Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Embaixador da Itália chega ao Estado para tratar sobre agência consular

Notícias

Cidades

Embaixador da Itália chega ao Estado para tratar sobre agência consular


Embaixador da Itália, Antonio Bernardini chega a Vitória para participar de uma reunião sobre a instalação da Agenzia Consolare d'Italia in Vitória (Foto: Marcos Rosetti)
Embaixador da Itália, Antonio Bernardini chega a Vitória para participar de uma reunião sobre a instalação da Agenzia Consolare d'Italia in Vitória (Foto: Marcos Rosetti)
O embaixador da Itália no Brasil, Antonio Bernardini, chega nesta quinta-feira (13) a Vitória para participar de uma reunião sobre a instalação da Agenzia Consolare d'Italia in Vitória.

Atualmente, os capixabas que desejam requerer a cidadania italiana, ou passaporte, precisam viajar cerca de 500 km até o Consulado Geral da Itália no Rio. Com a criação da agência consular no Estado, muitos desses serviços passarão a ser realizados no Espírito Santo, o que vai diminuir o gasto dos capixabas, inclusive com deslocamentos em viagens. A reunião diplomática será realizada às 9 horas, no Palácio Anchieta.

O encontro terá a presença da secretária de Estado de Gestão e Recursos Humanos, Lenise Loureiro, e a comitiva da Itália composta, além do embaixador, pelo cônsul-geral da Itália no Rio de Janeiro, Paolo Miraglia del Giudice; cônsul Honorário no Espírito Santo, Roger Gaggiato; o subsecretário do Ministério das Relações Exteriores da Itália, o senador Ricardo Merlo e o deputado Luis Roberto Lorenzato, ambos eleitos pela América do Sul ao Parlamento da Itália, o diretor para os Italianos no Exterior, Luigi Maria Vignali, e o vice-presidente para a América Latina do Movimento Associativo dos Italianos no Exterior (Maie), Luis Molossi.

O governo do Estado por meio da Secretaria de Estado de Gestão e Recursos Humanos (Seger), vai ceder dois imóveis no centro de Vitória para a instalação da Agenzia Consolare d'Italia in Vitória.

"Com a intalação da Agenzia Consolare d'Italia in Vitória o que a comunidade mais espera é a facilidade para entregar os documentos para obter a o reconhecimento da dupla cidadania, além de solidificar as relações entre o Espírito Santo e a Itália no intercâmbio comercial, cultural, turístico; no intercâmbio entre jovens para o estudo da língua italiana, dentre outros cursos”, afirmou o diretor-presidente da Casa d'Italia do Espírito Santo e Conselheiro do Comitê dos Italianos no Exterior (Com.It.Es), do Consulado Geral da Itália no Rio, Cilmar Franceschetto.

Ele disse ainda que a “Agenzia Consolare não é um objetivo final, é um meio pelo qual pretendemos estreitar essa parceria com a Itália, reforçando a ligação que já temos com a nação dos nossos antepassados".

O conselheiro informou ainda que, nos últimos 5 anos, o desejo em instalar a agência consular se intensificou ainda mais após a eleição para o Com.It.Es, em 2015, e a criação da Casa d'Italia do Espírito Santo, em 2017.

Franceschetto destacou a importância da parceria com o estado de Santa Catarina, que assim como o Espírito Santo, possui uma grande colônia italiana, mas não tem uma estrutura consular que atenda às demandas da comunidade italiana.

A comunidade italiana estará presente no Palácio Anchieta para participar do momento de interação com as autoridades. Serão apresentadas algumas atividades culturais que acontecem no Espírito Santo como coral de músicas italianas, o Polenta Móvel que é tradição nas festas italianas de Venda Nova do Imigrante, grupo de concertina, dentre outras. Após o momento de interação, as autoridades vão visitar os imóveis no centro de Vitória.

Na parte da tarde, o embaixador da Itália, Antonio Bernardini e a comitiva, vão participar de uma reunião às 15 horas, com os representantes capixabas do Com.It.ES que são conselheiros eleitos pelos italianos para representação junto ao Consulado Geral da Itália no Rio de Janeiro (que abrange os estados do Rio e Espírito Santo). O Com.it.ES é composto por 11 cariocas e cinco capixabas (além de Cilmar, Rita Botoluzzi Herzog, José Renato Margon, João Otávio De Carli e Fernanda Coutinho).

Os imóveis

Fachada do edifício Michelini l que foi colocado à disposição pelo governo do Estado (Foto: Cilmar Franceschetto)
Fachada do edifício Michelini l que foi colocado à disposição pelo governo do Estado (Foto: Cilmar Franceschetto)
O edifício Michelini l foi colocado à disposição pelo governo do Estado, por intermédio da Secretaria de Estado de Gestão e Recursos Humanos (Seger), para instalação da Consulado Italiano (Agenzia Consolare d’Italia in Vitória).

Localizado ao lado do Cartório Sarlo e Teatro Carlos Gomes, o espaço do antigo Palácio do Café, que agora pertence ao governo do Estado, tem um auditório que comporta até 80 pessoas, no 11º pavimento, e um conjunto de salas no pavimento superior, com acesso e já adaptado para pessoas com necessidades especiais.

Sala do Edifício Portugal, na rua General Osório, também no centro de Vitória (Foto: Cilmar Franceschetto)
Sala do Edifício Portugal, na rua General Osório, também no centro de Vitória (Foto: Cilmar Franceschetto)
O outro imóvel está localizado no Edifício Portugal, na rua General Osório, também no centro de Vitória.


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados