search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Tabata vê ação do PDT para desgastá-la
Coluna do Estadão

Andreza Matais e Marcelo de Moraes


Tabata vê ação do PDT para desgastá-la

Apesar de, reservadamente, entender não ter mais clima para ficar no PDT, Tabata Amaral (SP) se recusa a assumir a culpa que o partido quer impor a ela por ter votado a favor da reforma da Previdência e pedir para sair. A deputada federal, segundo interlocutores, enxerga uma nítida intenção dos dirigentes de desgastá-la num processo lento, mesmo ela estando suspensa, ou seja, já ter sido punida pela cúpula pedetista. Para além do PDT, Tabata vislumbra seu futuro na criação de um partido ou no Cidadania. PSDB e DEM estão descartados.

Pote. Uma das grandes mágoas dos deputados punidos pelo PDT: eles poderiam ter recorrido ao STF em busca de uma liminar que liberasse o grupo na votação da reforma, mas preferiram não judicializar a questão apostando no jogo limpo dentro do partido.

Semelhanças. Há convergências entre a reforma da Previdência aprovada na Câmara e o programa de governo de Ciro Gomes e do PDT, ainda que o presidenciável tenha dito o contrário em entrevista recente: idades mínimas diferenciadas e políticas assistenciais, por exemplo.

Semelhanças II. No caso da capitalização (acabou fora da reforma), a proposta do então candidato Ciro Gomes era ainda mais rígida do que a apresentada pelo governo, argumentam os defensores de Tabata.

Rodrigo Maia participou de evento  do grupo Brasil de Ideias – Mulheres Positivas (Foto: Marcelo Chello/ Agência Estado)
Rodrigo Maia participou de evento do grupo Brasil de Ideias – Mulheres Positivas (Foto: Marcelo Chello/ Agência Estado)
CLICK. Em São Paulo, Rodrigo Maia participou de evento do grupo Brasil de Ideias – Mulheres Positivas. Ele falou sobre a reforma tributária e o pacote anticrime.

A conta. O governo estima ter entre 56 e 60 votos tanto para a indicação de Augusto Aras à PGR quanto para aprovar a reforma da Previdência no Senado, ressalvados os destaques.

O nó. Aras ainda encontra resistência entre alguns integrantes da turma da Lava Toga, como Alvaro Dias (Podemos-PR) e Alessandro Vieira (Cidadania-SE). No MDB, a escolha de Eduardo Braga (AM) como relator da indicação deve facilitar as coisas para o governo.

Cabo de guerra. Ao defender a saída de seu colega Flávio Bolsonaro (RJ) do PSL, o senador Major Olímpio (SP) falou em nome de ala do partido que já prega um rompimento com a família do Presidente. Esse grupo sonha com uma chapa Sérgio Moro e Janaina Paschoal na eleição presidencial de 2022.

Moro... Apesar de não ter assento, o ministro Sergio Moro participou em março de reunião do Conselho Gestor do Fundo de Defesa dos Direitos Difusos (FDD). Contrariando posição do governo, orientou para o uso dos recursos do fundo “de forma efetiva”.

Na rota de... O Estado revelou que há uma disputa judicial para destravar R$ 2,5 bilhões do fundo. Na contramão do que defende Moro, a Economia e a AGU argumentam que o recurso é fundamental para o equilíbrio das contas públicas.

...colisão. Na reunião, Moro agradeceu aos representantes do Ministério Público que defendem na Justiça, contra a União, a liberação da verba. Ele afirmou à Coluna que queria “prestigiar o conselho”.

Jeitinho. Universidades traçam estratégia para driblar o modus operandi do MEC de escolher o nome que preferir da lista tríplice para reitores. A ideia é enviar ao ministério o primeiro colocado e mais dois nomes do mesmo grupo dele. Assim, ficaria preservado, de certa forma, o projeto político do mais votado.

Pronto, falei!

Sobre o senador Flávio Bolsonaro ser contra a CPI da Lava Toga

Janaina Paschoal, deputada estadual (PSL-SP)

Conteúdo exclusivo para assinantes!

Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

Matérias exclusivas, infográficos, colunas especiais e muito mais, produzido especialmente pra quem é assinante.

Apenas R$ 9,90/mês
Assinar agora
esqueceu a senha?

últimas dessa coluna


Exclusivo
Coluna do Estadão

“Lula livre” determinará alianças na esquerda

Fora da carceragem, Lula começará a organizar a participação do PT nas eleições municipais, já com vistas na sucessão de Jair Bolsonaro em 2022. No discurso, petistas vão reforçar a necessidade …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Narrativa do “Mandela” só cola nos convertidos

Apesar de a nova narrativa disponível na praça tentar transformar Lula no “Mandela brasileiro”, capaz de unir o País, os petistas mais lúcidos sabem que ela não vai prosperar: a polarização que Lula …


Exclusivo
Coluna do Estadão

PEC propõe restringir a judicialização da saúde

A PEC 188/2019, proposta pelo governo Jair Bolsonaro para ajustar pontos do pacto federativo, abre caminho para restringir ao máximo a compra de remédios para pacientes do SUS por decisões judiciais. …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Estabilidade política como fator econômico

O resultado abaixo do esperado pelo País no leilão do pré-sal consolidou entre analistas do mercado uma percepção antiga: o ajuste nas contas não surtirá o efeito desejado se, politicamente, o …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Senado protagonista causa ciúme na Câmara

O clima de ciumeira instalado no Congresso desde o início da atual legislatura mudou de Casa: trocou o Senado pela Câmara. Rodrigo Maia (DEM-RJ) tem dito a líderes e a aliados não ver motivos …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Sete de Setembro eleva gasto em embaixadas

O Itamaraty aumentou em 40% o gasto com festividades e comemorações nas embaixadas e consulados do Brasil em setembro deste ano, em comparação com o mesmo mês de 2018. O desembolso saltou de R$ …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Governo tenta reverter desgastes do óleo no Nordeste

O desastre ambiental do óleo nas praias do Nordeste tem tudo para ser um limão transformado em limonada, avaliam diplomatas e membros do governo ouvidos pela Coluna. Diferentemente das queimadas …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Cenário é desfavorável a Eduardo em Conselho

Se for mesmo parar no Conselho de Ética da Câmara, como quer a oposição, Eduardo Bolsonaro não encontrará um cenário amigável: três das quatro vagas do PSL, por exemplo, estão com a ala ligada a …


Exclusivo
Coluna do Estadão

“Traidores” do PSL se solidarizam com clã

Parlamentares alinhados a Luciano Bivar na disputa interna do PSL aproveitaram o depoimento (mentiroso, segundo o MP) do porteiro na investigação do assassinato de Marielle Franco para se manifestare…


Exclusivo
Coluna do Estadão

Vizinhos amplificam revés do bolsonarismo

O cerco popular ao governo do Chile e a vitória da esquerda na Argentina potencializaram uma derrota de Jair Bolsonaro que muitos interpretaram como sendo apenas um capricho familiar frustrado: o …


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados