Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Plenário: E Audifax pontua de novo!
Plenário
Fabiana Tostes

Fabiana Tostes


Plenário: E Audifax pontua de novo!

E Audifax pontua de novo!

A eleição da Mesa Diretora da Câmara da Serra em janeiro deste ano parecia perdida para o grupo do prefeito Audifax Barcelos. Com a Câmara rachada e a oposição em vantagem, tudo levava a crer que o prefeito enfrentaria quatro anos de relação difícil com o Legislativo.

Mas, nos 45 do 2º tempo, Audifax conseguiu virar o jogo e eleger Neidia Pimentel, que de oposição virou situação e deu vantagem à base aliada. Ainda que contrariando alguns.

A decisão judicial anulando a eleição pegou muitos de surpresa e poderia haver aí a possibilidade da oposição fazer um nome. Mas, desarticulada, nem tentou. Sem a presença de Neidia, o vereador Rodrigo Caldeira (Rede) foi eleito, pela unanimidade dos vereadores presentes (16 dos 23) numa sessão-relâmpago e sem publicidade 24h após a decisão.

Ninguém discorda que emplacar um vereador de seu partido para presidir a Câmara seja uma vitória pessoal de Audifax.


Neidia tolerada?

A agora ex-presidente da Câmara Neidia Pimentel não tinha relação boa com todos os vereadores da Casa.

Nos bastidores, há quem diga que ela era “tolerada” como presidente, tendo em vista o acordo que foi feito para que a base aliada vencesse a oposição. Ontem, antes da sessão, a assessoria disse que Neidia iria recorrer da decisão judicial.


Bola dividida

O procurador da República Athayde Ribeiro – que faz parte da força-tarefa da Lava a Jato, mas já atuou no Estado – se meteu numa bola dividida ao criticar o ministro da Justiça, Torquato Jardim, sobre sua relação com a Polícia Federal. O ministro rebateu.

Athayde atuou no Estado em 2012 e desde outubro de 2014 faz parte da força-tarefa.


Guto sai do PP

O secretário de Serviços da Serra e vereador licenciado, Guto Lorenzoni, vai mesmo deixar o PP para integrar projeto do prefeito Audifax para o ano que vem.

“Vou mudar para a Rede, estou no projeto político do prefeito e preparado para ser candidato a federal no ano que vem. E se eu for eleito, o Estado vai ter um deputado que vai lutar por um novo pacto federativo”. Guto se filia na próxima janela, mas hoje a Rede filia o ex-deputado Roberto Carlos.


O primeiro da fila

Durante evento em Cariacica, o secretário de Transparência, Eugênio Ricas, foi o primeiro da equipe a ser citado pelo governador Paulo Hartung, que pediu para que ele se levantasse, e ainda ressaltou que o Estado é referência em controle e transparência.

Será que Ricas vai disputar no ano que vem?


Plano de levar Ceasa para Contorno de Cariacica

Em evento que reiniciou as obras do Contorno de Cariacica (via Aruba, ES-120), o prefeito Juninho lançou o desafio e o governador aceitou: de tentar levar a Ceasa para a nova rodovia, onde deve ser construído um novo polo logístico. A equipe do prefeito já está estudando, no PDM, a possível mudança que facilitaria a vida dos produtores de Santa Maria, Santa Leopoldina e Santa Teresa e tiraria o trânsito pesado de alguns bairros de Cariacica.


Saúde e educação na pauta

As emendas da senadora Rose de Freitas na LDO 2018 para a construção do novo Hospital Infantil de Vitória e a conclusão de obras em unidades do Ifes foram aprovadas. O texto votado pelo Congresso no último dia 13 foi enviado para o Presidente.


Quitando as dívidas

O prefeito de Anchieta, Fabrício Petri, pagou na quinta-feira a 2ª e última parcela da rescisão dos servidores comissionados da gestão passada no valor de R$ 575 mil.


Gestão socialista

O Presidente da Frente Nacional de Prefeitos, Jonas Donizete, prefeito de Campinas (SP) participa hoje do Congresso do PSB de Vitória. Ao lado de Casagrande, ele apresentará sua experiência de “Gestão Socialista”.


Investimento em muqui

O governador Paulo Hartung participou da posse do novo prefeito de Muqui, Renato Prúcoli, e anunciou que deve retomar as obras paradas do Caminhos do Campo no município. Um investimento de R$ 5,4 milhões.


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados