Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Por que o Onix vende tanto?
Sobre Rodas

Por que o Onix vende tanto?

Carro mais vendido no País há quatro anos consecutivos, o Chevrolet Onix não dá sinais de cansaço. Nem mesmo o anúncio da chegada da nova geração, que deverá desembarcar por aqui no segundo semestre deste ano, tem feito diminuir a procura pelo modelo nas revendedoras da marca de todo o País.

De acordo com os novos dados da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave), divulgados ontem, o hatch da GM foi em março, mais uma vez, o preferido do consumidor brasileiro.

Ao todo, foram comercializadas 18.179 unidades do modelo, mais que a soma do segundo e do terceiro colocados, que são Hyundai HB20 (9.051) e Ford Ka (8.341), respectivamente.

No acumulado do ano, o Onix já soma 55.511 unidades licenciadas, o que o coloca no caminho para mais um ano como o campeão em vendas no Brasil – seria o quinto consecutivo.

Concessionários capixabas atribuem o sucesso do veículo à sua versatilidade. “Trata-se de um carro que oferece inúmeras opções ao consumidor, entre elas motores 1.0 e 1.4 e câmbio mecânico e automático. Além disso, o modelo é econônico, tem baixo custo de manutenção e oferece seguro com preço em conta”, disse Wanusa Nunes, gerente de vendas da Vessa Veículos.

Para o gerente geral da CVC, Paulo Henrique Daltin, o design atraente, as tecnologias exclusivas de conectividade, o baixo custo de manutenção e o alto valor de revenda são alguns dos diferenciais do Onix.

“O veículo também se sobressai por oferecer uma ampla oferta de itens de fábrica”, destacou.
No site da Chevrolet, o Onix de entrada parte de R$ 47.490, enquanto a versão Joy, que mantave a carroceria antiga, custa a partir de R$ 46.590.

Já o Prisma ocupa no ranking geral a quarta posição, com 20.544 emplacamentos, posição que pertencia ao Volkswagen Gol no fim do ano passado – hoje o hatch é o oitavo.

Utilitários

No segmento de utilitários esportivos, a coroa de “rei” em 2019 é do Jeep Renegade. Depois da reestilização no segundo semestre de 2018, o SUV compacto deslanchou nas vendas e atualmente lidera com folga na categoria. São 15.671 exemplares novos nas ruas contra 12.955 do irmão maior Compass.
 


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados