Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Multa de R$ 195 para o condutor que desrespeitar nova Linha Verde

Notícias

Cidades

Multa de R$ 195 para o condutor que desrespeitar nova Linha Verde


O motorisita que desrespeitar as regras da nova Linha Verde, em Camburi, Vitória, será multado em 195,23. A previsão é que o seu início seja no mês de fevereiro. A faixa é exclusiva para ônibus - escolares e coletivos, particulares e de excursão e turismo, além de micro-ônibus - e tem previsão de entrar em funcionamento a partir de fevereiro, de segunda a sexta, das 6 às 20 horas; e aos sábados, das 6 às 14 horas. 

A fiscalização da Linha Verde será feita por 16 câmeras de monitoramento. A instalação dos postes para as câmeras e iluminadores, demarcações, laços indutivos e sinalização horizontal está sendo realizada ao longo da Dante Michelini. 

A faixa terá 3,8 quilômetros e funcionará entre o píer de Iemanjá e o cruzamento da Dante Michelini com a avenida Norte-Sul (sentido Jardim Camburi). Foto: Leone Iglesias/AT
A faixa terá 3,8 quilômetros e funcionará entre o píer de Iemanjá e o cruzamento da Dante Michelini com a avenida Norte-Sul (sentido Jardim Camburi). Foto: Leone Iglesias/AT

A faixa terá 3,8 quilômetros. Ela se estenderá entreo o píer de Iemanjá e o cruzamento da Dante Michelini com a avenida Norte-Sul (sentido Jardim Camburi). A faixa exclusiva será a da direita, em função dos pontos de ônibus estarem nesse lado da pista. Nesse trecho, a via possui três faixas de rolamento, além das faixas de conversão à esquerda.

Além de monitorar a Linha Verde, as câmeras também servirão ao "cerco eletrônico", auxiliando o trabalho da Guarda Municipal. Os veículos de passeio somente poderão acessar a faixa exclusiva ao entrarem nos bolsões de estacionamento da praia.

Para orientar os motoristas, a Dante Michelini ganhará placas e sinalização horizontal, com pintura  no pavimento de legendas como "Linha Verde" e "Só ônibus". O mesmo modelo já é adotado na avenida Desembargador Neves, na Praia do Canto, na Capital. 

De acordo com o secretário de Transportes, Trânsito e Infraestrutura Urbana de Vitória (Setran), Tyago Hoffmann, o objetivo da iniciativa é privilegiar o transporte coletivo. "Nossa prioridade é o transporte público, uma vez que ele transporta cerca de 60% das pessoas nos horários com maior fluxo. Além disso, é muito mais sustentável que o transporte individual. Por isso, o nome do projeto é Linha Verde, para lembrar que, ao investirmos no transporte público, estamos investindo também no meio ambiente e no desenvolvimento sustentável da cidade", disse.

A intenção da Prefeitura é ampliar os corredores exclusivos de ônibus para outras vias da Capital. Um dos pontos que estão sendo estudados para receber o sistema é o sentido contrário da Dante Michelini (trecho Norte Sul até Ponte de Camburi), além da avenida Fernando Ferrari (trecho da Ponta da Passagem até o aeroporto) e a avenida Beira-Mar. 


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados