Cultura viva na Ufes

 (Foto: Tribuna Livre)
(Foto: Tribuna Livre)
Fundada em 1954, a Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes) é um símbolo da resistência democrática e da efervescência cultural no Estado.

Nos últimos anos, a Ufes se consolidou como vetor fundamental que impulsiona as artes e a cultura no contexto regional, tornando-se referência para os capixabas.

Como instituição pública superior de ensino, pesquisa e extensão a Universidade busca, também, cumprir o seu papel de protagonista cultural, abrindo as suas portas para as produções locais e atuando como importante indutora regional da criação artística.

Mesmo em tempos sombrios para a cultura nacional – o fim do Ministério da Cultura (MinC) é uma demonstração – a Universidade se lança em novas e criativas estratégias, buscando sua plena interação com agentes culturais e a sociedade.

Mesmo no cenário de incertezas políticas e econômicas, a Secretaria de Cultura da Ufes desenvolve incontáveis projetos por meio de seus equipamentos culturais: galeria de arte, teatro e cinema. Com a chancela da administração universitária, desenvolve permanente processo de qualificação de sua equipe técnica, que oferece sustentação necessária às diferentes ações. Assim, a sua estrutura organizada permite a forte inserção da Universidade na cena cultural capixaba.

O Teatro da Ufes é, hoje, um dos mais modernos do país, equipado para receber grandes montagens com qualidade e conforto indispensáveis às principais casas de espetáculos. Sua agenda para todo o ano de 2019 contempla ampla programação de apresentações da Orquestra sinfônica do Espírito Santo. Para estímulo ao desenvolvimento da cultura, a Ufes mantém isenção de taxas para as produções capixabas, o que torna o seu teatro uma das principais referências para quem produz arte no Espírito Santo. A Galeria de Arte Espaço Universitário, que completa quatro décadas de trajetória recebe, permanentemente, um público variado de diferentes faixas etárias, e consolida um ambiente de projeção da produção artística – notadamente a local – e de popularização das artes plásticas, com ações educativas para a formação de novos públicos.

Com sua agenda aberta a todas as formas de expressão e técnicas, a galeria também preserva o acervo da universidade com cerca de 2,5 mil obras de arte, que começa a ser disponibilizado para acesso da sociedade, possibilitando valiosa oportunidade para pesquisadores. Para o desenvolvimento de pesquisas, está em curso o projeto de instalação de plataformas digitais com os conteúdos do acervo, que estará disponível a partir de 2019. Com planejamento, a Ufes mantém como eixo central de sua política cultural o foco na produção regional e nos artistas locais.

Por meio do Circuito Multicultural, a Universidade opera em suas unidades acadêmicas no interior – Alegre e São Mateus – promovendo ações de arte e cultura a partir da produção das regiões sul e norte do Estado, com eventos de música e folclore, como o congo, jongo, ticumbi e outras manifestações da cultura popular. Resgatado, mesmo com a crise que atinge os cinemas universitários do país, o Cine Metrópolis, no campus de Goiabeiras, recebeu intervenções recentes de modernização física e operacional, mantendo a sala aberta para a exibição de filmes que não entram no circuito comercial, para lançamentos de produções cinematográficas, além de se consolidar como ambiente de fomento à produção audiovisual capixaba. Assim, com sua ousada política cultural, a Ufes mantém elevada a sua produção, e compartilha abrangentes projetos com a sociedade capixaba.

Rogério Borges é secretário de Cultura da Ufes
 


últimas dessa coluna


Mudanças sociais também aceleram o sofrimento humano

Mudanças nos contextos sociais, políticos, culturais e econômicos, ocorridas no mundo desde o século XIX e que se fortaleceram durante o século passado, trouxeram transformações relevantes para a …


Cláusula de desempenho ajuda, mas ainda não resolve tudo

A Emenda Constitucional nº 97 veio a combater um dos maiores males de nossa democracia: o pluripartidarismo desenfreado. No Brasil, atualmente, existem 35 partidos políticos registrados no Tribunal …


Aposentadoria por tempo de contribuição com os dias contados

O novo texto da reforma da Previdência está sendo lapidado pela nova equipe econômica do presidente Jair Bolsonaro. Nos bastidores, estão vazando uma série de alternativas que estão sendo ventiladas …


Pintura não é apenas obra de arte, é uma obra para a arte

Nossos ancestrais de mais de 3 milhões de anos não se interessavam por arte. Viviam nas florestas da África saltando de galho em galho. Nossos retataravós, os australopitecus, mudaram da floresta …


Mais de 22 milhões de bagagens extraviadas por ano no mundo

Dentre as diversas expectativas para o ano que está começando, os analistas econômicos convergem num ponto: haverá considerável crescimento econômico no Brasil. O aquecimento da economia já está em …


Mercado de crédito digital é visto como grande negócio

Historicamente, a tomada de crédito sempre foi relacionada aos bancos tradicionais, o que acabava limitando o acesso a empréstimos por grande parte da população que, de alguma forma, não era …


RH digital: novas tecnologias na área de gestão de pessoas

O setor de Recursos Humanos (RH) está vivendo uma transformação sem limites graças às novas tecnologias e também à chegada das novas gerações ao mercado de trabalho. Como consequência, o relacionamen…


Linguagem não verbal dos profissionais bem-sucedidos

Como você é percebido ou gostaria de ser notado durante as suas conversas, reuniões, entrevistas e uma infinidade de atividades que exigem o ato de se comunicar bem? Embora a resposta possa …


Camata: sabedoria para governar no presente e pensar no futuro

Em 1983, Gerson Camata assumia o governo do Espírito Santo. Uma carreira política, já vitoriosa, se constituiria, a partir de então, como um marco da história política capixaba, e que se seguiria com …


Déficit fiscal traz dor de cabeça para o novo governo

O ano de 2019 inicia cercado de expectativas em relação à gestão do novo presidente da República e sua equipe. O Brasil vive uma situação fiscal dramática e, para este ano, o déficit previsto no …