search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Falso ou Verdadeiro? Vídeo anuncia chegada de óleo em Guarapari

Notícias

Cidades

Falso ou Verdadeiro? Vídeo anuncia chegada de óleo em Guarapari


As fortes chuvas que caíram durante esta quarta-feira (13), acabaram deixando o mar de Guarapari agitado. As ondas que batiam com muita frequência na costa da região de Meaípe, deixou o mar barrento e um motociclista que passava pelo local, gravou um vídeo dizendo que as manchas de óleo teriam chegado na cidade.

O vídeo se espalhou no aplicativo de mensagens e gerou uma grande confusão na cidade. Nos grupos, a conversa era apenas essa, de que o óleo estaria exclusivamente na praia de Meaípe. O Comando Unificado esclarece que não há nenhuma confirmação de óleo, até o momento, nas praias da região metropolitana ou na região sul do Estado. E nenhum material foi recolhido como suspeito.

Assista ao vídeo:

A Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Agricultura (SEMAG) por meio de nota, informou que esteve no local indicado com o técnico e foi constatado que essa suposta mancha é de vegetação e galhos que foram trazidos pela maré de algum barranco. “Os supostos fragmentos encontrados, são sementes de castanhas secas”, diz a nota.

O Comando também esclarece que todas as praias ao norte, que apareceram óleo, estão limpas e próprias para banho. O trabalho de limpeza está sendo feito por pessoas devidamente protegidas e utilizando materiais apropriados para coleta e acondicionamento do resíduo.

A secretaria lembra que denúncias precisam ser feitas no número 185, para que equipes especializadas possam ir até o local para averiguação e em caso de suspeitas, recolher o material para análise.

Por meio de nota, a Marinha do Brasil informou que, após o recebimento de denúncias, foi realizada uma inspeção em todo o litoral do Estado e nenhum fragmento de óleo foi encontrado em nenhuma outra região, que não foi anunciada pelos órgãos oficiais.


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados