search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Rodovia pronta para o verão

Especial Sobre Rodas

Publicidade | Anuncie

Especial Sobre Rodas

Rodovia pronta para o verão


Recuperação do pavimento da rodovia do sol: concessionária finaliza obras (Foto: Mosaico Comunicação)
Recuperação do pavimento da rodovia do sol: concessionária finaliza obras (Foto: Mosaico Comunicação)

Ela já teve o triste apelido de “Rodovia da Morte” há cerca de 30 anos e hoje é considerada uma das vias mais bem cuidadas e seguras do País, segundo pesquisa da Confederação Nacional do Transporte (CNT), que avalia pavimento, geometria e sinalização das estradas brasileiras, e de dados da Associação Brasileira de Concessionárias de Rodovias.

Completando 21 anos de concessão este mês, os 67,5 quilômetros sob gestão da Rodosol ganham ainda mais destaque quando a estação mais quente do ano se aproxima e o ir e vir de capixabas e turistas para as praias ao sul do Estado, com ênfase para Guarapari, fica mais intenso.

O verão só começa oficialmente no dia 22 de dezembro, mas o trecho da Rodovia do Sol sob concessão já está pronto para garantir conforto e segurança aos usuários durante a temporada.

“Todos os anos realizamos a Operação Verão, reforçando equipes, a frota disponível e desenvolvendo campanhas de educação para o trânsito”, explica o diretor-presidente da Rodosol, Geraldo Dadalto.

Este ano, segundo ele, a concessionária também está finalizando as obras de recuperação do pavimento em toda a extensão da rodovia. São serviços de conserva especial que incluem correções de pontos específicos, nivelamento, microrrevestimento asfáltico e nova sinalização.

As obras levam em conta resultados de testes realizados a cada dois anos, que avaliam, entre outros pontos, o índice de irregularidade da pista, a qualidade e a resistência do pavimento.

Segundo o diretor-presidente da Rodosol, é a conserva especial que vem sendo realizada ao longo dos anos que corrige avarias antes que se tornem perceptíveis ao motorista. Esse trabalho foca na melhoria das condições de conforto e segurança para o usuário e é mantido de acordo com os índices previstos na norma técnica e em contrato.

“Nosso papel é zelar para preservar e melhorar as condições de conforto e segurança que, nestes 21 anos de concessão, nunca ficaram comprometidas. Ao contrário, os testes confirmam a qualidade estrutural do pavimento e nos permitem antecipar reparos, atuando de forma preventiva”, esclarece Geraldo.

Saiba mais

Microrrevestimento asfáltico (Foto: Mosaico Comunicação)
Microrrevestimento asfáltico (Foto: Mosaico Comunicação)
Testes

  • Utilizando tecnologia de ponta, testes são realizados a cada dois anos para avaliar o índice de irregularidade da pista, a qualidade e a resistência do pavimento. A partir daí, é possível saber com precisão a necessidade de reparos e em que pontos.

Pavimento

  • Os serviços foram feitos em etapas, buscando não causar transtornos aos usuários. Primeiro, o trabalho é realizado ponto a ponto, corrigindo os locais que precisam de reparo.
  • Em seguida, vem a etapa de execução do microrrevestimento asfáltico, que possui uma textura mais rugosa e propicia maior aderência do pneu ao pavimento, garantindo ainda mais segurança para quem trafega na via, principalmente em dias de chuva.

Sinalização

  • O microrrevestimento tem duas camadas. Depois da aplicação da primeira camada, é realizada uma sinalização provisória. A segunda camada é aplicada e, cerca de duas semanas depois, é feita a sinalização definitiva com implantação das tachas, sempre de acordo com as normas e padrões estabelecidas pelos órgãos competentes.
  • Na conclusão de cada trecho, a Rodosol implanta nova sinalização, com pintura das faixas e instalação de novas tachas (olhos de gato) e tachões, que contribuem para reforçar a segurança em caso de chuva e neblina.

Mais veículos de inspeção e novos painéis

Como parte do trabalho de preparação da Rodovia do Sol para o verão, a Rodosol está trabalhando na substituição de cerca de 1,2 mil lâmpadas de vapor de mercúrio por luminárias de LED na Terceira Ponte, nos trechos da Barra do Jucu e de Ponta da Fruta.

“A mudança garante mais eficiência na iluminação, consumindo menos energia. Ou seja, é mais adequada também do ponto de vista da sustentabilidade. Além disso, as lâmpadas retiradas serão doadas para uma instituição com atuação nas comunidades da região que poderá reaproveitar o alumínio, contribuindo para a geração de renda”, explica o diretor-presidente da Rodosol, Geraldo Dadalto.

Outra novidade foi a instalação de novos painéis de Mensagem Variável (PMVs), localizados nas subidas da Terceira Ponte, em Vitória e em Vila Velha. “Mais modernos, os novos equipamentos facilitam a comunicação com o usuário, trazendo ganhos na transmissão e na visualização das mensagens e permitindo ainda a inclusão de pictogramas coloridos no painel”, ressalta André Beltrane, gerente de atendimento da Rodosol.

Terceira Ponte ganhou novos painéis de mensagem nos dois sentidos (Foto: Mosaico Comunicação)
Terceira Ponte ganhou novos painéis de mensagem nos dois sentidos (Foto: Mosaico Comunicação)

Além da Terceira Ponte, a Rodovia do Sol também recebeu os novos painéis em dois pontos: no KM 12, na altura da Barra do Jucu, e no KM 37, próximo a Setiba.

A Rodosol investiu ainda em novos veículos de inspeção para compor a frota que inclui, entre outros, ambulâncias e guinchos leves e pesados. “Durante a Operação Verão, que vai até o Carnaval, há reforço nas equipes de atendimento e inspeção e parcerias com o Batalhão de Trânsito da Polícia Militar para campanhas conjuntas”, diz.

Beltrane explica que, durante o ano, é feito um mapeamento das ocorrências registradas no Sistema Rodovia do Sol. Essa análise permite traçar estratégias para ações futuras, com foco na prevenção.

Ele afirma que a conscientização do motorista é fundamental, já que a segurança nas estradas é resultado de uma combinação de fatores, como infraestrutura e sinalização, mas passa impreterivelmente pela conduta responsável e consciente dos motoristas, motociclistas, ciclistas e pedestres cumprindo as leis de trânsito, agindo preventivamente e respeitando todos os agentes que fazem parte do sistema.

ESTRUTURA

  • Um Centro de Controle Operacional funcionando 24 horas.
  • Três bases operacionais compostas por quatro guinchos leves, um guincho pesado, um caminhão- pipa, um caminhão para recolhimento de animais, além de veículos de inspeção de tráfego e operacionais.
  • Nas bases de apoio dos KM 19 e 50, o usuário pode contar com água, banheiro e fraldário.
  • Em casos de urgência, o usuário pode acionar a Rodosol através do telefone de atendimento 0800 979 0060.

Base de atendimento operacional (Foto: Mosaico Comunicação)
Base de atendimento operacional (Foto: Mosaico Comunicação)


leia mais / especial sobre rodas


Especial Sobre Rodas

Versões valorizadas são destaque

Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados