X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Ruas de 12 bairros vão ter velocidade de 30 km/h

| 18/06/2020 14:45 h | Atualizado em 18/06/2020, 15:33

Rua Desembargador Cassiano Castelo, já sinalizada:  ciclista  é prioridade
Rua Desembargador Cassiano Castelo, já sinalizada: ciclista é prioridade |  Foto: Leone Iglesias/AT
O município de Vitória ganhou sua primeira ciclorrota – rua para uso compartilhado de bicicletas e veículos, sendo que o ciclista é prioridade.

A novidade fica na rua Desembargador Cassiano Castelo, em Goiabeiras. O bairro é o primeiro dos 12 que terão esse tipo de via, onde a velocidade máxima é de 30 quilômetros por hora.

Diferente da ciclovia ou da ciclofaixa, a chamada ciclorrota destina uma rua inteira para as bicicletas. Nela, o ciclista poderá transitar na frente do carro, no meio da pista, sempre tendo a prioridade.

A rota tem como objetivo fazer a ligação entre locais que já possuem ciclovia.

No caso de Goiabeiras, a rua faz conexão entre as ciclovias das avenidas Fernando Ferrari, Presidente Costa e Silva e Jerônimo Vervloet.

Para garantir a segurança, a velocidade máxima foi reduzida para 30 km/h ao longo dos 500 metros de rua.

“Foi feita uma sinalização na pista e com placas para ressaltar que o motorista precisa diminuir a velocidade, pois ali a via é compartilhada com o ciclista”, explicou a secretária de Transportes, Trânsito e Infraestrutura Urbana de Vitória, Ana Elisa Nahas Amorim Pimentel.

Além de Goiabeiras, outros 11 bairros da capital terão ruas para esse uso compartilhado: Jardim Camburi, Mata da Praia, Bairro República, Jardim da Penha, Praia do Canto, Bento Ferreira, Ilha de Santa Maria, Forte São João, Redenção, Nova Palestina e Itararé.

“Como não é possível criar ciclovia em toda a cidade, a ideia é criar essas vias para que o ciclista possa sair de dentro do bairro para pegar ciclovias maiores”, ressaltou.

A prefeitura está fazendo um levantamento para identificar os locais exatos que vão receber as próximas ciclorrotas. “Essa análise está sendo feita junto com o movimento cicloviário, pois é preciso saber se a rua já é bastante utilizada por ciclistas”, disse Ana Elisa.

Além de fazer a ligação entre ciclovias, a via escolhida precisa seguir outros critérios, como não ter circulação de ônibus. Em todas elas, a velocidade máxima para veículos será reduzida, dentro da proposta do Programa Zona 30, que já existe na cidade, mas até então sem destinação para ciclistas.

“Com a diminuição da velocidade para os carros, transformamos a rota em uma segurança real para as bicicletas”, disse a secretária.

Veja quais são os 12 bairros que vão ter ruas com velocidade de 30 km/h:

  • Goiabeiras;
  • Jardim Camburi; 
  • Mata da Praia; 
  • Bairro República; 
  • Jardim da Penha; 
  • Praia do Canto; 
  • Bento Ferreira;
  • Ilha de Santa Maria; 
  • Forte São João;
  • Redenção;
  • Nova Palestina;
  • Itararé.

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

MATÉRIAS RELACIONADAS