search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

DISQUE-DENÚNCIA 181 BATE RECORDES EM 2019
.
Publicidade | Anuncie

Branded Content

DISQUE-DENÚNCIA 181 BATE RECORDES EM 2019


O serviço Disque-denúncia 181 completou 18 anos de existência no último mês de outubro, batendo recordes de atendimentos e resultados em virtude da apuração de denúncias. Do início de 2019 até o final do mês passado, foram registrados 43.944 atendimentos, marca que já supera todas as ligações registradas em todo o ano de 2015, que até então era recordista em atendimentos.

Graças à colaboração do cidadão, o Disque-denúncia 181 superou o recorde mesmo faltando dois meses para o final do ano. Somente em outubro, foram mais de cinco mil registros. Essa participação maciça resultou também nos mais expressivos resultados operacionais. Mais de 700 quilos de drogas foram apreendidos com o auxílio de informações repassados pelo Disque-denúncia 181. Foram quase 1,2 mil pessoas detidas, 133 foragidos capturados e 239 armas de fogo postas fora de circulação.

Essa participação popular efetiva também dá subsídios para a realização de ações operacionais. Somente este ano foram iniciados 4.293 procedimentos diversos, entre autos de infração, notificações, multas, advertências e abordagens com base nas denúncias. No mesmo período em 2018, foram 1.109 procedimentos – um crescimento de 287% nas ações baseadas nas informações repassadas pelos cidadãos.

O Disque-denúncia 181 é uma das ações do Governo do Estado no enfrentamento à violência e à impunidade no Espírito Santo. Ele atua de forma integrada com o programa Estado Presente em Defesa da Vida, retomado este ano e que desde então contribui para a redução mês a mês nos índices de criminalidade. O mês de outubro teve o menor número de homicídios dolosos desde 1996 no Estado.

No acumulado no ano, o Estado registrou 791 mortes, uma redução de 16,4% comparada ao mesmo período de 2018. A meta da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (Sesp) é fechar o ano de 2019 com menos de mil homicídios. Será a primeira vez que isso pode ocorrer nos últimos 23 anos. O Estado Presente atua em dois eixos: o policial, com foco em ações de enfrentamento qualificado ao crime; e o social, com ações transversais e integradas.


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados