Simpósio sobre Autismo reunirá pacientes, famílias e profissionais

Familiares de pessoas com Transtorno de Espectro Autista (TEA) e profissionais especializados no diagnóstico e tratamento vão participar, no dia 8 de dezembro, do I Simpósio Colatinense de Autismo. O evento acontecerá das 8h às 17h, no Colégio Marista, em Colatina, e tem programação diversificada.

A palestra de abertura do simpósio, sob o tema "Novos conceitos no Autismo: Diagnóstico precoce às novas condutas", será ministrada pelo Neurologista Infantil Thiago Gusmão. Ele abordará sobre a importância do diagnóstico precoce, apresentando novas práticas e ações que permeiam a área.

Na sequência, a psicanalista e terapeuta Kelly Lopes comandará a palestra "Terapia familiar no TEA: Meu filho, a luz do mundo só depende de você", exemplificando as maneiras de lidar com os aspectos psicológicos das crianças autistas para que elas se sintam mais seguras. A terceira palestrante do dia é Lara Lopes, cantora diagnosticada com TEA, que apresentará uma performance musical e a palestra "A visão do mundo sendo autista: superando obstáculos".

Na parte da tarde, a programação fica por conta da psicóloga Camila Maria Colodetti, com a palestra "Intervenção baseada em Análise do Comportamento Aplicada ao Autismo", seguida pela fonoaudióloga Tania Soares, que falará sobre "A comunicação no TEA e atualidades no tratamento fonoaudiológico".

Finalizando as palestras, a terapeuta ocupacional Claudia Paganotto explanará sobre "Intervenção no Transtorno do Processamento Sensorial no TEA com o uso da Integração Sensorial". Em seguida, haverá uma mesa redonda onde todos os palestrantes discutirão casos clínicos com a plateia.

Os ingressos para o Simpósio estão no segundo lote e sendo vendidos pelo valor de R$ 100,00. Toda a renda arrecadada será revertida para a Apae de Colatina. Para inscrições e mais informações, basta entrar em contato com a Apae pelos telefones (27) 99821-5157, 99600-1882 ou 99753-2889.

Sobre o Transtorno de Espectro Autista (TEA)

O distúrbio Transtorno de Espectro Autista (TEA) afeta, segundo dados da Organização Mundial da Saúde, cerca de 70 milhões de pessoas no mundo e dois milhões no Brasil. O neurologista infantil Thiago Gusmão explica que o autismo é um transtorno de neurodesenvolvimento caracterizado pelo prejuízo em três importantes áreas: comunicação, socialização e comportamento repetitivo e restrito de atividades e interesses da criança.

O TEA pode se manifestar em diferentes graus de acometimento e formas clínicas, desde um quadro mais leve até os mais severos. Sem uma causa definida para o seu desenvolvimento, o autismo pode surgir devido a diversos fatores, sejam eles genéticos ou ambientais, como é o caso de stress, infecções, exposição a substâncias tóxicas e outras complicações na gravidez.