search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Força do exemplo
Painel da Folha de São Paulo

Força do exemplo

O presidente do PSL, Luciano Bivar (PE), mergulhou na articulação para fazer de Alexandre Frota (PSL-SP) o símbolo do primeiro expurgo partidário motivado por críticas a Jair Bolsonaro e seu governo. O caso do deputado será analisado nesta terça (13).

Segundo integrantes da sigla, Bivar passou a pedir a integrantes da executiva que votem pela expulsão de Frota. O dirigente da legenda quer fazer um gesto para o Planalto e enviar um sinal de que a verborragia da bancada precisa ter um limite.

Menos mal - Integrantes da sigla avaliam que este caminho seria, inclusive, vantajoso para o deputado. Expulso, Frota não poderia ser acusado de infidelidade partidária. Apesar disso, seus adversários, como major Olímpio (PSL-SP), defendem que a sigla reivindique seu mandato.

Carimbo - A justificativa para a expulsão será a de que Frota não agiu de acordo com as diretrizes partidárias.

Passo em falso - Apesar de ter votado a favor da reforma da Previdência no primeiro turno, o deputado se absteve na análise final da proposta na Câmara, contrariando a orientação do PSL. Ele também criticou a indicação Eduardo Bolsonaro para a embaixada nos EUA e disse que o Brasil fica "mais tranquilo" com Bolsonaro calado.

Novo rumo - A aposta de integrantes da cúpula do PSL é a de que Frota migrará para o PSDB. O DEM também fez acenos ao parlamentar.

Ao vivo e a cores - A deputada Tabata Amaral (PDT-SP) decidiu mexer na estrutura de seu gabinete. Duas funcionárias que haviam sido contratadas após processo seletivo foram dispensadas pela coordenadora do mandato, Laiz Soares, no estacionamento do anexo 4 da Câmara. As cenas foram presenciadas por servidores da Casa.

BBB - Segundo o Painel apurou, Tabata mexeu na assessoria parlamentar e de comunicação. A ideia é imprimir ritmo mais frenético de divulgação de aspectos não só políticos, mas também pessoais da rotina e do passado da deputada.

De olho - Mesmo com os sinais de que deve ser sacado do comando do Coaf, Roberto Leonel segue na mira de integrantes do STF e do Judiciário. Esse grupo suspeita de que o chefe do órgão é o elo do trânsito irrestrito de dados sem aval da Justiça entre o conselho, a Receita e a força-tarefa da Lava Jato de Curitiba.

Melhor com ele - Apesar de a ala ideológica do governo advogar pela revisão do Mercosul, caso a chapa de Cristina Kirchner vença a eleição na Argentina, um eventual rompimento com o vizinho provoca calafrios na indústria.

Alerta vermelho - Dar as costas à Argentina, alega uma liderança empresarial, seria entregar um mercado cativo de produtos industriais brasileiros para a China.

Realpolitik - Para industriais, a vitória da oposição argentina freia a abertura no vizinho. O que não seria de todo ruim. Neste cenário, o Brasil poderia referendar o acordo com a União Europeia e usufruir dos benefícios sem o prejuízo do aumento da competição no mercado argentino, que seguiria protegido.

Ponto morto - Marcos Azambuja, ex-embaixador na Argentina e conselheiro do Cebri (Centro Brasileiro de Relações Internacionais), é mais cético. A eventual vitória da oposição somada à imagem negativa do governo Bolsonaro tende a colocar o acordo em letargia entre os europeus.

Ponta do lápis - A expectativa da UNE (União Nacional dos Estudantes) e da CNTE (Confederação Nacional dos Trabalhadores da Educação) é a de que haja atos contra cortes na educação em mais de 150 cidades nesta terça (13). O protesto também vai criticar a reforma da Previdência e o projeto Future-se.

Visitas à Folha - Pedro Guimarães, presidente da Caixa, visitou a Folha nesta segunda (12). Estava acompanhado do consultor Antônio Costa Filho. Carlo Lapolli, presidente da Abracerva (Associação Brasileira de Cerveja Artesanal), visitou a Folha nesta segunda (12). Estava acompanhado do deputado federal Fausto Pinato (PP-SP), presidente da Frente Parlamentar Mista em Defesa da Indústria Brasileira de Bebidas, e Lauro Rocha, assessor de imprensa.

TIROTEIO

"O STF se coloca acima da Constituição e fortalece desigualdades. Está na hora de o Senado julgar esse comportamento."

Do senador Lasier Martins (Pode-RS), sobre o STF ter arquivado todos os pedidos de suspeição contra seus ministros em dois anos.

Conteúdo exclusivo para assinantes!

Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

Matérias exclusivas, infográficos, colunas especiais e muito mais, produzido especialmente pra quem é assinante.

Apenas R$ 9,90/mês
Assinar agora
esqueceu a senha?

últimas dessa coluna


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Contra-ataque concertado

Paradoxalmente, a negativa de Dias Toffoli ao pedido para rever decisão na qual ordenou a abertura da caixa-preta dos relatórios do Coaf teve gosto de vitória para aliados do procurador-geral, …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

O que fez no verão passado?

O embate entre setores do Ministério Público e ala do Supremo alcançou novo patamar após a revelação, na Folha de S. Paulo, de que o presidente da Corte, Dias Toffoli, solicitou dados de relatórios …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Devidamente avisado

Auxiliares de Jair Bolsonaro foram informados por volta das 6h de ontem de que partidários de Juan Guaidó haviam invadido a Embaixada da Venezuela. Ao Planalto, a notícia chegou por María Teresa …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Vinde a mim

Do nome ao manifesto, a identidade do novo partido de Jair Bolsonaro foi concebida para mesclar temas do militarismo com os de religião, num aceno ao que o Presidente vê como bases prioritárias. …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Caminho do meio

Partidos de centro e de esquerda articulam apoio a uma proposta alternativa à que quer reabilitar a autorização para prisão em segunda instância. A tese que tem ganhado mais adeptos é a indicada …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Distância regulamentar

Integrantes do governo pretendem criar uma espécie de quarentena para servidores públicos que queiram se candidatar a cargos políticos. Pela proposta, ocupantes de carreiras de Estado terão de …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Aqui me tens de regresso

"Deu certo". Foi assim que um agente da Polícia Federal anunciou a Lula e aos que aguardavam com ele, na carceragem, a decisão sobre o pedido de soltura. O ex-presidente não chorou, mas, …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

O retorno

Às vésperas da decisão do STF que revogou a autorização para prisão em segunda instância, líderes de partidos de centro e centro-direita começaram a cotejar o impacto da saída do ex-presidente Lula …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Plano de fuga

Operadores que conhecem o mercado de petróleo perceberam, na semana passada, que havia risco de o aguardado megaleilão do pré-sal não suprir as expectativas despertadas pelo governo. Executivos …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Força das circunstâncias

O conflito de versões da Polícia Civil e do Ministério Público do Rio sobre a obtenção da planilha que vinculou o nome de Jair Bolsonaro a suspeito do assassinato de Marielle Franco renovou a …


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados