Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

"Ele saiu para buscar o filho na escola", diz pai de motorista encontrado morto

Notícias

Polícia

"Ele saiu para buscar o filho na escola", diz pai de motorista encontrado morto


Marcus Vinícius estava desaparecido desde quarta-feira, segundo a família (Foto: Reprodução)
Marcus Vinícius estava desaparecido desde quarta-feira, segundo a família (Foto: Reprodução)

Familiares do motorista de aplicativo Marcus Vinícius Carvalho Baptista, de 37 anos, estiveram no local onde o corpo dele foi encontrado no início da tarde deste sábado (17), em Ponta da Fruta, Vila Velha. O pai da vítima, que pediu para não ser identificado, informou que o filho havia saído para ir buscar o filho, de 11 anos, na escola quando desapareceu, na última quarta-feira (14).

O corpo de Marcus Vinícius foi encontrado no porta-malas do Hyundai HB20 cinza dele. O carro estava abandonado na rua Octamar Barcellos de Souza há cerca de dois dias, segundo moradores. "Meu filho disse a mulher dele que iria sair para ir à oficina consertar algo no carro e, depois, iria pegar o filho na escola", informou o pai de Marcus Vinícius.

Segundo ele, o filho estava fazia bicos como motorista de aplicativo e era pai de duas crianças - além do menino, de 11 anos, ele também tinha uma menina, de 2 anos.

Em nota, a Polícia Civil informou que até o momento nenhum suspeito foi detido. O caso seguirá sob investigação da Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) de Vila Velha. O corpo de Marcus Vinícius foi encaminhado para o Departamento Médico Legal (DML) de Vitória, para ser identificado e para ser feito o exame cadavérico.

"A Polícia conta com a colaboração da população e qualquer contribuição para identificação de suspeitos podem ser feitas por meio do Disque-Denúncia 181 ou pelo disquedenuncia181.es.gov.br, onde é possível a pessoa anexar imagens e vídeos de ações criminosas. O sigilo e anonimato são garantidos", disse a nota.


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados