search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

T-Cross é o campeão de economia no consumo de combustível
Sobre Rodas

T-Cross é o campeão de economia no consumo de combustível

Modelo é produzido em São José dos Pinhais, no Paraná (Foto: Assessoria Volkswagen)
Modelo é produzido em São José dos Pinhais, no Paraná (Foto: Assessoria Volkswagen)

Está de olho em um SUV compacto? As opções são variadas. Uns saem na frente pelo design. Outros pelo bom desempenho. E há aqueles que se destacam pela relação custo-benefício. Mas se para você o que mais importa é a economia de combustível, Sobre Rodas vai te dar uma mãozinha e publicar hoje a relação dos SVUs compactos flex mais econômicos do País.

E, nesse quesito, o campeão é o T-Cross, lançado pela Volkswagen no mercado nacional no início deste ano. Assim como outros veículos da marca que usam os motores TSI, o T-Cross se mostra eficiente em relação ao consumo.

Com boa disposição para enfrentar tanto ciclo urbano quanto rodoviário, agilidade nas arrancadas e as últimas marchas bem longas, o modelo com câmbio manual obteve boas médias de consumo, especialmente na estrada.

Versões

Produzido em São José dos Pinhais (PR) e dividindo a linha de montagem com Fox e Golf (esse último até o final do ano), o T-Cross está disponível em três versões, dois motores turbo (1.0 e 1.4) e preços entre R$ 84.990 e R$ 109.990.

Na lista aparecem ainda Peugeot 2008 THP, Ford EcoSport 1.5, JAC T40 e Nissan Kicks 1.6 CVT. O resultado foi elaborado com base no Programa Brasileiro de Etiquetagem Veicular (PBEV) pelos testes do Inmetro.

Foram levados em consideração apenas modelos flex à venda no Brasil e as médias com álcool e gasolina, em ciclos urbano (U) e rodoviário (R), além da classificação que o próprio PBEV faz, com notas de E (para menos eficientes) até A (máximo de eficiência). No ranking, aparecem as versões mais econômicas dos modelos.


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados