search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Minhas impressões
Gilmar Ferreira
Gilmar Ferreira

Gilmar Ferreira


Minhas impressões

O Flamengo não é só o líder do Brasileirão: o time tem os três maiores artilheiros da competição, e com requinte de superioridade: Gabriel Barbosa (19), Bruno Henrique (12) e Arrascaeta (11) têm, somados, 42 gols marcados, mais do que fizeram outros 16 clubes da Série A. São os mesmos 42 do Athletico/PR, só perdendo para Grêmio (47) e Palmeiras (44).

Creio ser algo inédito na história da competição.

Flamengo 1 x 0 CSA
A vitória no Maracanã, com um gol de Arrascaeta, veio com grau de dificuldade maior do que o esperado. Ótima oportunidade para lembrar que o time de Jorge Jesus, quando precisa, tem um excelente goleiro.

Diego Alves brilhou e o Flamengo, ainda que tenha exibido sinais de desgaste, se consolida como o melhor time do País.

Quem assistiu à vitória do Palmeiras sobre o Avaí na Ressacada viu que, a dez jogos para o término do Brasileirão, os dez pontos entre o primeiro e o segundo colocados é algo definitivo.

Ceará 1 x 1 Vasco
A mediocridade do time impede sonhos mais ousados e a vaga na Copa Sul-Americana parece ser o limite.

O tropeço no Castelão, diante de um oponente igualmente limitado, mostrou que o trabalho de Vanderlei Luxemburgo ainda tem muito a evoluir para que se acredite em vaga na Libertadores.

O técnico foi mal, levando a campo um Felipe Bastos sem intensidade num jogo em que o Vasco precisava mesmo era de força no meio.

Grêmio 3 x 0 Botafogo

O time de Alberto Valentim não esboçou competitividade e perdeu sua sétima partida nas últimas nove. Ficou a quatro pontos do Z-4, e começa a se ver envolvido na briga contra o rebaixamento.

O quarteto Cícero, João Paulo, Diego Souza e Léo Valencia não consegue liga e o Botafogo patina sem consistência ofensiva.

Pior: nas três próximas rodadas, o time pega Cruzeiro, Santos e Flamengo...

Fluminense 1 x 1 Chapecoense
O time tricolor fez só um gol, mas voltou a superar a marca das 20 finalizações. Foram 24 nessa partida, número semelhante ao da época de Fernando Diniz, visto também sob o comando de Osvaldo de Oliveira.

É a marca do Fluminense num ano em que o clube perdeu três atacantes como Everaldo (hoje no Corinthians), Luciano (Grêmio) e Pedro (Fiorentina/ITA).

O time até consegue gerar volume e intensidade, mas tem dificuldade para balançar as redes.

Conteúdo exclusivo para assinantes!

Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

Matérias exclusivas, infográficos, colunas especiais e muito mais, produzido especialmente pra quem é assinante.

Apenas R$ 9,90/mês
Assinar agora
esqueceu a senha?

últimas dessa coluna


Exclusivo
Gilmar Ferreira

Quanto vale a imparcialidade?

E a grande discussão da final da Taça Rio não foi a passividade do Flamengo de Jorge Jesus diante da forte marcação do Fluminense de Odair Hellmann. Tampouco falou-se sobre os maus tratos da …


Exclusivo
Gilmar Ferreira

Ai, Jesus...

Curioso que o noticiário da final da Taça Rio esteja mais voltado para a polêmica do direito de transmissão do que para o confronto que Fluminense e Flamengo farão na noite de hoje, no Maracanã. …


Exclusivo
Gilmar Ferreira

Minhas impressões

As atuações do Flamengo em 2020, antes mesmo da paralisação do futebol para o combate à Covid-19, já nos davam mostras de que o futebol praticado pelo time do português Jorge Jesus não era o mesmo …


Exclusivo
Gilmar Ferreira

O novo normal

Depois da euforia, a depressão. O maciço engajamento na luta pelo direito de transmissão dos jogos do time no Carioca, deu a torcida do Flamengo a impressão de que a vida no reino encantado da …


Exclusivo
Gilmar Ferreira

Cristal partido...

O triste imbróglio envolvendo as transmissões dos jogos do Campeonato Carioca chamuscou um pouco mais a imagem da Federação de Futebol do Rio (Ferj) presidida por Rubens Lopes. Porque, a rigor, a …


Exclusivo
Gilmar Ferreira

Copa Rubão

Há poucos dias optei por deixar os exercícios no deserto do playground do edifício em que vivo, a um quilômetro do Maracanã, para arriscar uma caminhada mais forte ao redor do estádio. Foram três, em …


Exclusivo
Gilmar Ferreira

Minhas impressões

O Rio registrou mais mortes pela Covid-19 no domingo, chegando à marca de 9.819 óbitos (6.393 só na capital!), com 111.298 casos notificados no Estado. Mas a bola rolou assim mesmo para os outros …


Exclusivo
Gilmar Ferreira

Bravo, Autuori!

Pensei em selecionar alguns trechos da entrevista que o companheiro Thales Machado fez com o técnico Paulo Autuori para ilustrar esta coluna que escrevo em homenagem ao técnico do Botafogo. Mas foi …


Exclusivo
Gilmar Ferreira

A mística do Fla-Flu...

Tenho lá minhas dúvidas sobre o nível de preparação dos times de Botafogo e Fluminense para competir com excelência depois de cerca de 100 dias de afastamento do campo e bola. Mais ainda fazendo …


Exclusivo
Gilmar Ferreira

Fora da pauta...

A medida liminar concedida ontem pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) desfaz o imbróglio entre clubes e federação e destrava, temporariamente, a disputa da Taça Rio - segundo turno do …


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados