Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Teletrabalho e a possibilidade legal da empresa reduzir custos
Tribuna Livre

Teletrabalho e a possibilidade legal da empresa reduzir custos

O teletrabalho é previsto no Capítulo II-A da CLT, porém, empresários e trabalhadores ainda têm dúvidas sobre essa modalidade contratual, também chamada de home office.

O teletrabalho nada mais é do que trabalho prestado à distância, com o empregado contratado para prestar serviços fora das dependências do empregador. A modalidade pode ser utilizada para atividades que utilizam tecnologias de informação e comunicação.

A grande vantagem da prestação dos serviços à distância é que ela pode gerar redução de custos para a empresa, visto que não será necessário o fornecimento de vale transporte, além da redução de gastos com água, energia elétrica, materiais de escritório, entre outros.

A CLT prevê que o empregado contratado na modalidade de teletrabalho está excluído do capítulo que trata da duração das atividades. Isso quer dizer que não existe controle de jornada e registro de ponto, pagamento de horas extras, banco de horas ou pagamento do adicional noturno.

Porém, há a exigência legal de anotação na carteira de trabalho (CTPS) do empregado, explicitando que a contratação é feita como teletrabalho. Devem ser especificadas as atividades que serão realizadas e tudo precisa estar claro, sob pena de a contratação ser questionada judicialmente.

Também deverá constar explicitamente no contrato individual quem, empregado ou empregador (ou ambos), será responsável pela aquisição, manutenção e fornecimento dos equipamentos tecnológicos e da infraestrutura necessária à prestação do serviço à distância, como computadores e impressoras, por exemplo.

É importante pensar ainda se haverá reembolso com despesas de água, luz, internet, telefone, etc. O texto legal não exige que tais gastos sejam assumidos pelo empresário, logo isso deverá ser ajustado diretamente com o empregado.

Quanto mais detalhado for o contrato individual de trabalho, melhor para o empregador. Isso reduzirá as chances de ser demandado judicialmente, sob a alegação de que havia se comprometido a arcar com aquisições e reembolsos, sem que isso tenha sido ajustado.

Caso o empresário se comprometa a assumir algum custo, os valores despendidos não devem integrar a remuneração do trabalhador. Os gastos não poderão, então, ser utilizados como base para o cálculo do 13º salário, férias, FGTS e recolhimentos previdenciários.

Outro ponto importante é que o empregador deverá instruir o empregado sobre as precauções a serem adotadas para evitar doenças e acidentes de trabalho, uma vez que ele estará prestando os serviços fora dos limites físicos da empresa, sem que haja fiscalização direta, como nos ambientes tradicionais. O trabalhador deverá assinar um termo se comprometendo a seguir as instruções e, caso não cumpra, poderá até ser dispensado por justa causa.

Como se vê, o teletrabalho pode ser uma ótima opção para a empresa que pretende contratar novos empregados e também para a redução dos custos.
Só é preciso ter um pouco de atenção e seguir alguns cuidados para converter esse modelo em oportunidades e benefícios para ambas as partes.

Marco Antonio Redinz é advogado, professor universitário, escritor e membro do Conselho Temático da Micro e Pequena Empresa (Compem) da Findes.

Conteúdo exclusivo para assinantes!

Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

Matérias exclusivas, infográficos, colunas especiais e muito mais, produzido especialmente pra quem é assinante.

Apenas R$ 9,90/mês
Assinar agora

últimas dessa coluna


Exclusivo
Tribuna Livre

Você pode ser indenizado por ligações excessivas de call center!

Anda recebendo ligações insistentes de alguma empresa ou operadora? Difícil é encontrar quem não passe por essa situação. Uma cena comum do dia a dia: o celular começa a receber insistentes ligações, …


Exclusivo
Tribuna Livre

Vida nova no Velho Continente

Todos nós conhecemos alguém que já tenha demonstrado interesse em se mudar do Brasil, seja por querer um novo rumo para sua carreira, seja por desejar uma vida melhor para sua família. De acordo com …


Exclusivo
Tribuna Livre

No Meio Ambiente, precisamos derrotar o retrocesso!

Este ano, três deputados noruegueses indicaram a adolescente ecologista sueca Greta Thunberg, de 16 anos, ao Prêmio Nobel da Paz. Ela protesta para que o mundo preste mais atenção e aja contra …


Exclusivo
Tribuna Livre

O que fazer com a ilegalidade que esclarece ou diz esclarecer?

Esta semana, o site The Intercept Brasil publicou três reportagens que miravam diretamente a imagem mítica personificada na mais longa operação já anunciada no Brasil, no que contraria o sentido de …


Exclusivo
Tribuna Livre

O direito à plena infância

Doze de junho, além de Dia dos Namorados, é Dia de Combate ao Trabalho Infantil. Esta data foi instituída pela Organização Internacional do Trabalho (OIT), em 2002, quando da apresentação do primeiro …


Exclusivo
Tribuna Livre

A Medida Provisória 881/2019 e a Liberdade Econômica

Um dos temas importantes de discussão no Brasil é se estamos caminhando para mais uma década perdida, visto que, no período de 2011 a 2020, o crescimento médio do PIB brasileiro projetado é de apenas …


Exclusivo
Tribuna Livre

O caso Neymar e o tribunal da internet

A história da humanidade é, também, a história da evolução dos meios válidos de se chegar à verdade sobre um fato, para se permitir um julgamento. No passado, já se entendeu como método racional as …


Exclusivo
Tribuna Livre

Universidade pública e indignação com os cortes

O que a universidade pública tem a ver com você, leitor, e com você, leitora? Vamos refletir sobre isso? Por que a educação superior pública é importante na vida de cada um de nós? E por que é …


Exclusivo
Tribuna Livre

Mercado imobiliário, otimismo e entraves

Recente pesquisa realizada pelo Sindicato da Indústria da Construção Civil (Sinduscon-ES) mostra a previsão de lançamentos imobiliários, edição 2019, e inclui levantamento sobre os principais …


Exclusivo
Tribuna Livre

A necessidade de repensar a educação no Brasil

Mais da metade dos recursos do Ministério da Educação é aplicada no ensino superior, o que contraria a Constituição Federal, que dá prioridade ao combate ao analfabetismo e ao ensino fundamental. …


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados