search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Menina de 3 anos é morta por ex-morador de rua na festa de seu aniversário

Notícias

Publicidade | Anuncie

Internacional

Menina de 3 anos é morta por ex-morador de rua na festa de seu aniversário


Uma criança de 3 anos de idade morreu após ser esfaqueada por um homem durante sua festa de aniversário. O caso aconteceu na cidade de Boise no noroeste dos Estados Unidos. 

 (Foto: Reprodução )
(Foto: Reprodução )

Segundo o portal americano ChicagoTribune, Ruya Kadir foi refugiada com a mãe, Bifituu Kadir,  para os EUA há dois anos. Elas são da Etiópia. Durante sua festa de aniversário, um ex-morador de rua teria invadido o local e começado uma série de ataques e com o uso de uma faca desferiu vários golpes em algumas crianças que estavam no evento. A menina e mais oito crianças ficaram gravemente feridas.

Segundo o portal, o morador de rua, Timmy Kinner, de 30 anos já responde por vários crimes relacionados a ataques. A polícia local informou que o suspeito possa ter cometido o crime como forma de vingança já que como ele vivia em um conjunto de apartamentos doados pelo governo e recentemente foi convidado a deixar o local por má conduta. Não aceitando a decisão dos responsáveis pelo conjunto de apartanentos, ele então resolveu se vingar nas crianças.Ele foi preso.

A  mãe da menina que deixou seu país de origem e seu marido para dar a seus fihos um futuro melhor, agora tenta seguir a vida sem a presença da pequena. 

Uma outra criança ferida no ataque já foi liberada do hospital, mas algumas das sete vítimas restantes enfrentam longo caminho para recuperação, disse Julianne Donnelly Tzul, diretora executiva do IRC de Boise.

Na tarde desta quinta-feira(5), muitas pessoas choraram, cantaram e gritaram em apoio à comunidade de refugiados, e muitos trouxeram buquês de flores brancas para simbolizar a paz.


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados