search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

INSS bloqueia mais de 10 mil benefícios por falta de prova de vida no Estado
Direito dos Aposentados

Redação Tribuna Online


INSS bloqueia mais de 10 mil benefícios por falta de prova de vida no Estado

 (Foto: Arte/André Félix)
(Foto: Arte/André Félix)

Os aposentados e pensionistas, com 60 anos ou mais, precisam comparecer a agência bancária onde recebem o benefício, anualmente, para fazer a chamada prova de vida. No entanto, o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) bloqueou o pagamento de aposentadorias e pensões de 10.443 capixabas por não terem comparecido ao banco para realizar o procedimento.

Os dados são do próprio instituto e o último levantamento foi divulgado no final de março. No Brasil, mais de 529 mil segurados tiveram seus benefícios bloqueados por não terem feito a prova de vida. Após seis meses sem a comprovação, o benefício é cancelado.

O banco é o responsável por determinar a data para que seja feito o procedimento. Geralmente, as datas escolhidas pelas agências são a data de aniversário do aposentado ou a data de aniversário do benefício. O aviso da necessidade de prova de vida vem na tela dos caixas eletrônicos.

Prova de Vida

O INSS explica que, para fazer a prova de vida, o beneficiário deve ir ao banco onde recebe o benefício e apresentar o documento de identificação original com foto. Já os segurados acima de 80 anos ou com dificuldades de locomoção podem agendar para que um servidor do INSS vá a residência ou outro local em que estiverem, para que seja realizado o procedimento. O agendamento pode ser feito pela Central de Atendimento 135 e pelo site Meu INSS. Outra opção é eleger um representante legal, cadastrado no INSS, para que ele leve a documentação até o banco.

Atendimento a distância

A partir desta segunda-feira (13), os segurados do INSS que quiserem solicitar revisão do benefício, entrar com recurso em relação a alguma decisão do instituto ou cópias de processos deverá fazer isso por meio do telefone 135 ou pelo site Meu INSS. O atendimento será feito totalmente a distância e só vai à agência se necessário. Segundo o instituto, estes serviços representam uma média de mais de 70 mil atendimentos presenciais por mês.

Por Leone Oliveira


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados