Apenas R$ 9,90/mês
Assinar agora
esqueceu a senha?

últimas dessa coluna


Exclusivo
Coluna do Estadão

Maia e oposição dialogam para recompor forças

A oposição a Jair Bolsonaro na Câmara conseguiu ver uma janela de oportunidade na recém-formada aliança do Centrão com o governo: a reaproximação com Rodrigo Maia (DEM-RJ). Para líderes da …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Prefeitos temem não pagar salários de maio

A demora do presidente Jair Bolsonaro em sancionar a lei que autoriza o repasse direto da ajuda de R$ 60 bilhões para estados e municípios enfrentarem os efeitos da Covid-19 deixou prefeitos de todo …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Ministros do Supremo perguntam: e a Saúde?

Mais do que as ofensas e os palavrões presentes na reunião de 22 de abril, escancaradas pelos vídeos divulgados na última sexta-feira, uma ausência impressionou mais ministros do Supremo Tribunal …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Embates preocupam o ministro da Defesa

Interlocutores do ministro da Defesa, Fernando Azevedo e Silva, dizem que ele está muito “preocupado” e “pensativo” com o momento. Nos bastidores, a crítica dele seria direcionada especialmente ao …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Em “paz” com Bolsonaro, Maia sai do alvo das redes

O “armistício” entre Jair Bolsonaro e Rodrigo Maia (DEM-RJ), firmado há pouco mais de um mês, passou por um pacto de não agressão nas redes sociais. Depois de uma avalanche de pedidos por “Fora, …


Exclusivo
Coluna do Estadão

“Isolamento social” deve ficar de fora de reunião

O Planalto quer aproveitar a primeira reunião do Presidente com todos os governadores desde o início da pandemia para melhorar o diálogo institucional. A expectativa é de que a conversa ocorra sem as …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Secretários se queixam da ausência de Regina

No mesmo dia em que o presidente Jair Bolsonaro expôs Regina Duarte a um novo capítulo de fritura pública, completaram-se dois meses que a secretária de Cultura não se reúne com o colegiado de …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Nos estados, protocolo de cloroquina não muda

O novo protocolo de uso da cloroquina no tratamento de pacientes com coronavírus do Ministério da Saúde deve acabar ignorado nos estados. Governadores ouvidos pela coluna, de norte a sul, relatam que …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Barroso pede dados sobre eleição na Coreia

O ministro Luís Roberto Barroso, prestes a assumir a presidência do Tribunal Superior Eleitoral, pediu ao futuro assessor internacional do Supremo, José Gilberto Scandiucci, informações sobre como …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Municípios querem fila única de leitos de UTI

A Confederação Nacional de Municípios (CNM) elaborou um estudo em que defende a implementação da fila única de leitos de UTI para tratamento de pacientes com coronavírus. O documento, obtido com …


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados