Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Convocação esquenta clima na Câmara
Coluna do Estadão

Andreza Matais e Marcelo de Moraes


Convocação esquenta clima na Câmara

Foi tenso o embate entre o líder do PSL na Câmara, Delegado Waldir (GO) e o Centrão, segundo relatos, por conta da convocação do ministro da Educação.

Em certo momento, Waldir disse a deputados que Abraham Weintraub dará uma "aula" no plenário. Um membro do Centrão rebateu: "Que bom, porque eu sou burro". O líder do PSL, então, provocou: "Vem ensinar porque é professor, se fosse delegado, como eu, viria para prender".

A sugestão de que há ladrões na Casa esquentou o clima e ajudou na derrota acachapante do governo. 

Passou. Quando percebeu o erro cometido, o PSL tentou corrigir os rumos e orientou a votação contra a convocação de Weintraub em plenário. Já era tarde.

Deslocado. Major Vitor Hugo (PSL-GO) só usou a tribuna às 19h55. Disse que a convocação do ministro seria uma "excelente oportunidade" para Weintraub.

Distância. A líder do governo no Congresso, Joice Hasselmann (PSL-SP), que nunca escondeu o incômodo com a atuação de Vitor Hugo, sondou um deputado do Centrão para substituir o líder na Câmara. Ficou sem resposta.

Uma volta atrás. Onyx Lorenzoni só procurou Marcos Pereira (PRB-SP), presidente interino da Câmara, para tratar da convocação quando o assunto já havia sido pautado pelo Colégio de Líderes da Casa. 

Perdas e danos. Onyx prometeu ir à Câmara conversar com Marcos Pereira. 

Pedra no caminho. Pesquisa do instituto Ideia Big Data mostra que, para os deputados federais, a falta de diálogo e de entendimento entre o Legislativo e o Executivo é hoje o principal obstáculo para a aprovação da reforma da Previdência.

Calouros e... Segundo a pesquisa, a maior resistência à reforma da Previdência na Câmara parte dos deputados federais veteranos. Entre os novatos, 68% afirmam ser favoráveis às mudanças na seguridade.

...veteranos. Entre os que possuem experiência no cargo, 47% defendem a reforma. No geral, 57% dos deputados federais ouvidos apoiam as mudanças na Previdência (42% são contra).

Lá vem… Um acordo de líderes no Senado deverá trocar na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) o relator do projeto que analisará o recente decreto de Bolsonaro sobre o uso e porte de armas. Deixa o posto Marcos do Val (Cidadania-ES) e entra Veneziano Vital do Rêgo (PSB-PB), considerado refratário ao teor do texto.

…chumbo. A articulação para dar urgência ao projeto ocorreu com o aval do presidente da Casa, Davi Alcolumbre (DEM-AP), que esta em Nova York. Com isso, o Senado também indica que enxerga inconstitucionalidade no decreto.

Contra o… Bolsonaro se comprometeu com o ministro Osmar Terra a vetar seis pontos polêmicos do projeto que altera a política de drogas, que o Senado queria tirar. Um deles é a cota de 1% para ex-dependentes em empresas de serviços.

...relógio. O objetivo é sancionar o projeto antes de o Supremo Tribunal Federal (STF) julgar se o porte de drogas para uso próprio é crime. Com o compromisso do veto, o governo evita que a proposta seja enviada de volta à Câmara.

Pronto, falei!

"Será que a Câmara é tão grande que não possamos sentar, conversar e se entender?"

Deputado federal Coronel Tadeu (PSL-SP), sobre disputa entre Alexandre Frota e Eduardo Bolsonaro pelo PSL-SP

Conteúdo exclusivo para assinantes!

Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

Matérias exclusivas, infográficos, colunas especiais e muito mais, produzido especialmente pra quem é assinante.

Apenas R$ 9,90/mês
Assinar agora

últimas dessa coluna


Exclusivo
Coluna do Estadão

“General melancia” diz que ainda apoia governo

Chamado pelo Presidente de “melancia” (verde por fora e vermelho por dentro), o general da reserva Luiz Rocha Paiva disse à Coluna que não se arrepende de ter classificado como “antipatriótico” o …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Presidente esticou a corda, avaliam aliados

Há grande tensão no meio político, inclusive entre apoiadores de Jair Bolsonaro, quanto à próxima rodada das pesquisas de avaliação do governo. É consenso que o Presidente esticou a corda da opinião …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Cid Gomes defende Tabata Amaral no PDT

O senador Cid Gomes (CE) acha que o PDT deveria ter uma “dose de boa vontade” para com Tabata Amaral, que votou a favor da reforma da Previdência, contra a orientação do partido. Segundo o irmão de …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Assustado, Huck vê ataque desleal a Tabata

O apresentador Luciano Huck vê deslealdade nos ataques a Tabata Amaral (PDT-SP). “Me assusta a forma desleal como a Tabata vem sendo tratada", disse ele.  "Ela é apenas uma entre os muitos …


Exclusivo
Coluna do Estadão

PDT estuda recorrer ao TSE contra movimentos

Depois de terem sido chamados de “partidos clandestinos” por Ciro Gomes, movimentos políticos se reuniram em Brasília para analisar a conjuntura. O balanço feito pelos dirigentes do Agora, Livres e …


Exclusivo
Coluna do Estadão

OAB diz que Bolsonaros confiaram no Supremo

Presidente da Ordem dos Advogados do Brasil, Felipe Santa Cruz defendeu as garantias legais de Flávio Bolsonaro no caso das apurações do Coaf: “Não é porque a família Bolsonaro já deu declarações …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Programa protegerá ativistas de direita

O ministério comandado por Damares Alves elabora uma reformulação do programa de proteção a ativistas para incluir perfis de direita. “Vamos ampliar a definição do que é defensor de direitos humanos. …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Tucanos e petistas com medo de Tabata Amaral

Apesar de Tabata Amaral (PDT) afirmar que não será candidata à Prefeitura de São Paulo, tucanos e petistas estão tremendo de medo dela, ainda mais após o mais recente movimento (e de grande visibilid…


Exclusivo
Coluna do Estadão

Recesso será teste nas ruas para a reforma

A tropa de choque da reforma da Previdência na Câmara estima que, passado o recesso, os votos favoráveis às mudanças na aposentadoria no segundo turno tendem a ficar abaixo dos 379 da primeira …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Itamaraty tenta decifrar enredo dos Bolsonaros

Dentre as muitas teses a circular no Itamaraty, uma vem ganhando mais adeptos: o gesto de Jair Bolsonaro para emplacar seu filho Eduardo na embaixada de Washington é uma forma de o deputado ocupar …


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados