search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Jovem capixaba denuncia grupo religioso por abusos psicológicos

Notícias

Cidades

Jovem capixaba denuncia grupo religioso por abusos psicológicos


Grupo Católico é investigado por abuso psicológico e humilhações (Foto: Leone Iglesias/AT)
Grupo Católico é investigado por abuso psicológico e humilhações (Foto: Leone Iglesias/AT)
Disseminando a ideia de que o apocalipse está prestes a chegar, um grupo católico é acusado de realizar rituais que envolvem agressão física, humilhação, assédio e até abuso sexual com meninas adolescentes.

Uma jovem capixaba viveu seis anos enclausurada na seita, em São Paulo, e participou da série de denúncias que serviu como base para uma investigação do Ministério Público.

O alvo das acusações é a entidade Arautos do Evangelho, que em nome da fé pratica rituais questionados até pelo Vaticano. Uma das casas da entidade está localizada em Cariacica.

É numa área isolada do interior paulista, na Serra da Cantareira, que funcionam os castelos e colégios em que os jovens ficam em sistema de internato.

“Não podemos ter contato externo ou sair da instituição. Não temos acesso à internet e televisão, e só podemos fazer ligações autorizadas e restritas”, contou a jovem de 25 anos, que pediu para não ser identificada.

O grupo ultraconservador surgiu em 1999, sendo fundado pelo monsenhor João Clá Dias.


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados