Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Égua de R$ 1 milhão vai competir em exposição estadual

Notícias

Cidades

Égua de R$ 1 milhão vai competir em exposição estadual


Évora Caballero está avaliada em R$ 1 milhão (Foto: Clóvis Rangel / Divulgação)
Évora Caballero está avaliada em R$ 1 milhão (Foto: Clóvis Rangel / Divulgação)

Uma égua, avaliada em R$ 1 milhão, estará competindo na 29ª Exposição Estadual Capixaba do Cavalo Mangalarga Marchador, que será realizada entre 26 e 29 de setembro. Batizada de Évora Caballero, filha do "garanhão" mais caro do Brasil, a égua estará no evento no Jockey Clube de Vila Velha.

Um de seus proprietários, Rodolfo Sgaria, 32 anos, dono do Haras Turbo, localizado em Guarapari, afirma que o animal chegou a esse valor por ter boa genética e por liderar o ranking nacional dessas provas.

“Ela é filha do garanhão mais caro do Brasil, o Fator da Cavarú-Retã. Além disso, Évora foi campeã em todas as provas que disputou no estado este ano, com apenas 06 meses de doma. E conquistou em julho deste ano o 1º Prêmio Égua Jovem de Marcha Nacional 2019 no maior evento da raça do país, a Exposição Nacional de Belo Horizonte”, diz.

Évora começou a competir em março. Com treinos diários de exercícios, alimentação balanceada com vitaminas, o animal é patrocinado pela maior marca de suplementos da América Latina.

“Manter um cavalo desse nível é caro, mas já dispensamos muitas propostas. Com o sucesso nas pistas, a procura pelo material genético dela cresceu. A reprodução também é nosso foco”, disse Rodolfo. Um óvulo da Évora Caballero custa mais do que R$ 15 mil.

A Exposição

A 29ª Exposição Estadual Capixaba do Cavalo Mangalarga Marchador tem o apoio da Associação dos Criadores do Cavalo Mangalarga Marchador do Espírito Santo (ACCMMES) e pretende reunir mais de 200 animais de todas as regiões do país e um público de mais de três mil pessoas nos quatro dias.

“Preparamos, mais uma vez, uma festa da raça a nível nacional porque acreditamos que a nossa cidade merece”, afirma Eder Mauro Mai, um dos organizadores.

A entrada para o público será gratuita.


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados