search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Presencial ou virtual?
Claudia Matarazzo
Claudia Matarazzo

Claudia Matarazzo


Presencial ou virtual?

Cláudia Matarazzo
Cláudia Matarazzo
Há algum tempo, as pessoas preferem “fazer um call” ou mesmo um “Skype” para resolver assuntos profissionais. Beleza: entre pessoas de outra cidade ou país, funciona – embora por call, frequentemente, pareça que estamos conversando debaixo d'água.

Por Skype, as pessoas têm a tendência a gritar, e a comunicação fica truncada, mas... tudo em nome da praticidade e agilidade. Oi?! Ágil, muitas vezes, não é eficiente – portanto, para encontros profissionais não é um critério confiável, certo?

Vantagens presenciais – Sim, sou pelo resgate das boas e velhas reuniões presenciais!
Sim, não se trata de saudosismo, mas o fato é que é muito mais fácil construir e consolidar relacionamentos por meio de reuniões face a face do que com reuniões virtuais. 

E os relacionamentos são, sem dúvida, a chave para qualquer tipo de sucesso nos negócios a longo prazo – acredite!

Ora, sabemos que a postura corporal das outras pessoas, muitas vezes, pode enviar uma mensagem muito diferente de suas palavras. 

A comunicação não verbal é muito mais importante do que as palavras ditas e, ser capaz de ver e interpretar isso ao vivo é extremamente valioso.

Nas reuniões presenciais, a conversa é menos trabalhosa e objetiva, o que significa que pode tender a ir em direções diferentes, com mais naturalidade, e esse simples fato leva a mais oportunidades.

Acredite: é muito mais fácil se envolver com as pessoas quando sentadas em frente a elas, cara a cara. 

Podemos rir, ouvir um ao outro claramente, fazer um comentário sobre algo e perceber a reação do outro.

Além disto, podemos sintonizar com quem está conosco, estabelecendo uma empatia preciosa!

Desvantagens dos calls e Skypes – Há uma ruptura de toda e qualquer sintonia quando nos deparamos com problemas associados à tecnologia de reuniões virtuais, como problemas de câmera, de conexão, perda de 10 minutos tentando fazer o microfone funcionar, e assim por diante. 

E, vamos combinar, quem nunca passou por esses micos? As reuniões presenciais tendem a parecer “mais claras”. 

Os pontos-chave são claros, as questões, como divisão de tarefas, são claras.

Já as reuniões virtuais podem parecer um pouco enevoadas e menos definidas.

Ainda, pense como é muito mais fácil fazer um brainstorming (tempestade de ideias) ao vivo, olhando nos olhos, e apenas com um papel de quadro branco do que em uma plataforma de reunião virtual.

É mais fácil conversar um pouco quando estiver cara a cara e, se você for esperto, pode obter muitas informações com alguns minutos de conversa fiada.

Essa conversa pode ajudar a construir relacionamentos, personalizar o que você vai dizer em seu discurso e muito mais.

Por último, mas não menos importante, acredito que é sempre melhor ter as conversas difíceis ao vivo. 

Faça um exercício e pense sobre os seus relacionamentos comerciais atuais e veja se não poderia se beneficiar de um esforço extra de sua parte para ter uma reunião presencial. 

Pois é: o caminho fácil raramente é o melhor caminho no mundo do proprietário da empresa.

O desafio é tornar as reuniões presenciais realmente produtivas, inteligentes e eficazes, não apenas irritantes e uma perda de tempo. 

Use reuniões com sabedoria, pois elas são uma ótima ferramenta de negócios. E, embora esteja se tornando cada dia mais difícil, isso não significa que não devamos ter encontros cara a cara.
 

Conteúdo exclusivo para assinantes!

Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

Matérias exclusivas, infográficos, colunas especiais e muito mais, produzido especialmente pra quem é assinante.

Apenas R$ 9,90/mês
Assinar agora
esqueceu a senha?

últimas dessa coluna


Exclusivo
Claudia Matarazzo

Novo local de trabalho presencial

Quando acabar o home office precisamos estar preparados: novos protocolos de saúde e normas sanitárias serão adotados. E quando antes nos ajustarmos, melhor! Ajustes radicais – Os espaços de …


Exclusivo
Claudia Matarazzo

Casamentos pós-pandemia

Não teve jeito: com a pandemia, casamentos de todos os tipos e gostos foram adiados para... um novo momento. Quando e como serão os casamentos pós-pandemia? Muitos casais não quiseram esperar e se …


Exclusivo
Claudia Matarazzo

Demitido na quarentena

Muitas pessoas perderam seus empregos –  e é claro que fica tudo muito mais duro se isso aconteceu durante a quarentena. Ok, desespere sim, mas depois, respire e fique calmo para poder pensar em …


Exclusivo
Claudia Matarazzo

Novos profissionais na indústria de eventos após a Covid-19

Vamos falar do impacto da Covid-19 na imensa e mundial indústria de eventos: um dos setores mais atingidos pelo coronavírus.  Algumas empresas, como a Microsoft e o Facebook, anunciaram planos para …


Exclusivo
Claudia Matarazzo

O novo virtual na profissão

Há décadas vínhamos nos acostumando a fazer várias coisas a distância: namorar, trabalhar, comprar e consumir... e havia uma escolha. Eis que agora, com distanciamento social, bem ou mal, a maior …


Exclusivo
Claudia Matarazzo

A vez da consciência

Em plena quarentena e com o foco de todo o planeta voltado para a pandemia da Covid-19, escrever sobre algo que não seja o isolamento social, a agressão do dia do presidente Bolsonaro ou os números …


Exclusivo
Claudia Matarazzo

Quando uma casa não basta

Essa quarentena forçada – mas para alguns relativamente bem-vinda, não fosse a tragédia porta afora das casas – tem trazido à tona o pior de um grupo de pessoas que não suportam a própria companhia e …


Exclusivo
Claudia Matarazzo

Diferença entre chefe e líder

Oito em cada 10 profissionais pedem demissão por causa do chefe. É o que aponta Michael Page em um levantamento da consultoria de recrutamento Oggiam. Pois é! Ser um bom gestor não significa ser …


Exclusivo
Claudia Matarazzo

O bom convidado

Convidado para um jantar entre amigos, será que tudo o que você tem a fazer é aparecer e comer? Não mesmo. Ora, preparar um jantar é um trabalho árduo. Seu anfitrião pode ter tirado todo o dia de …


Exclusivo
Claudia Matarazzo

Amigos e conhecidos: mais importantes do que se imagina!

Trabalho e família. É comum colocar neles todo o peso do nosso bem-estar, assim como todas as nossas expectativas. Agora, nos aproximando do terceiro mês do ano, este é um bom momento para refletir …


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados