search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

“Pais dos horrores” tinham dívidas de R$ 1 milhão

Notícias

Publicidade | Anuncie

Internacional

“Pais dos horrores” tinham dívidas de R$ 1 milhão


David e Louise Turpin foram a Las Vegas, com os filhos, renovar os votos de casamento. Foto: Divulgação
David e Louise Turpin foram a Las Vegas, com os filhos, renovar os votos de casamento. Foto: Divulgação
Os “pais dos horrores”, David Allen Turpin, 57 anos, e Louise Anna Turpin, 49, que foram presos por manterem em cárcere privado os 13 filhos deles, tinham dívidas de mais de R$ 1 milhão, revelou a polícia americana. O caso aconteceu na cidade de Perris, no estado americano da Califórnia.

Segundo documentos citados pelo The New York Times, o casal declarou falência em 2011, com dívidas na casa de US$ 500 mil (R$ 1,6 milhão). Essa dívida estava acumulada mesmo com David recebendo US$ 140 mil por ano (R$ 452,45 mil), algo em torno de US$ 11,67 mil por mês (R$ 37,72 mil).

A polícia conseguiu no último domingo prender o casal, que foi batizado nos EUA como “pais dos horrores”, após uma das filhas, de 17 anos, ligar para o telefone de emergência. A menina  tinha  fugido de casa.

Ela disse que seus 12 irmãos estavam presos em sua própria casa. Os policiais se encontraram com ela não longe da residência. Mostrou a eles no telefone fotos que comprovavam o que estava dizendo. A garota tinha aparência de uma menina de 10 anos, de acordo com as autoridades.

O capitão Greg Fellows, responsável por comandar a operação dos pais, revelou que a mãe presa “ficou perplexa” com a presença da polícia, como se não tivesse consciência do que estava acontecendo. Ele ainda ressaltou, por diversas vezes, a “cora gem” da menina que escapou da casa para denunciar a situação.

As autoridades não têm nenhum registro de incidentes na casa, onde moravam desde 2014.

Os 13 filhos do casal têm entre 2 e 29 anos. A polícia confirmou que todos são filhos biológicos. Segundo Fellows, no momento não há confirmação de doença mental nos pais, foram acusados de nove crimes de tortura e 10 de maus-tratos a menores.

Em 2015, o casal foi com os filhos a Las Vegas para renovar os votos de casamento. O cover do Elvis Presley, que presenciou a cerimônia, explicou para a imprensa americana que a família andava e fazia tudo juntos. Contou também que as crianças eram caladas e educadas e que nunca viu seus pais lhes darem ordens.

Elizabeth Flores, irmã de Louise, afirmou que implorava para ter contato com os sobrinhos e que  não os via há dois anos.

Casa com ambiente sombrio

Uma das filhas do casal David Allen e Louise Anna Turpin, de 17 anos, conseguiu fugir no último domingo e chamar a polícia de um celular que encontrou dentro da casa.

Quando os policiais chegaram ao local, encontraram alguns dos irmãos, com idades entre dois e 29 anos, amarrados com correntes e cadeados.

De acordo com as autoridades, os filhos do casal estavam trancados “em um ambiente sombrio e  com mau cheiro”.

O casal permanece detido sob fiança de US$ 9 milhões (cerca de R$ 29 milhões) cada. Eles são acusados de tortura e de colocarem menores de idade em situação de perigo.

De acordo com o The Guardian, umas das formas de os Turpin esconder as crianças foi através da
educação escolar em casa.

O casal declarou falência por duas vezes e tem dívidas acima de US$ 500 mil (R$ 1,6 milhão), segundo as autoridades americanas.


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados