Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Tabata vê ação do PDT para desgastá-la
Coluna do Estadão

Andreza Matais e Marcelo de Moraes


Tabata vê ação do PDT para desgastá-la

Apesar de, reservadamente, entender não ter mais clima para ficar no PDT, Tabata Amaral (SP) se recusa a assumir a culpa que o partido quer impor a ela por ter votado a favor da reforma da Previdência e pedir para sair. A deputada federal, segundo interlocutores, enxerga uma nítida intenção dos dirigentes de desgastá-la num processo lento, mesmo ela estando suspensa, ou seja, já ter sido punida pela cúpula pedetista. Para além do PDT, Tabata vislumbra seu futuro na criação de um partido ou no Cidadania. PSDB e DEM estão descartados.

Pote. Uma das grandes mágoas dos deputados punidos pelo PDT: eles poderiam ter recorrido ao STF em busca de uma liminar que liberasse o grupo na votação da reforma, mas preferiram não judicializar a questão apostando no jogo limpo dentro do partido.

Semelhanças. Há convergências entre a reforma da Previdência aprovada na Câmara e o programa de governo de Ciro Gomes e do PDT, ainda que o presidenciável tenha dito o contrário em entrevista recente: idades mínimas diferenciadas e políticas assistenciais, por exemplo.

Semelhanças II. No caso da capitalização (acabou fora da reforma), a proposta do então candidato Ciro Gomes era ainda mais rígida do que a apresentada pelo governo, argumentam os defensores de Tabata.

Rodrigo Maia participou de evento  do grupo Brasil de Ideias – Mulheres Positivas (Foto: Marcelo Chello/ Agência Estado)
Rodrigo Maia participou de evento do grupo Brasil de Ideias – Mulheres Positivas (Foto: Marcelo Chello/ Agência Estado)
CLICK. Em São Paulo, Rodrigo Maia participou de evento do grupo Brasil de Ideias – Mulheres Positivas. Ele falou sobre a reforma tributária e o pacote anticrime.

A conta. O governo estima ter entre 56 e 60 votos tanto para a indicação de Augusto Aras à PGR quanto para aprovar a reforma da Previdência no Senado, ressalvados os destaques.

O nó. Aras ainda encontra resistência entre alguns integrantes da turma da Lava Toga, como Alvaro Dias (Podemos-PR) e Alessandro Vieira (Cidadania-SE). No MDB, a escolha de Eduardo Braga (AM) como relator da indicação deve facilitar as coisas para o governo.

Cabo de guerra. Ao defender a saída de seu colega Flávio Bolsonaro (RJ) do PSL, o senador Major Olímpio (SP) falou em nome de ala do partido que já prega um rompimento com a família do Presidente. Esse grupo sonha com uma chapa Sérgio Moro e Janaina Paschoal na eleição presidencial de 2022.

Moro... Apesar de não ter assento, o ministro Sergio Moro participou em março de reunião do Conselho Gestor do Fundo de Defesa dos Direitos Difusos (FDD). Contrariando posição do governo, orientou para o uso dos recursos do fundo “de forma efetiva”.

Na rota de... O Estado revelou que há uma disputa judicial para destravar R$ 2,5 bilhões do fundo. Na contramão do que defende Moro, a Economia e a AGU argumentam que o recurso é fundamental para o equilíbrio das contas públicas.

...colisão. Na reunião, Moro agradeceu aos representantes do Ministério Público que defendem na Justiça, contra a União, a liberação da verba. Ele afirmou à Coluna que queria “prestigiar o conselho”.

Jeitinho. Universidades traçam estratégia para driblar o modus operandi do MEC de escolher o nome que preferir da lista tríplice para reitores. A ideia é enviar ao ministério o primeiro colocado e mais dois nomes do mesmo grupo dele. Assim, ficaria preservado, de certa forma, o projeto político do mais votado.

Pronto, falei!

Sobre o senador Flávio Bolsonaro ser contra a CPI da Lava Toga

Janaina Paschoal, deputada estadual (PSL-SP)

Conteúdo exclusivo para assinantes!

Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

Matérias exclusivas, infográficos, colunas especiais e muito mais, produzido especialmente pra quem é assinante.

Apenas R$ 9,90/mês
Assinar agora
esqueceu a senha?

últimas dessa coluna


Exclusivo
Coluna do Estadão

TCU fará auditoria no fundo soberano de Lula

O ministro do Tribunal de Contas da União (TCU) Bruno Dantas autorizou uma auditoria para verificar a regularidade das operações no Fundo Soberano do Brasil. Aproveitou a postura colaborativa de …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Um janelão partidário para março de 2020

A pretexto de acabar com a janela partidária, o deputado Paulo Pereira Silva, o Paulinho da Força (Solidariedade-SP), articula justamente um novo “janelão” para ser aberto no ano eleitoral de 2020. …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Partido menor se torna alternativa mais viável

Horas após a reunião da cúpula do PSL que suspendeu aliados de Jair Bolsonaro, o clã avaliou que o caminho mais viável no momento é pousar em uma legenda menor enquanto o Conservadores (Eduardo tenta …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Sentença reforça tese do “estardalhaço” na PGR

A recente decisão da Justiça de absolver Michel Temer foi interpretada como o mais um duro golpe no “legado” de Rodrigo Janot, autor da denúncia contra o ex-presidente. A sentença do juiz …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Planalto na articulação para desidratar Bivar

Um dia após a operação da Polícia Federal que teve o presidente do PSL como um dos alvos, os bolsonaristas se reuniram no Palácio do Planalto para tentar reduzir a força de Luciano Bivar (PE) dentro …


Exclusivo
Coluna do Estadão

“Gaeco” da Lava a Jato é opção para Dallagnol

Procuradores da Lava a Jato em Curitiba acreditam que Deltan Dallagnol poderá se candidatar ao cargo de procurador regional, para atuar na segunda instância do Ministério Público Federal, caso a …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Pacto Federativo ficará a cargo do Senado

O governo federal definiu sua agenda econômica no Legislativo para este resto de ano e decidiu mesmo deixar com o Senado a proposta do Pacto Federativo. Ainda falta acertar quem, em linha com o …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Obra do Rodoanel volta com câmeras ao vivo

Alvo da Lava a Jato em São Paulo, o trecho Norte do Rodoanel será retomado pelo governo paulista em 2020. Todos os contratos foram rescindidos e novas licitações deverão ser realizadas para os seis …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Trégua entre presidente e Valeixo não convence

A aparente trégua na relação Jair Bolsonaro-Polícia Federal não convence integrantes da corporação. Há a avaliação de que o Presidente deve trocar o comando em uma eventual mexida na Esplanada dos …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Governo simplifica repasses a municípios

A um ano das eleições, o ministro Paulo Guedes assinou portaria para desburocratizar repasses a obras em municípios. O texto atende os parlamentares e os prefeitos insatisfeitos com custos e com a …


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados