search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

F-1 em São Paulo é alvo de denúncias
Cláudio Humberto
Cláudio Humberto

Cláudio Humberto


F-1 em São Paulo é alvo de denúncias

Denúncia sobre uso irregular de recursos públicos na realização do Grande Prêmio de Fórmula 1, em Interlagos (SP), foi protocolada no Ministério Público Federal (MPF) e no Tribunal da Contas da União (TCU).

Tem a ver com o mecanismo utilizado para firmar o acordo entre a Prefeitura de São Paulo e a empresa detentora dos direitos do GP do Brasil. Em vez de contrato, há convênio, proibindo lucros e uso de verbas públicas.

Desperdício

A denúncia ao Ministério Público Federal pede a abertura de uma investigação para “coibir o desperdício de recursos públicos”.

Fim comum

Pela legislação atual, só poderia ser firmado um convênio sem ganho financeiro, visando apenas a realização de um fim comum.

Verbas públicas

Existiriam irregularidades nas verbas municipais (R$ 200 milhões em 5 anos) e federais (R$ 160 milhões) para reformas e realização da prova.

Nada de explorar

Também seria vedada a exploração comercial do evento pela iniciativa privada. MPF e TCU devem abrir investigação sobre o caso.

Filho embaixador pareceu piada de Bolsonaro

A ideia de nomear o filho embaixador em Washington (EUA) parece tão absurda que boa parte do mundo político, em Brasília, ainda acha que o presidente Jair Bolsonaro, conhecido gozador, teria combinado com o deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-RJ) essa “pegadinha” contra jornalistas. Mas o que pode ter começado como piada ganha contornos oficiais e rompe uma tradição: desde o governo Sarney, só experientes diplomatas de carreira foram embaixadores do Brasil em Washington.

Vaga não é de tradutor

Pior é a justificativa de Bolsonaro: “O garoto fala inglês e espanhol”. Como se embaixador e um tradutor fossem a mesma coisa.

É mais complexo que isso

“Eduardo é amigo dos filhos de Trump”, diz o Presidente, quando na verdade embaixador tem agenda mais complexa do que isso sugere.

Não é para amadores

Bolsonaro talvez ignore que o papel de embaixador exige qualificação, experiência. Na Secretaria de Estado dos EUA não há amadores.

Mentira doentia

O Guardian, jornal inglês onde Glenn Greenwald (foto) atuou, publicou matéria na sexta bancando uma mentira doentia: “Uma geração inteira de exilados políticos abandonou o Brasil de Bolsonaro para ficar viva”, diz, citando Jean Wyllys, o ex-BBB que deu uma banana para seus eleitores.

Afagando o eleitorado

A certa altura da sessão de sexta-feira (12) na Câmara, Rodrigo Maia deu um tempo e desceu ao plenário para afagar governistas e deputados da oposição. E não se cansou de fazer selfies.

Esquartejamento
Na longa noite de quinta-feira (11), na votação da reforma, Fábio Ramalho (MDB-MG) salvou o estômago dos colegas servindo uma leitoa tipo boca-livre. Foi devorada em poucos minutos. Com direito a sobremesa.

Virou algazarra

Aniversariante do dia, o deputado Fred Costa (MG), líder do Patriotas, era ovacionado sempre que um governista ocupava a tribuna. Não era para homenageá-lo, mas sim para atrapalhar a defesa da reforma.

Lorotas a granel

Henrique Fontana (PT-RS) disse que os “mais pobres” teriam reduzidas à metade as aposentadorias. A lorota foi “atualizada” por Erika Kokay (“quem recebe R$2 mil vai para a R$ 800”) do Distrito Federal, cinco minutos depois. Mais um pouco e os petistas anunciaram “o fim da aposentadoria”.

Parceria institucional

Diretor Executivo do Instituto Legislativo Brasileiro, Márcio Coimbra e o Controlador-Geral do Distrito Federal, Aldemário Araújo Castro, assinaram protocolo de intenções para fortalecer a capacitação de servidores.

Armas no Pacatito

Importante município mineiro comemora neste sábado (13) no Clube XVI de Julho, o 85º aniversário da fábrica de armas Itajubá, no bairro denominado Pacatito, cujo topônimo significa “pequeno lugar pacato”.

Esporte universitário

Até sexta, o Brasil havia conquistado cinco medalhas de ouro na Universíade, em Nápoles (Itália). Com duas pratas e nove de bronze, o Brasil é 10º no quadro de medalhas e já superou o resultado de 2017.

Pensando bem...

...quem dera deputados trabalhassem a semana inteira e com a mesma frequência durante todo o ano...

Conteúdo exclusivo para assinantes!

Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

Matérias exclusivas, infográficos, colunas especiais e muito mais, produzido especialmente pra quem é assinante.

Apenas R$ 9,90/mês
Assinar agora
esqueceu a senha?

últimas dessa coluna


Exclusivo
Cláudio Humberto

Governo prepara plano para se comunicar melhor

Este ano de 2020 pode marcar uma virada na política de comunicação do governo Jair Bolsonaro, na “guerra de narrativas” que virou rotina no dia a dia. Será implantado um plano envolvendo todos os …


Exclusivo
Cláudio Humberto

F-1 procura Ibaneis para realizar GP em Brasília

O governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), vai se reunir hoje ao meio-dia com dirigentes da empresa norte-americana Liberty Media, que detém direitos da Fórmula 1, para tratar da …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Se há prova de crime, “ataque à imprensa” é falácia

A Constituição assegura o direito de o jornalista preservar a fonte, e não é crime publicar denúncia baseada em documentos ou gravações levados ao repórter. Uma coisa é uma coisa. Outra coisa é …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Regina Duarte topa, mas pensa na rebordosa

A atriz Regina Duarte quer mesmo a Secretaria Especial de Cultura. Nem faz questão do status de ministério, apesar de considerar isso positivo. Faz questão é de estrutura e recursos, para uma gestão …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Petrobras tem gastos bilionários em patrocínios

A Petrobras distribuiu mais de R$ 1,77 bilhão em generosos patrocínios na última década. A maior parte, R$ 1,05 bilhão, foi entregue em apenas dois anos: 2013, início oficial da crise política e dos …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Aneel prefere queimar milhões de litros de diesel

Enquanto tramava a asfixia da energia solar, tentando taxar em 64% os que investiram em geração distribuída, a agência reguladora de energia Aneel trata como se fossem irrelevantes os 1,3 milhão de …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Se não copiou, é pior: Alvim pensa como Goebbels

Ex-secretário de Cultura, Roberto Alvim tornou ainda pior sua situação ao alegar que foi apenas “uma coincidência” a frase usada no patético discurso cujo autor original era ninguém menos que Joseph …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Adiando lei, STF assume “tutela” sobre os poderes

Ao adiar a vigência da lei do juiz de garantias, o Supremo Tribunal Federal (STF) assume sua “tutela” sobre o Executivo e o Legislativo, cujas decisões só são válidas após uma “segunda sanção” da …


Exclusivo
Cláudio Humberto

“Taxar o sol” fere compromisso assumido em Paris

O lobby das distribuidoras de energia plantou na Aneel a ideia de taxar quem investiu na geração da própria energia, principalmente solar, mas as consequências poderiam ser gravíssimas se o president…


Exclusivo
Cláudio Humberto

Petrobras de Bolsonaro corta 90% da propaganda

Um dos maiores anunciantes do Brasil, sob comando do governo federal, a estatal Petrobras cortou drasticamente a verba publicitária no primeiro ano de governo de Jair Bolsonaro. Corte chegou a 90%. …


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados