search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Outubro termina com menor número de homicídios em 23 anos no Espírito Santo
.

Branded Content

Outubro termina com menor número de homicídios em 23 anos no Espírito Santo


 (Foto: Governo do Estado do Espírito Santo)
(Foto: Governo do Estado do Espírito Santo)

O mês de outubro de 2019 apresentou o menor número de homicídios dolosos desde 1996 no Espírito Santo. Mantendo a tendência de redução nas mortes violentas desde a implantação do Programa Estado Presente em Defesa da Vida, os registros apontam a ocorrência de 87 assassinatos durante os 31 dias, representando sete casos a menos que em 2018 e seis abaixo do menor dado já registrado para outubro, que foi em 2016, com 93 homicídios.

No acumulado no ano, o Estado registrou 791 mortes, uma redução de 16,4% comparada ao mesmo período de 2018, também representando a menor quantidade de assassinatos desde 1996. A meta da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (Sesp) é fechar o ano de 2019 com menos de mil homicídios. Será a primeira vez que isso pode ocorrer nos últimos 23 anos.

 (Foto: Governo do Estado do Espírito Santo)
(Foto: Governo do Estado do Espírito Santo)

Faltando menos de dois meses para o final do ano, o Espírito Santo está próximo de fechar 2019 abaixo da média nacional em relação à violência letal. Todas as cinco regiões do Espírito Santo apresentam reduções de homicídios.

A Região Metropolitana atingiu a marca de 100 mortes a menos que 2018, com 430 registros. No Norte são 16 a menos que no ano passado, com 176 casos. No Noroeste são três homicídios a menos, com 95 registros. As regiões Sul e Serrana apresentam reduções de 19 e 17 mortes, respectivamente, com 59 e 31 assassinatos.

 (Foto: Governo do Estado do Espírito Santo)
(Foto: Governo do Estado do Espírito Santo)

O Estado Presente foi criado e implantado pela primeira vez no Espírito Santo no período 2011/2014, com registro de resultados positivos muito expressivos. Ele foi descontinuado em 2015 e retomado este ano. O programa atua em dois eixos: o policial, com foco em ações de enfrentamento qualificado ao crime; e o social, com ações transversais e integradas.


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados