Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Insatisfeitos no Senado ameaçam retaliação
Coluna do Estadão

Andreza Matais e Marcelo de Moraes


Insatisfeitos no Senado ameaçam retaliação

Não terminará sem choro e sem ranger de dentes o embate em torno da CPI da Lava Toga no Senado. O grupo pró-instalação da comissão (cerca de 20 parlamentares) chega a ameaçar, reservadamente, impor dificuldades na Casa à votação da reforma da Previdência e às sabatinas de Augusto Aras, escolhido para assumir a PGR, e de Eduardo Bolsonaro, virtual indicado do Planalto para a embaixada do Brasil em Washington (EUA).

A tensão aumentou ainda mais após Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) ter se recusado a assinar o requerimento pela CPI.

Linhas gerais. A ideia também é boicotar outras pautas de interesse do governo até que Davi Alcolumbre (DEM-AP), o presidente do Senado cada vez mais afinado com Jair Bolsonaro, instale a CPI da Lava Toga.

Ele, não. Alguns senadores avaliam, maldosamente, como desnecessário incluir a situação de Eduardo no pacote de pressão: está já tão complicada que não seria um instrumento efetivo.

Ela, não. A cúpula da reforma tributária nas duas Casas do Congresso rechaça a possibilidade de uma nova CPMF, como o ministro Paulo Guedes (Economia) promete apresentar.

Stop. “Se quiser mandar um imposto novo sem ter unanimidade em torno dele, o Congresso não vai entregar a reforma”, diz a presidente da CCJ no Senado, Simone Tebet (MDB-MS).

Juntos. Ela esteve na terça-feira (10) com o deputado Baleia Rossi (MDB-SP), autor da proposta de reforma que tramita na Câmara. Ambos concordaram na avaliação.

Vamos. “Qual o consenso? Desburocratizar e unificar impostos federais? Ótimo, deixamos a unificação dos estaduais para uma segunda etapa”, diz Tebet.

Em nome da Casa. Na reunião de líderes, Rodrigo Maia (DEM-RJ) foi cobrado a dar resposta institucional à declaração de Carlos Bolsonaro de que “a transformação que o Brasil quer não será rápida por via democrática”. O presidente da Câmara não titubeou.

Exposição. Dentro dos quartéis, a declaração de Carlos sobre a democracia repercutiu bastante mal. Depois dos cortes que afetaram a rotina na ponta, o apoio ao governo de Bolsonaro anda inconstante.

Esfinge. A grande questão na cabeça dos parlamentares é: Carlos Bolsonaro fala por ele ou também pelo pai presidente quando escreve esse tipo de coisa?

Tic-tac. Apesar de a unanimidade do CNMP ter recusado o afastamento de Deltan Dallagnol, conselheiros dão como certo que um processo será aberto.

Lonely. Não passou despercebido também que a última sessão de Raquel Dodge no conselho foi esvaziada, bem diferente de quando ela começou sua gestão à frente da PGR.

Efeito. Entre os caciques do MDB é certo: o número de prefeituras comandadas pelo partido vai sofrer redução nas eleições de 2020, na esteira do fenômeno que desidratou a bancada da Câmara. Em 2016, com sete governadores, o MDB elegeu 1.206 prefeitos.

Em baixa. O ministro do Turismo, Marcelo Álvaro, está na Rússia buscando parceiros. Dos 70,5 milhões de russos que viajam pelo mundo por ano, o Brasil recebe apenas 18,8 mil.

Conteúdo exclusivo para assinantes!

Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

Matérias exclusivas, infográficos, colunas especiais e muito mais, produzido especialmente pra quem é assinante.

Apenas R$ 9,90/mês
Assinar agora

últimas dessa coluna


Exclusivo
Coluna do Estadão

CPI e Fundo Eleitoral na pressão sobre Maia

Líderes da oposição estiveram na casa de Rodrigo Maia (DEM-RJ) para pedir a instalação da CPI da Lava a Jato, que tem como um dos possíveis alvos Sergio Moro. O presidente da Câmara foi cauteloso, …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Tabata vê ação do PDT para desgastá-la

Apesar de, reservadamente, entender não ter mais clima para ficar no PDT, Tabata Amaral (SP) se recusa a assumir a culpa que o partido quer impor a ela por ter votado a favor da reforma da Previdênci…


Exclusivo
Coluna do Estadão

Amazônia registra mais armas de fogo em 2018Os Estados da região amazônica tiveram, de 2017 para 2018, aumento porcentual no número de armas de fogo registradas superior ao restante do País, segundo levantamento feito pela Coluna com dados do Anuário Bra

Os Estados da região amazônica tiveram, de 2017 para 2018, aumento porcentual no número de armas de fogo registradas superior ao restante do País, segundo levantamento feito pela Coluna com dados do …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Bandeirantes teme tratamento desigual

Não são apenas os governadores do Nordeste e da “esquerda” em geral que temem receber do Executivo federal um tratamento diferenciado (para pior) em repasses e convênios. Os ataques de Jair Bolsonaro …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Polícia Federal teme “modelo Aras” em eventual substituição

As movimentações para derrubar o diretor-geral da Polícia Federal, Maurício Valeixo, deixam apreensiva a corporação. É o medo de Jair Bolsonaro escolher alguém afastado da categoria, como fez com …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Maia avança no projeto para ajudar os clubes

A Câmara elabora projeto de lei para permitir aos clubes de futebol oferecer ações na Bolsa de Valores. O pacote foi encomendado por Rodrigo Maia ao deputado Pedro Paulo (ambos do DEM-RJ) e regulamen…


Exclusivo
Coluna do Estadão

Planalto faz balanço da articulação política

A articulação política do Planalto tabulou a quantidade de parlamentares recebidos pelo ministro Luiz Eduardo Ramos nos seus dois meses na Secretaria de Governo. Até o final de agosto, 146 deputados …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Movimento de Raquel antecipou escolha

Nas últimas conversas com Jair Bolsonaro, Augusto Aras pediu ao Presidente que não demorasse ainda mais na escolha do novo procurador-geral: quem quer que fosse o escolhido precisaria de tempo para …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Congresso sem resposta para tragédia de Minas

Transcorridos quase oito meses da tragédia de Brumadinho (pelo menos 249 mortos e 21 desaparecidos), Câmara e Senado ainda brigam pela autoria de projetos e nada foi aprovado para endurecer a …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Doria lança pacote de ajuda a Bruno Covas

O governador João Doria (PSDB) anuncia hoje ajuda financeira a projetos da Prefeitura de São Paulo. Um dos repasses é para ações de duplicação da Estrada do M’Boi Mirim (Zona Sul). O pacote também …


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados