search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Passagem de avião para ver final da Libertadores pode chegar a R$ 20 mil

Esportes

Esportes

Passagem de avião para ver final da Libertadores pode chegar a R$ 20 mil


É morador do Espírito Santo, torcedor do Flamengo e pensa viajar para assistir à final da Libertadores? Se a resposta for sim, é melhor ir se preparando. Isso porque as passagens para ver o possível bicampeonato da Copa Libertadores rubro-negro podem chegar a R$ 20 mil.

No dia 23 de novembro, o time carioca enfrenta o River Plate. O confronto único com o time argentino inicialmente aconteceria no mesmo dia no Estádio Nacional, em Santiago, no Chile.

No entanto, a onda de protestos no país chileno fez com que Conmebol alterasse a partida para a capital peruana, mais especificamente no Estadio Monumental de Lima. A bola rola às 17h (horário de Brasília).

Por meio do site Decolar.com, a reportagem do Tribuna Online fez uma simulação na tarde desta quinta-feira (7).

Além do preço salgado, a viagem é cansativa... Ao todo, o rubro-negro visitará três aeroportos internacionais e passará mais de 25 horas viajando, entre voos e esperas em aeroportos.

Passagem ver final da Libertadores, em Lima, no Peru, pode chegar a R$ 20 mil. (Foto: André Felix)
Passagem ver final da Libertadores, em Lima, no Peru, pode chegar a R$ 20 mil. (Foto: André Felix)

Como o jogo acontece no sábado (23), a data da partida escolhida foi para a sexta-feira (22), um dia antes da grande final. O voo de Vitória em direção ao Aeroporto de Guarulhos, em São Paulo, sai da capital capixaba às 6h20.

Com previsão de 1h40 de voo, o torcedor flamenguista chegaria a São Paulo. Na cidade, ele teria de esperar quase 2h30 até que o próximo voo saísse para uma escala na Cidade do México, no país mexicano.

Dessa vez, o tempo estimado de voo ultrapassa 9 horas. Mas o pior ainda está por vir: uma espera de 6h40 antes de entrar no avião rumo a Lima, no Peru.

Entrou no avião? Agora apenas 5h50 de viagem o separam da cidade que sediará a finalíssima. A chegada dessa verdadeira jornada aconteceria às 6h45 de sábado - mais de 24 horas depois de sair de Vitória.

O valor de toda essa brincadeira? Segundo o site consultado, o preço final é de R$ 19.853. Haja dinheiro e fanatismo para tanto!

Procon

O jornal Folha de S.Paulo noticiou nesta semana que o Procon vai notificar as companhias aéreas por voo a R$ 17 mil para a final em Lima.

Segundo o jornal, assim que a Conmebol anunciou na terça-feira (5) a mudança de local da final da Copa Libertadores de Santiago para Lima, as passagens aéreas para a capital do Peru, entre os dias 23 e 24 de novembro, tiveram um aumento de preço explosivo e, na noite de terça, chegaram a custar mais de R$ 17 mil.

A partir disso, o Procon decidiu notificar as companhias aéreas a fim de solicitar uma justificativa pelo crescimento repentino dos valores.

"O Procon vai notificar ainda hoje as companhias aéreas com sede no Brasil para que justifiquem a razão de elevar os preços das passagens para Lima. Surgiu uma necessidade de um grande número de pessoas se mover para a capital do Peru e as cias elevaram o preço. Se foi uma ação oportunista, embora haja o livre mercado, as empresas estão sujeitas à multa", explicou o diretor do Procon, Fernando Capez.

Ainda segundo Capez, o aumento de preços de passagens para Lima por parte das companhias aéreas pode se enquadrar no Artigo 39, parágrafo 5º do Código de Defesa do Consumidor: "exigir do consumidor vantagem manifestamente excessiva".

A reportagem do UOL Esporte estava monitorando valores desde antes do anúncio do novo local para a final da Libertadores, quando as passagens para Lima na data do confronto entre Flamengo e River Plate custavam cerca de R$ 1,6 mil. No fim da manhã de hoje, os valores dos bilhetes mais baratos chegaram a aproximadamente R$ 10 mil.

O Flamengo do lateral-esquerdo Filipe Luís vai decidir a final da Libertadores contra o River Plate, da Argentina. (Foto: Alexandre Vidal / Flamengo)
O Flamengo do lateral-esquerdo Filipe Luís vai decidir a final da Libertadores contra o River Plate, da Argentina. (Foto: Alexandre Vidal / Flamengo)

De acordo a Agência Nacional de Aviação Civil, ainda não é possível constatar um abuso aos consumidores por parte das companhias áreas. O órgão alega que os sistemas das empresas que gerem os voos no Brasil são automáticos e, por causa da alta procura, o valor subiu.

"A Anac ainda não considera um abuso quando o aumento acontece de um dia para o outro. Os sistemas das cias podem subir os preços de maneira automática de acordo com a demanda. As empresas ainda devem se organizar para verificar a melhor maneira de colocar novos voos a Lima na malha área e, assim, os preços devem cair", declarou a assessoria de imprensa da agência.

Em reunião durante a tarde de terça(5), a Conmebol decidiu mudar a sede da decisão devido aos problemas enfrentados por Santiago, cidade apontada inicialmente como palco do principal duelo do continente. O Chile vem sendo palco de protestos em massa nas últimas semanas, o que gerou um impasse para a confederação Sul-Americana. O veredito saiu após longo encontro na sede da entidade, em Assunção, no Paraguai, com presença os presidentes dos dois clubes finalistas.


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados