search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Renato Gaúcho elogia Bolsonaro e confirma convite para jogo do Grêmio

Esportes

Esportes

Renato Gaúcho elogia Bolsonaro e confirma convite para jogo do Grêmio


O técnico do Grêmio, Renato Gaúcho, confirmou ter convidado Jair Bolsonaro (PSL) para acompanhar uma partida de sua equipe. Em entrevista coletiva concedida nesta sexta-feira (15), o treinador elogiou o trabalho realizado pelo presidente.

"Eu mandei um vídeo para ele na última segunda [11]. Ele me ligou segunda à noite, depois conversamos na terça-feira [12]. Aproveitei e convidei para assistir o jogo do Palmeiras com o Grêmio [em 24 de novembro, no Allianz Parque]. Ele disse que faria o possível, mas de repente estaria com a agenda um pouco cheia."

"Fiquei feliz por ter conversado com ele, ter retornado a ligação. É o presidente do Brasil, não é torcedor do Palmeiras, Flamengo, Botafogo ou do Grêmio, ele é presidente do Brasil. Ele tem uma bandeira só, a do país. Ele gosta de futebol, torce por todo mundo, gosta do esporte", disse o treinador.

O técnico do Grêmio, Renato Gaúcho, confirmou ter convidado Jair Bolsonaro (PSL) para acompanhar uma partida de sua equipe. (Foto: Lucas Uebel/Grêmio)
O técnico do Grêmio, Renato Gaúcho, confirmou ter convidado Jair Bolsonaro (PSL) para acompanhar uma partida de sua equipe. (Foto: Lucas Uebel/Grêmio)

"Aproveitei, parabenizei ele pelo trabalho dele, do doutor Sérgio Moro, da equipe toda, pelo grande trabalho que estão fazendo. Muita gente pode achar que não, mas acho que ele faz um excelente trabalho. Ele vai dar jeito no Brasil, ele vai mudar o Brasil", completou Renato.

O treinador gremista jamais escondeu a preferência por Bolsonaro e apoio ao atual governo. "Não sou advogado dele, mas eu sou um cidadão brasileiro, que pago meus impostos, e sempre vou torcer pelo sucesso dele. E tenho certeza que, se alguém vai mudar o país, é o Bolsonaro."

"Gostaria muito de dar um abraço nele, seria uma honra abraçar o presidente do país. Gosto muito dele, das maneiras, atitudes, de estar nos jogos. Ele é do povo, quer estar mais próximo do povo. Eu gosto dessas atitudes. Ele vai dar jeito no Brasil, é só termos paciência e dar tempo ao tempo", emendou.

Na quinta (14), Bolsonaro havia revelado o contato de Renato Gaúcho e o convite para acompanhar a partida dos gremistas. O presidente não confirmou presença em razão da agenda de compromissos.

O Grêmio encara o Flamengo neste domingo (17), a partir das 16h, em sua arena, em Porto Alegre. O jogo do convite, contra o Palmeiras, será no domingo seguinte (24), em São Paulo.


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados