Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Polícia recupera busto de bronze roubado em Cachoeiro

Durante oitivas, os suspeitos confirmaram envolvimento no crime. A peça foi recuperada e os autores de cometer o crime foram identificados

Anny Freire | 24/02/2022 17:33 h

A polícia de Cachoeiro de Itapemirim desvendou nessa quarta-feira (23) o crime de furto do busto em bronze, que representa um empresário cachoeirense, ocorrido na segunda-feira (21). A peça foi recuperada e os autores de cometer o crime foram identificados.

A equipe de investigadores identificou um dos suspeitos, de 22 anos, indicado como autor do furto.Ele confessou a autoria durante depoimento para a polícia, confirmando que havia praticado o crime há cerca de uma semana, durante a madrugada, vendendo a peça por R$ 150,00 para um atravessador. 

Imagem ilustrativa da imagem Polícia recupera busto de bronze roubado em Cachoeiro
 

A partir deste momento, os policiais fizeram uma "campana" nas proximidades da casa do suspeito de receptação, e, após algumas horas, conseguiram abordá-lo, no bairro Nossa Senhora Aparecida, no mesmo município.

O homem de 36 anos confessou ter receptado o produto e confirmou a versão do autor do furto. Além disso, o suspeito informou aos investigadores para quem havia vendido o busto, já pelo valor de R$ 752,00, sendo que a obra de arte está avaliada em R$ 30.000,00.

"Os policiais foram na empresa responsável pela compra e, apesar de não encontrarem o objeto, verificaram a existência da nota de venda, exatamente no valor e peso do objeto, emitida na mesma data que o vendedor havia informado aos policiais civis", contou o titular da Delegacia Especializada de Investigações Criminais (Deic) de Cachoeiro de Itapemirim, delegado Rafael Amaral.

Já na manhã desta quinta-feira (24), o busto foi deixado em uma área lateral ao Parque de Exposições, sendo apreendido pelos policiais de plantão. Segundo o delegado, todos os identificados pelos investigadores serão indiciados, cada qual pelo seu crime, sendo o homem de 22 anos por furto majorado e o de 36 anos por receptação qualificada.

Ficamos felizes em tê-lo como nosso leitor! Assine para continuar aproveitando nossos conteúdos exclusivos: Assinar Já é assinante? Acesse para fazer login

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

MATÉRIAS RELACIONADAS