Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Neymar pode igualar Ronaldo Fenômeno em gols pela Seleção nesta quinta

Esportes

Esportes

Neymar pode igualar Ronaldo Fenômeno em gols pela Seleção nesta quinta


Neymar poderá alcançar no amistoso com Senegal, nesta quinta-feira (10), Ronaldo Fenômeno em número de gols pela seleção. Em partidas reconhecidas pela Fifa, ou seja, jogos da seleção principal contra outras seleções principais, o atacante já balançou as redes 61 vezes e Ronaldo tem 62 gols.

Na conta que incluem partidas do Brasil contra clubes, combinados e seleções de base, o Fenômeno tem 67 gols. O recordista, independentemente da contagem, é Pelé: 77 pelos critérios da Fifa e 95 nas contas da CBF.

Neymar já entrou em campo 99 vezes pela seleção brasileira e disputará a centésima partida no amistoso de quinta-feira. O jogo será em Cingapura às 9h (horário de Brasília). Foi no mesmo Estádio Nacional de Cingapura que ele marcou quatro dos seus 61 gols pelo Brasil em um amistoso com o Japão em 2014.

Neymar já fez 61 gols com a Seleção; o Fenômeno tem 62. (Foto: Lucas Figueiredo/CBF)
Neymar já fez 61 gols com a Seleção; o Fenômeno tem 62. (Foto: Lucas Figueiredo/CBF)


O primeiro jogo de Neymar pela seleção foi no dia 10 de agosto de 2010. A estreia não poderia ter sido melhor: gol e vitória do Brasil por 2 a 0 sobre os Estados Unidos. O técnico da seleção à época era Mano Menezes.

Pela seleção, o craque conquistou até agora apenas o título da Copa das Confederações de 2013. Uma lesão no ligamento do tornozelo direito sofrida nos primeiros minutos do amistoso diante do Catar o impediu de defender o País na Copa América deste ano.

Na atual temporada, Neymar pouco atuou pela seleção. Entrou em campo apenas três vezes. Antes da Copa América, enfrentou o Catar. Depois do torneio, o camisa 10 marcou um gol no empate em 2 a 2 com a Colômbia e, no jogo seguinte, teve atuação discreta no revés por 1 a 0 para os peruanos. Ambas as partidas foram disputados nos Estados Unidos.


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados