Entretenimento

Entretenimento

Show com gigantes do samba


Fundo de Quintal  vai cantar os hits “Boca Sem Dente”, “Lucidez” e  “Só Felicidade” (Foto: Divulgação/Show&Cia)
Fundo de Quintal vai cantar os hits “Boca Sem Dente”, “Lucidez” e “Só Felicidade” (Foto: Divulgação/Show&Cia)
Juntos, são mais de 90 anos de carreira. E, com eles, é só alegria! “O Barraco Desabou”? Vá de “pé na areia, caipirinha, água de coco, cervejinha” e se entregue ao samba. Afinal, “O Show Tem Que Continuar”.

Um encontro de gigantes do samba agita Meaípe no próximo sábado. Diogo Nogueira, Fundo de Quintal e Jorge Aragão chegam para quem quer começar o ano com o pé direito.

Jorge Aragão e Fundo de Quintal mostram seus clássicos do samba (Foto: Gabriel Silva)
Jorge Aragão e Fundo de Quintal mostram seus clássicos do samba (Foto: Gabriel Silva)
“O samba tem esse poder de transformar, de alegrar, de trazer otimismo para começarmos o ano com muita alegria”, confirma, em conversa com o AT2, Diogo Nogueira, que traz o hit “Pé na Areia” e a novidade “Tá Faltando o Quê?”.

O carioca de 36 anos sobe ao palco do Multiplace Mais, logo após o grupo Fundo de Quintal. O encerramento da noite de bambas será com o carioca Jorge Aragão, 69. Sobre uma canção com todos juntos, Diogo não descarta.

“Não sei como vai ser, pois cada um fará seu próprio show, mas é um prazer enorme cantar com esses mestres que sempre foram referência pra mim”, diz.

Diogo Nogueira cantará hits como “Pé na Areia” e sua mais nova música, “Tá Faltando o Quê” (Foto: Marcos Hermes)
Diogo Nogueira cantará hits como “Pé na Areia” e sua mais nova música, “Tá Faltando o Quê” (Foto: Marcos Hermes)
AT2: Como será a noite em Guarapari?
Diogo Nogueira: Estou muito feliz em voltar ao Espírito Santo. Fiz shows históricos em Vitória e Vila Velha e, desta vez, não será diferente. Quem estiver em Guarapari vai cantar e dançar do início ao fim do show.

AT2: Seus shows por aqui sempre lotam, é muito querido. Como é a relação com os fãs?
Diogo Nogueira: Tenho um carinho e uma gratidão enorme pelo público que me prestigia. Me sinto um privilegiado por isso.

AT2: Em suas redes sociais, indicou “Pé na Areia” para a virada do ano. O seu 2019 começou mesmo com “caipirinha, água de coco e cervejinha”?
Diogo Nogueira: Sim, e passei fazendo show, pela primeira vez, na Virada Paulista e foi maravilhoso. E vamos nessa por 2019, mas sempre com cautela e responsabilidade. Se dirigir, não beba!

AT2: Como avalia o ano de 2018? E o que espera de 2019?
Diogo Nogueira: Foi um ano de muito trabalho, mas um ano difícil para o nosso País. Espero que em 2019 seja melhor para todos.

AT2: Disse que vai lançar uma música nova a cada dois meses este ano.
Diogo Nogueira: Acabamos de lançar uma música nova, a “Tá Faltando o Quê”, e temos mais de 20 selecionadas para ir lançando aos poucos. Esse formato dos singles me agrada e a ideia é lançar uma novidade a cada período.

AT2: “Tá Faltando o Quê” tem um pé na Bahia, sem deixar de lado o samba carioca. É intencional?
Diogo Nogueira: Essa música é universal e tem a pitada do samba, que veio lá da África. Sempre busquei inspiração na raiz, mesmo que eu possa incluir outros elementos nas músicas que gravo.

AT2: Aproveito para devolver a pergunta da música: “Tá faltando o quê no teu querer?” Tá faltando algo?
Diogo Nogueira: Na verdade, essa pergunta também é uma resposta. Se olharmos bem, muitas vezes temos o principal, que é a saúde. Tendo saúde, precisamos de pouco para sermos felizes. Mas, se pensarmos no nosso povo, falta muita coisa e temos que lutar para conquistar.

AT2: Uma canção como esta, que celebra o amor, é uma forcinha para quem quer conquistar?
Diogo Nogueira: Sim, é uma forcinha, e é também uma provocação aos futuros casais. Tá faltando o quê para darem início ao amor? (Risos)

AT2: Martinho da Vila disse, após o lançamento de “Munduê”, que não irá falar mais que você é o filho do João Nogueira, e, sim, “um belo cantor, com personalidade própria”. O que achou disso?
Diogo Nogueira: Martinho é um ídolo, um ícone. Me senti lisonjeado e a responsabilidade só aumentou.

AT2:  Concilia muitos projetos como o “Samba na Gamboa”, shows e novos trabalhos. É um workaholic? Quando para, o que curte fazer?
Diogo Nogueira: Gosto de trabalhar, mas não abro mão de pegar uma praia e sempre que posso também pego onda. Adoro surfe!

Serviço:
Diogo Nogueira (RJ), Fundo de Quintal (RJ) e Jorge Aragão (RJ)
Quando: Sábado, às 22h
Onde: Multiplace Mais. R. A, Lote 9, Meaípe, Guarapari
Ingressos: Front Stage 2º lote a R$ 70,00 (meia) e Camarote 2 1º lote a R$ 100,00 (meia). Mesas para 4 pessoas: Bronze a R$ 800,00; Prata a R$ 1.200,00 e Ouro a R$ 1.300,00
Venda: Lojas Bagaggio (Shoppings Vitória, Mestre Álvaro, Praia da Costa e Boulevard); Indus (Shoppings Vitória, Vila Velha e Moxuara); Acqua (Centro de Guarapari); Divas (Cachoeiro de Itapemirim); Art & Corpo (Piúma e Anchieta) e site ticketpremium.com.br.
Classificação: 16 anos. Menores entre 14 e 15 anos somente acompanhados com os pais ou representante legal. Para o Maritmo, 18 anos
Apoio: A Tribuna