Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Empresária foi morta por se recusar a namorar vizinho casado, diz polícia

Notícias

Polícia

Empresária foi morta por se recusar a namorar vizinho casado, diz polícia


Rosimar Pacheco foi morta a tiros (Foto: Acervo Pessoal)
Rosimar Pacheco foi morta a tiros (Foto: Acervo Pessoal)
A Polícia Civil prendeu, nesta quinta-feira (10), um homem suspeito de matar a vizinha, uma empresária de 48 anos, na região de Pouso Alto, em Iúna, na região do Caparaó capixaba. O crime aconteceu na noite do dia 13 de setembro, enquanto a vítima, identificada por Rosimar Pacheco, de 48 anos, preparava uma festa de casamento.

Rosimar era dona de um restaurante, na localidade de Pouso Alto, e havia se separado há seis meses. Segundo a Polícia, ela se recusou a namorar o suspeito, identificado como Hélio Jorge Espinoso Campos, de 53 anos. Hélio, de acordo com a polícia, é casado.

Hélio foi preso e encaminhado ao CTV (Foto: Divulgação / PCES)
Hélio foi preso e encaminhado ao CTV (Foto: Divulgação / PCES)
No dia do crime, Rosimar seguia para a casa de sua filha à pé por uma trilha, em meio a um cafezal, quando foi abordada pelo suspeito. O filho de Rosimar chegou a socorrê-la e levá-la para um hospital, mas ela não resistiu aos ferimentos e morreu.

Hélio foi preso após investigação da Polícia Civil e mandado de prisão expedido pela Justiça. Para a polícia, o suspeito tinha uma "expectativa amorosa frustrada em relação à vítima".

A operação foi coordenada pelos delegados Tiago Dorneles, Cláudio Araújo e Bruno.

O suspeito foi levado à Delegacia e depois encaminhado ao Centro de Triagem de Viana. A prisão é temporária e a polícia terá 30 dias para concluir as investigações.


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados