Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Rachaduras nos pés
Doutor João Responde

Rachaduras nos pés

A saúde dos pés implica condição fundamental para o movimento e o equilíbrio do corpo humano.

Os pés, além de manter o corpo em posição bípede, peculiaridade sobre a qual o homem desenvolve sua mobilidade, realizam outras funções, como amortização e bombeamento para o correto retorno venoso do sangue; absorvem as vibrações de cada passo, evitando possíveis repercussões nas articulações superiores, como a dos joelhos, dos quadris, da escápula, que, por sua vez, facilitam a irrigação sanguínea; sustentação e locomoção.

A pele do pé é grossa, podendo espessar-se ainda mais em forma de calos, calosidades, irritações, etc. Ela está firmemente unida à tela subcutânea por grossas faixas fibrosas que delimitam as bolsas de gordura, que são importantes estruturas para a sustentação.

As linhas da epiderme, conhecida como cristas papilares, forma, na planta dos pés, impressões plantares semelhantes às digitais, podendo ser usadas como meio de identificação.

Nas plantas dos pés e nas palmas das mãos não existem pelo, por tal motivo não possuem as glândulas sebáceas que são responsáveis pela lubrificação do tegumento. Em virtude disso, a pele tende a ser ressecada, necessitando assim de uma atenção maior no que se diz respeito à hidratação e proteção.

Os pés são partes do corpo que têm camadas de peles com maior resistência do que em outras localizações e são mais grossas, devido ao peso do corpo que recai sobre eles.

Para compreender melhor como surgem rachaduras nos pés, torna-se necessário saber que a pele é formada por três camadas: epiderme, derme e hipoderme.

A epiderme corresponde à camada externa. No caso dos pés, quando essa camada sofre alguma agressão por fatores externos, como o ressecamento ou o atrito com calçados, ocorre o acúmulo de queratose, sendo resultado de uma reação de engrossamento cutâneo.

Esta reação é comum em razão de uma defesa natural que possui o objetivo de proteger as camadas internas da pele contra a ação de fatores externos. É aí que surge o problema das rachaduras nos pés, que são decorrentes do aparecimento de fissuras na pele, principalmente no calcanhar.

Doenças nos pés são denominadas podopatias, e a que mais se destaca, especialmente no sexo feminino, onde a incidência é maior, são as fissuras calcâneas, também conhecidas por rachaduras, caracterizadas por lesões lineares ou estreitas da pele.

As lesões lineares são decorrentes de espessamento, endurecimento e perda da elasticidade da pele, fazendo-a abrir e trincar.

Em função da espessura, podemos observar vários tipos de fissuras calcâneas; algumas com lesões superficiais e outras acometendo tecidos mais profundos, ocasionando sangramento, por ocasião de espessamento e endurecimento da camada superficial da pele.

Existem várias causas de fissuras calcâneas, como andar e pisar incorretamente, fatores hereditários, frio, calor, baixa hidratação, diabetes mellitus, pele ressecada e sem sensibilidade, alterações vasculares, complicações da psoríase, micoses, agressões químicas, andar descalço, uso de sandálias abertas nos calcanhares, etc.

O calcanhar, por receber, além do atrito, maior pressão do corpo, é a parte mais afetada.

Nos casos mais complicados, as fissuras poderão sangrar, tornando-se muito dolorosas, havendo risco de contrair infecções bacterianas, em função do contato dos pés pisando no chão.

Os pés não deverão ser lixados em nenhuma situação, pois ficarão com a pele delgada, agravando as fissuras. O organismo entende tal conduta como uma agressão e trata de se proteger, formando mais queratose.

Saúde não é a lapidação estética da casca, mas sim a regeneração intrínseca do fruto.

Conteúdo exclusivo para assinantes!

Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

Matérias exclusivas, infográficos, colunas especiais e muito mais, produzido especialmente pra quem é assinante.

Apenas R$ 9,90/mês
Assinar agora
esqueceu a senha?

últimas dessa coluna


Exclusivo
Doutor João Responde

Divertículo de Meckel, o inimigo que derrotou Tancredo Neves

Cansado dos sucessivos governos militares, eu também ansiava por um presidente civil, ainda que indicado por meio de eleição indireta, como aconteceu com o mineiro Tancredo de Almeida Neves. Na …


Exclusivo
Doutor João Responde

A embaraçosa urina solta

Semana passada eu atendi uma senhora acometida por incômoda incontinência urinária. Este sintoma se mostra tão constrangedor que a paciente fez um longo rodeio, antes de abordar a referida queixa. …


Exclusivo
Doutor João Responde

Síndrome do ombro congelado

Esperando que o tempo lhe devolva a atividade, um braço repousando na tipoia nos ensina a vital importância de cada pedacinho do corpo. Se, durante a noite, fazemos um movimento descuidado dentro do …


Exclusivo
Doutor João Responde

A torturante insônia

Quem tem insônia não dorme e nem acorda de verdade. Com ruminantes pensamentos, noites de insônia tornam cansado o amanhecer. Tentando me concentrar, rolo na cama de um lado para o outro, e nada do …


Exclusivo
Doutor João Responde

Pombos podem transmitir doenças

Embora pareçam indefesos e frágeis, os pombos urbanos são transmissores de doenças. Isto ocorre, não por que eles querem; muito pelo contrário, na verdade os pombos se contaminam e depois acabam …


Exclusivo
Doutor João Responde

Os cuidados necessários com o pé diabético

Abençoados pés, que nos apoiam e nos levam de um lado para o outro. Dependemos deles para não dependermos de ninguém para caminhar. São os pés que nos ligam a terra, simbolizando suporte, absorvendo …


Exclusivo
Doutor João Responde

A importante cera do ouvido

“Fazer cera” significa demorar de forma proposital para realizar alguma coisa que já poderia ter sido feita. Talvez por isso, a palavra “sincera” significa “sem cera”. Todavia, em se tratando do …


Exclusivo
Doutor João Responde

Dê um tempo para um osso quebrado

“Em quanto tempo minha fratura estará consolidada?” Certamente esta é uma pergunta muito comum na ortopedia, mas que não pode ser respondida de uma única maneira. Fraturas em crianças têm …


Exclusivo
Doutor João Responde

Causas de inchaço nas pernas

Quando falamos de “edema”, a primeira coisa que devemos levar em conta é que essa inchação não se trata de diagnóstico, mas de um sinal, uma alteração fisiológica que implica a presença de fluidos …


Exclusivo
Doutor João Responde

Importância da dor para a preservação da vida humana

Saúde e doença saem de um tronco único, visto que têm uma só e mesma base: a dor de crescer. Dor é uma experiência sensorial desagradável associada com lesão tecidual real ou potencial, refletindo a …


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados