Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Funcionário publica vídeos debochando de currículos e é demitido

Notícias

Bombou na rede

Funcionário publica vídeos debochando de currículos e é demitido


Funcionário simulou um sorteio, jogando currículos para o alto (Foto: Reprodução / Youtube)
Funcionário simulou um sorteio, jogando currículos para o alto (Foto: Reprodução / Youtube)
Um funcionário de uma empresa privada, que atuava como coordenador de serviços no setor de recursos humanos, foi demitido após publicar vídeos nas redes sociais debochando de currículos encaminhados para seleção de emprego. O caso aconteceu em Campo Grande, Mato Grosso do Sul.

Segundo reportagem da revista Veja, o funcionário gravava vídeos nos stories do Instagram debochando dos currículos e do perfil dos candidatos a uma oportunidade de emprego. Em diversos casos, ele divulgava a foto e o nome dos candidatos e chegou a dizer que não "contrataria uma pessoa por conhecê-la e que tinha ranço dela". "Amor, que pena que eu não vou com a sua cara e não vou te contratar", disse.

Em outro vídeo, ele selecionou vários currículos e jogou para o alto, como se fizesse um sorteio. "Olha quanta gente desempregada e eu como chefe. É um privilégio né?", afirmou.

Diante da repercussão, ele voltou às redes para pedir desculpas, mas não foi o suficiente para garantir o seu emprego. Ele acabou demitido, sob a justificativa de "quebra de sigilo da empresa".


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados