Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Morre, aos 96 anos, a "vovó aventureira" Aurita Calmon

Notícias

Cidades

Morre, aos 96 anos, a "vovó aventureira" Aurita Calmon


As irmãs Aurita Calmon (ao volante) e Laurita Calmon, em reportagem de A Tribuna em maio de 2008 (Foto: Andressa Cardoso / AT - 23/05/08)
As irmãs Aurita Calmon (ao volante) e Laurita Calmon, em reportagem de A Tribuna em maio de 2008 (Foto: Andressa Cardoso / AT - 23/05/08)

Morreu na noite desta sexta-feira (19), aos 96 anos, a capixaba Aurita Calmon, que ficou conhecida como "vovó aventureira". Nascida em Linhares, ela ficou conhecida após rodar mais de 20 mil quilômetros, dirigindo um Santana, ao lado da irmã Laurita Calmon Dessaune entre 2002 e 2007.

Segundo a família, Aurita teve um "choque hemorrágico refratário" um mês antes de completar 97 anos. Ela chegou a ficar três semanas internadas na UTI do hospital, por conta de um pico de pressão.

Até a véspera de sua internação, Aurita, que era solteira e não teve filhos por opção, ainda dirigia o seu pequeno Kia Picanto pelas ruas da Grande Vitória e morava sozinha. A informação foi divulgada pelo advogado Marcos Dessaune, sobrinho-neto de Aurita.

A história das irmãs foi contada pelo Jornal A Tribuna em 24 de maio de 2008.

A história das
A história das

O velório da "vovó aventureira" terá início às 13 horas deste sábado (20) na capela do Cemitério de Santo Antônio, em Vitória. Já o enterro está previsto para as 16 horas.


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados