Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

T-Cross chega para encarar Creta, Renegade e HR-V
Sobre Rodas

T-Cross chega para encarar Creta, Renegade e HR-V

Principal lançamento da Volkswagen nos últimos anos, o T-Cross já está em fase de pré-venda no País (Foto: Assessoria Volkswagen)
Principal lançamento da Volkswagen nos últimos anos, o T-Cross já está em fase de pré-venda no País (Foto: Assessoria Volkswagen)

A Volkswagen acaba de apresentar no País o inédito T-Cross, que foi exibido ao consumidor brasileiro pela primeira vez durante o Salão do Automóvel de São Paulo, em 2018.

Menor SUV já vendido pela marca alemã no Brasil, o modelo tem como objetivo disputar vendas com Jeep Renegade, Honda HR-V, Ford EcoSport e Hyundai Creta. A versão inicial do T-Cross parte de R$ 84.990 e a topo de linha chega a R$ 109.990.

A pré-venda do modelo começou terça-feira e exige sinal de R$ 5 mil, e as entregas estão previstas para a primeira quinzena de março. Já os carros de test drive chegam às concessionárias no fim de março ou início de abril.

Segundo a fabricante, o T-Cross será vendido em três configurações. A de entrada não tem um nome específico, enquanto as demais são Comfortline e Highline.

As duas primeiras virão com motor 1.0 turbo flex de até 128 cv e 20,4 kgfm, enquanto a Highline será mais potente, com motor 1.4 turbo flex de 150 cv e 25,5 kgfm.

A produção do T-Cross em São José dos Pinhais, no Paraná, motivou a retomada do segundo turno na fábrica e o retorno de 500 empregados que estavam em lay-off. (Foto: Assessoria Volkswagen)
A produção do T-Cross em São José dos Pinhais, no Paraná, motivou a retomada do segundo turno na fábrica e o retorno de 500 empregados que estavam em lay-off. (Foto: Assessoria Volkswagen)

Porta-malas

Com 373 litros, o bagageiro do T-Cross é modesto. Supera em volume o do Renegade (320 l) e o do EcoSport (356 l), mas é menor que o de Creta (431 l) e HR-V (437 l). Para compensar, a empresa criou um sistema que amplia o compartimento para 420 litros.

Mas o recurso faz com que o encosto da segunda fileira de bancos fique mais vertical. Assim, os passageiros viajam com menos conforto em troca de 47 litros adicionais no porta-malas.

A compra antecipada do T-Cross garante brindes especiais. A versão Comfortline trará o Connect (plataforma digital que conecta as principais informações do veículo em um aplicativo) e um cooler personalizado.

Na Highline, além dos itens acima, o cliente ganhará uma bicicleta dobrável da marca Volkswagen. Inicialmente, serão oferecidas 400 unidades de cada versão.

O modelo é produzido em São José dos Pinhais, no Paraná, e, segundo a Volkswagen, a nacionalização das peças chega a 70%.

Detalhes do veículo

O T-Cross tem volante exclusivo e interior caprichado, com estilo jovial (Foto: Assessoria Volkswagen)
O T-Cross tem volante exclusivo e interior caprichado, com estilo jovial (Foto: Assessoria Volkswagen)
Carro tem 2 opções de câmbio (Foto: Assessoria Vokswagen)
Carro tem 2 opções de câmbio (Foto: Assessoria Vokswagen)


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados