Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Fingindo ser repórter, mulher entrevista Neymar com microfone de karaokê

Notícias

Bombou na rede

Fingindo ser repórter, mulher entrevista Neymar com microfone de karaokê


 (Foto: Reprodução/instagram)
(Foto: Reprodução/instagram)
Antes de Neymar chegar à delegacia para prestar depoimento, nesta quinta-feira (7), Edlaine Alcântara, de 36 anos, já estava do lado de fora, junto com todos os outros repórteres, esperando para entrevistar o jogador.

A questão é que a carioca não é repórter e estava com um microfone daqueles utilizados em aparelhos de karaokê. 

"Vai que Deus é contigo, meu filho. Manda um beijo pra comunidade do Jacacarezinho e pro meu filho Pedro", diz Edlaine emocionada.

Antes, enquanto acompanha o camisa 10, em meio à multidão de jornalistas, ela deixa escapar algumas frases com a voz, aparentemente, emocionada. "A mamãe conseguiu, meu filho, olha aqui o Neymar! A mamãe conseguiu".

Mais cedo, a influencer também fez uma "passagem" em frente à delegacia, comentando sobre quantidade de fãs que estavam esperando para ver um pouco do ídolo. "Estamos esperando a chegada do Neymar para o depoimento dele", diz ela em um dos stories.

No instagram de Edlaine é possível assistir a todos os stories e entrevistas feitas pela carioca. Veja uma das publicações abaixo:

Polêmica envolvendo o jogador

Apesar do tom de humor, uma acusação de estupro contra o jogador, veio a público no último sábado (1°). A modelo Najila Trindade registrou um boletim de ocorrência no dia 31 de maio, na 6ª delegacia de defesa da mulher, no bairro de Santo Amaro, em São Paulo.

De acordo com o relato da vítima, Neymar a conheceu por meio da rede social Instagram e a convidou a ir para Paris encontrá-lo. Segundo o depoimento da mulher, no dia 12 de maio, ela recebeu de um assessor do atleta as passagens e a reserva no Sofitel Paris Arc Du Triomphe, aonde chegou três dias depois.

A vítima afirma que, no dia 15, Neymar apareceu embriagado e trocou carícias com ela, mas logo depois tornou-se agressivo e, mediante violência, teve relação sexual contra a sua vontade.

Leia mais: Polícia cogita acareação entre Neymar e modelo que o acusa de estupro
                  Assista entrevista com modelo que acusa Neymar de estupro


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados