search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Resultados da liderança fraternal

Especial Almoço Palestra

Especial Almoço Palestra

Resultados da liderança fraternal


Os gestores que tiveram a oportunidade de assistir a palestra do teólogo e especialista em Gestão de Empresas, Usiel Carneiro, no último evento do projeto “Em Pratos Limpos” de 2019, observaram que o tema “Espiritualidade” tem toda a relação com liderança fraterna, tratando colaboradores como iguais para tornar o trabalho mais leve e o aumentar a produtividade.

O procurador-chefe do Ministério Público do Trabalho no Espírito Santo (MPT-ES), Valério Soares Heringer, além de gerir uma equipe de 100 pessoas, tem o convívio diário com relações de emprego e conversas diretas com patrões para mediações de conflitos, como o que tem sido travado com os trabalhadores rodoviários capixabas por conta da mudança da bilhetagem eletrônica.

São 3 mil empregos que podem ser perdidos e, para o procurador, a mudança tecnológica é inevitável, mas não é possível esquecer o fator de estresse que cerca os rodoviários em função do futuro incerto.

“O que temos tentado colocar diante desse desafio para os empresários é que as organizações podem trabalhar isso de forma melhor, se tornando mais racionais. Um dos atributos mais importantes para a liderança empresarial é a comunicação fraterna, o diálogo, o gestor se abrir para seus liderados e colocar, inclusive, suas próprias emoções, se dirigir a eles como um ser humano que é colega de trabalho, que é um igual”, completou.

Corrobora com esse pensamento, o CEO da Lorenge, José Elcio Lorenzon, que saiu da palestra impactado e com expectativa melhorar ainda mais seu dia a dia.

“São valores tão intrínsecos apresentados pela espiritualidade , importantes para o autoconhecimento. Espiritualidade e religião são coisas completamente diferentes e as pessoas precisam entender que sem isso a gente se prostitui e prostitui aqueles que estão ao nosso redor, as relações se tornam insustentáveis. Enquanto gestores, precisamos primar por um convívio sadio com nossos pares”, destacou.


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados