search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Soltar Lula pode levar dois meses

Notícias

Publicidade | Anuncie

Política

Soltar Lula pode levar dois meses


 (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)
(Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Com a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) de barrar a prisão de condenados em segunda instância, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva esta mais perto da liberdade. No entanto, não é possível dizer quando ele deixará a Superintendência da Polícia Federal, em Curitiba (PR), onde está preso desde o dia 7 de abril de 2018.

Em tese, para que a decisão desta quinta-feira (7) tenha efeito, o STF precisa publicar o acórdão do julgamento (documento que contém a determinação do tribunal), e isso pode levar até dois meses para acontecer.

A Justiça Federal do Paraná, responsável por executar a pena de Lula, também precisa ser formalmente comunicada da decisão do Supremo ou provocada a agir pela defesa do ex-presidente, para autorizar a soltura.

A decisão do STF não exclui a possibilidade de que a Justiça, caso provocada pelo Ministério Público Federal (MPF), determine prisão preventiva do ex-presidente, se entender que há motivos para isso.

Leia também:
Defesa de Lula vai apresentar pedido de soltura imediata nesta sexta
Soltura de Lula agora depende de assinatura de juíza


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados