Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Palmeiras muda os padrões
Papo do Dias
Flávio Dias

Flávio Dias


Palmeiras muda os padrões

Comemoração do Palmeiras (Foto: Cesar Greco/Ag. Palmeiras)
Comemoração do Palmeiras (Foto: Cesar Greco/Ag. Palmeiras)
O Palmeiras levou dois dos últimos três Brasileirões. E corre o “risco” de levar mais alguns nos próximos anos. O clube mudou os padrões do futebol brasileiro. E com uma receita que poucos, pouquíssimos, podem repetir.

O Palmeiras tem investimento altíssimo. Para isso, tem patrocinadora forte. Tem, também, receita com seu estádio, quase sempre lotado! Com muita grana, tem um elenco grande e equilibrado que permite, por exemplo, a estratégia de jogar a Libertadores com uma formação e o Brasileirão com outra. E é difícil apontar qual é o “time B” do Palmeiras. Por exemplo, a dupla de zaga titular é Antônio Carlos e Dracena ou Luan e Gómez? São dois ótimos times!

Cruzeiro e Flamengo, que também fizeram altos investimentos e brigaram por títulos na temporada, não conseguiram repetir a fórmula palmeirense. Nenhum dos dois teve um time B bem próximo do time A.

Dinheiro, muito dinheiro, estádio que gere receita, sintonia com a torcida, elenco grande e equilibrado. O que fecha a receita do campeão? Jogadores decisivos e Felipão.

Nos jogos mais importantes, mais tensos, Dudu apareceu. Com gols, como na “final” contra o Flamengo, ou passes como na vitória sobre o Vasco. É o craque do campeonato.

Felipão com a sua "família" (Foto: Cesar Greco/Ag. Palmeiras)
Felipão com a sua "família" (Foto: Cesar Greco/Ag. Palmeiras)
No banco, Felipão recuperou jogadores, fechou a sua “família” e sobrou! O cara não perdeu um jogo sequer no Brasileirão desde que chegou ao Palmeiras! São 22 rodadas de invencibilidade!
Weverton, Luan, Mayke, Lucas Lima, Willian, Borja, Deyverson... todos cresceram com o treinador. O próprio Dudu melhorou.

O título é incontestável. E com a reeleição do atual presidente e a promessa de pelo menos mais três anos de cofres abertos da patrocinadora, não duvido que veremos uma hegemonia alviverde por aí! Será?
 


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados