Custa caro?

Gabriela Rebello (Foto: A Tribuna)
Gabriela Rebello (Foto: A Tribuna)
Dentre as desculpas para não se fazer dieta, a campeã é de que custa caro para se manter uma alimentação saudável. Mas a boa notícia é que não é preciso gastar muito para se manter o equilíbrio na dieta e nas finanças. É só fazer as escolhas certas dentro das possibilidades pessoais!

E nada de modismo, vamos focar no básico, no essencial. Quem disse que os produtos que você já utiliza não podem ser estrelas da sua dieta?

Carnes magras, ovos, cereais integrais, frutas, verduras e grãos... Além de naturalmente nutritivos, alimentos populares podem ser reinventados.

Na alimentação brasileira, existem alimentos populares com excelentes valores nutricionais. A gente costuma dizer que o arroz e o feijão são a dupla que deve estar em qualquer dieta.

Como exemplo, em vez de cair no integral, mais caro, é possível usar o arroz parboilizado, ou até o comum, de forma mais nutritiva.

Fala-se que o arroz é um carboidrato pobre. Isso não está completamente errado. Mas a gente pode adequar a quantidade e, principalmente, a qualidade. Acrescente linhaça, farelo de aveia ou vegetais e você terá um arroz nutritivo.

O gasto na pizzaria, no salgadinho da esquina, nas bolachas, chocolates e no fast food é bem maior do que comer bem e saudável, pode acreditar!

E isso tudo não sou apenas eu que falo. Há muitas histórias de superação de pessoas que contam que mudaram de vida, emagreceram e ainda economizam mais do que antes! Além de vários estudos que já demonstram esta realidade.

Para isso, algumas dicas são importantes e podem fazer toda diferença!

- Verifique a dispensa e a geladeira antes de sair de casa e faça uma lista de compras. Se organize e compre somente o essencial.

- Deixe os alimentos de longa data de validade para a compra mensal. Na compra semanal, adquira somente os alimentos perecíveis como: carnes, frutas e verduras. Assim, você irá consumir tudo fresco e com boa qualidade.

- Priorize as frutas da estação, que têm preço inferior às de outras épocas, além de terem melhor sabor e mais nutrientes.

- Se você gostar de abusar dos temperos naturais, faça uma horta caseira.

- Embalagens de saladas, frutas ou carnes em pequenas porções são realmente práticas, mas podem dobrar o custo de um produto. Não adianta: se você quer economizar sem abrir mão da saúde, a dica é fazer tudo em casa.

- Em vez de comprar aquela alface lavadinha, pronta para colocar no prato, compre o pé inteiro e... mãos à obra!

- Aproveite o alimento por inteiro! Utilize, por exemplo, a casca do abacaxi no preparo de doces ou chás e a casca da abóbora em uma farofa, além de economizar, dá um show de sabor às preparações.

- A carne é um dos itens mais caros da cozinha brasileira. Mas para manter o aporte necessário de proteína, não é preciso recorrer a ela todo santo dia. Substituí-la por ovos ou soja pode ser uma boa opção.

- Leve marmita para o trabalho. Você economiza e ainda garante uma alimentação mais saudável.

- Sobras? Congele! Você evita o desperdício e terá sempre frutas e vegetais à disposição.

Anotou as dicas da nutri? Chama as amigas e vamos que vamos gente! Emagreça com consciência e saúde, enriqueça com sustentabilidade e seja feliz.


últimas dessa coluna


Beber durante a refeição faz mal?

É muito comum beber algo durante as refeições. Muitos tomam refrigerantes, enquanto outros preferem opções mais naturais, como chás, sucos e água. Mas será que tomar líquidos durante as refeições faz …


O álcool está engordando você?

Você não dispensa aquele chope gelado no fim de semana ou um drinque com os amigos no happy hour? Há muitos fatores que afetam a perda de peso, tornando o processo mais complicado do que pode …


Colorau: vilão ou mocinho?

Entre todos os temperos, o colorau se destaca por sua coloração intensa, ainda que seja considerado um tempero de sabor fraco para boa parte dos paladares. Seu uso não é muito comum de forma primária …


Vaca atolada na polenta

Polenta? Um alimento típico da cultura italiana, mas muito conhecido aqui no Brasil. Pode ser servida mole, dura, grelhada ou frita e ainda recheada com uma variedade imensa de molhos. Antigamen…


É para você papai!

Mais um Dia dos Pais está chegando... Eles não são os mais famosos quando o assunto é cuidados com a saúde e alimentação exemplar, mas isso é algo que pode ser mudado. Os homens merecem uma atenção …


Facilite sua vida

Um dos motivos pelo qual as pessoas ainda insistem em usar os temperos prontos é a facilidade de ter sempre algo à mão, sem precisar de muito trabalho. Mas assim como muitos outros aspectos de uma …


Petiscos fit

Não é porque você está em processo de reeducação alimentar que precisa abrir mão da sua vida social. Muitas pessoas, com medo de cair em tentação, evitam se reunir com os amigos para jantar ou fazer …


Festa junina magrinha

A tapioca é uma delícia, mas em festas normalmente os recheios são aqueles bem calóricos. Aposte em recheios com queijos magrinhos ou frutas, por exemplo. A espiga de milho possui poucas …


Queda de cabelo: o que comer?

Em especifico, a queda de cabelo, pode estar relacionada a diversas causas e dentre elas está à deficiência de alguns nutrientes e por isso indivíduos que não se alimentam de forma adequada, …


27/11/17

quais os alimentos que podem prevenir o câncer?

No dia 27 de novembro, é celebrado o Dia Nacional de Combate ao Câncer. E, no quadro Nutridicas desta semana, a nutricionista Gabriela Rebello traz as dicas de quais são os alimentos que são …