Trabalho Voluntário: incentivo ao altruísmo e solidariedade

No início do mês dezembro foi celebrado o Dia Internacional do Voluntário. A data foi instituída pela Organização das Nações Unidas (ONU) em 1985, com o objetivo de promover ações de voluntariado em todas as esferas da sociedade ao redor do mundo, além de refletir sobre o trabalho.

O voluntariado surge na Associação Capixaba Contra o Câncer Infantil (Acacci) desde sua fundação em 1988, quando profissionais da área da saúde e pais de pacientes em tratamento onco-hematológico no Hospital Infantil Nossa Senhora da Glória (HINSG) mobilizaram-se pela criação de um espaço que buscasse oferecer oportunidades de continuidade ao tratamento e, consequentemente, elevar os índices de cura.

Com o tempo, o grupo foi crescendo e ganhando mais espaço, verificando-se a necessidade de uma maior organização e planejamento do trabalho voluntário. Entre os principais desafios estava a profissionalização do setor e uma maior proximidade com os voluntários.

Para tanto, a Acacci está em processo de reformulação do Programa de Voluntariado, regulamentado pela Lei nº 9.608 de 18/02/98, pois a Entidade entende que esses sujeitos são um dos pilares de sustentação dos serviços que a ACACCI presta. O Programa busca incentivar a participação da sociedade e aproximá-la das atividades desenvolvidas pela Entidade, tendo como objetivo geral envolver a comunidade e contribuir com a qualidade e melhoria das ações sociais.

O trabalho voluntário visa estimular as habilidades pessoais e profissionais dos indivíduos, incentivando o altruísmo e a solidariedade nas práticas de ações voluntárias.

O exercício voluntário possui, ainda, uma importância social e uma gratificação pessoal para quem o realiza.

Os voluntários da Acacci são de grande valor para a Instituição, pois representam importantes atores na luta contra o câncer infantojuvenil.

Atualmente, a instituição conta com cerca de 200 voluntários, distribuídos em diversos setores – brinquedoteca, almoxarifado, cozinha, capelania, convivendo com arte, acolhimento, bazar e eventos.

Hoje, eles chegam até a Acaccipor meio do contato pessoal, telefone, e-mail ou pelo site e, a partir disso, são convidados para participar do Encontro com Voluntário, onde recebem todas as informações necessárias para realizarem o trabalho. Após esse momento, assinam o Termo de Adesão do Voluntário e começam a colaborar.

A Acacci, recentemente, em São Paulo, ficou em primeiro no lugar no Troféu Atitude de Outro, na categoria “Orgulho de Ser Voluntário”, promovido pelo Instituto Ronald McDonald (IRM), pela participação na campanha McDia Feliz 2018.

São essas e outras conquistas que reforçam o quanto o trabalho voluntário é importante para a Entidade. Mais do que isso, reforça que o voluntário é um personagem valioso e de transformação para a vida de tantas pessoas.

O trabalho voluntário representa o exercício de cidadania, movida por uma relação solidária com o próximo. Torne-se um voluntário e contribua para potencializar a cura de crianças e adolescente com câncer. Participe dessa história de solidariedade você também!

Izabella Vasconcelos – Assistente Social e Responsável pela Programa de Voluntariado da Acacci


últimas dessa coluna


Mudanças sociais também aceleram o sofrimento humano

Mudanças nos contextos sociais, políticos, culturais e econômicos, ocorridas no mundo desde o século XIX e que se fortaleceram durante o século passado, trouxeram transformações relevantes para a …


Cláusula de desempenho ajuda, mas ainda não resolve tudo

A Emenda Constitucional nº 97 veio a combater um dos maiores males de nossa democracia: o pluripartidarismo desenfreado. No Brasil, atualmente, existem 35 partidos políticos registrados no Tribunal …


Aposentadoria por tempo de contribuição com os dias contados

O novo texto da reforma da Previdência está sendo lapidado pela nova equipe econômica do presidente Jair Bolsonaro. Nos bastidores, estão vazando uma série de alternativas que estão sendo ventiladas …


Pintura não é apenas obra de arte, é uma obra para a arte

Nossos ancestrais de mais de 3 milhões de anos não se interessavam por arte. Viviam nas florestas da África saltando de galho em galho. Nossos retataravós, os australopitecus, mudaram da floresta …


Mais de 22 milhões de bagagens extraviadas por ano no mundo

Dentre as diversas expectativas para o ano que está começando, os analistas econômicos convergem num ponto: haverá considerável crescimento econômico no Brasil. O aquecimento da economia já está em …


Mercado de crédito digital é visto como grande negócio

Historicamente, a tomada de crédito sempre foi relacionada aos bancos tradicionais, o que acabava limitando o acesso a empréstimos por grande parte da população que, de alguma forma, não era …


RH digital: novas tecnologias na área de gestão de pessoas

O setor de Recursos Humanos (RH) está vivendo uma transformação sem limites graças às novas tecnologias e também à chegada das novas gerações ao mercado de trabalho. Como consequência, o relacionamen…


Linguagem não verbal dos profissionais bem-sucedidos

Como você é percebido ou gostaria de ser notado durante as suas conversas, reuniões, entrevistas e uma infinidade de atividades que exigem o ato de se comunicar bem? Embora a resposta possa …


Camata: sabedoria para governar no presente e pensar no futuro

Em 1983, Gerson Camata assumia o governo do Espírito Santo. Uma carreira política, já vitoriosa, se constituiria, a partir de então, como um marco da história política capixaba, e que se seguiria com …


Déficit fiscal traz dor de cabeça para o novo governo

O ano de 2019 inicia cercado de expectativas em relação à gestão do novo presidente da República e sua equipe. O Brasil vive uma situação fiscal dramática e, para este ano, o déficit previsto no …