Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Convocação esquenta clima na Câmara
Coluna do Estadão

Andreza Matais e Marcelo de Moraes


Convocação esquenta clima na Câmara

Foi tenso o embate entre o líder do PSL na Câmara, Delegado Waldir (GO) e o Centrão, segundo relatos, por conta da convocação do ministro da Educação.

Em certo momento, Waldir disse a deputados que Abraham Weintraub dará uma "aula" no plenário. Um membro do Centrão rebateu: "Que bom, porque eu sou burro". O líder do PSL, então, provocou: "Vem ensinar porque é professor, se fosse delegado, como eu, viria para prender".

A sugestão de que há ladrões na Casa esquentou o clima e ajudou na derrota acachapante do governo. 

Passou. Quando percebeu o erro cometido, o PSL tentou corrigir os rumos e orientou a votação contra a convocação de Weintraub em plenário. Já era tarde.

Deslocado. Major Vitor Hugo (PSL-GO) só usou a tribuna às 19h55. Disse que a convocação do ministro seria uma "excelente oportunidade" para Weintraub.

Distância. A líder do governo no Congresso, Joice Hasselmann (PSL-SP), que nunca escondeu o incômodo com a atuação de Vitor Hugo, sondou um deputado do Centrão para substituir o líder na Câmara. Ficou sem resposta.

Uma volta atrás. Onyx Lorenzoni só procurou Marcos Pereira (PRB-SP), presidente interino da Câmara, para tratar da convocação quando o assunto já havia sido pautado pelo Colégio de Líderes da Casa. 

Perdas e danos. Onyx prometeu ir à Câmara conversar com Marcos Pereira. 

Pedra no caminho. Pesquisa do instituto Ideia Big Data mostra que, para os deputados federais, a falta de diálogo e de entendimento entre o Legislativo e o Executivo é hoje o principal obstáculo para a aprovação da reforma da Previdência.

Calouros e... Segundo a pesquisa, a maior resistência à reforma da Previdência na Câmara parte dos deputados federais veteranos. Entre os novatos, 68% afirmam ser favoráveis às mudanças na seguridade.

...veteranos. Entre os que possuem experiência no cargo, 47% defendem a reforma. No geral, 57% dos deputados federais ouvidos apoiam as mudanças na Previdência (42% são contra).

Lá vem… Um acordo de líderes no Senado deverá trocar na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) o relator do projeto que analisará o recente decreto de Bolsonaro sobre o uso e porte de armas. Deixa o posto Marcos do Val (Cidadania-ES) e entra Veneziano Vital do Rêgo (PSB-PB), considerado refratário ao teor do texto.

…chumbo. A articulação para dar urgência ao projeto ocorreu com o aval do presidente da Casa, Davi Alcolumbre (DEM-AP), que esta em Nova York. Com isso, o Senado também indica que enxerga inconstitucionalidade no decreto.

Contra o… Bolsonaro se comprometeu com o ministro Osmar Terra a vetar seis pontos polêmicos do projeto que altera a política de drogas, que o Senado queria tirar. Um deles é a cota de 1% para ex-dependentes em empresas de serviços.

...relógio. O objetivo é sancionar o projeto antes de o Supremo Tribunal Federal (STF) julgar se o porte de drogas para uso próprio é crime. Com o compromisso do veto, o governo evita que a proposta seja enviada de volta à Câmara.

Pronto, falei!

"Será que a Câmara é tão grande que não possamos sentar, conversar e se entender?"

Deputado federal Coronel Tadeu (PSL-SP), sobre disputa entre Alexandre Frota e Eduardo Bolsonaro pelo PSL-SP

Conteúdo exclusivo para assinantes!

Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

Matérias exclusivas, infográficos, colunas especiais e muito mais, produzido especialmente pra quem é assinante.

Apenas R$ 9,90/mês
Assinar agora

últimas dessa coluna


Exclusivo

Substitutivo da Previdência analisa recursos alternativos

No substitutivo da reforma da Previdência que deputados planejam apresentar, estuda-se incluir propostas alternativas de financiamento das aposentadorias. Seria uma maneira de o Congresso se …


Exclusivo

Governo terá de buscar votos no recesso branco

O governo federal terá de correr contra o relógio para aprovar a reforma da Previdência antes que a conjuntura política e econômica possa se tornar ainda mais desfavorável ao presidente, a ponto de …


Exclusivo

Para Weintraub, missão dada é missão cumprida

Enquanto o moistro da Educação, Abraham Weintraub, se preparava para a audiência na Câmara, Jair Bolsonaro, dos EUA, deu o tom do que esperava dele: enfrentamento firme. A declaração do presidente …


Exclusivo

Fusão com DEM esbarra em dificuldades tucanas

Está mais difícil do que se previa a possível fusão entre PSDB e DEM, tão sonhada pelo governador de São Paulo, João Doria. Os maiores entraves estão, hoje, no ninho tucano. Um deles é a resistência …


Exclusivo

Líderes temem embate público com Moro

A forma como a MP que redesenha a Esplanada – e tira o Coaf de Sérgio Moro – vem sendo tratada na Câmara ligou um sinal de alerta em líderes do Centrão e adjacências. Alguns já dizem que, se não …


Exclusivo

Decreto abre brecha para armas em avião

O decreto de Jair Bolsonaro ampliando o porte de armas abre brecha para passageiros embarcarem armados em voos comerciais. O texto passa a definição dessas regras para as mãos do ministério de Sérgio …


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados