Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Capixaba agredido por torcedores uruguaios apresenta melhora

Esportes

Esportes

Capixaba agredido por torcedores uruguaios apresenta melhora


Internado há mais de 80 dias, no Hospital Miguel Couto, na zona sul, do Rio de Janeiro, após ser agredido por torcedores uruguaios, o capixaba Roberto Vieira, de 54 anos, apresenta melhora em seu quadro clínico. A informação foi passada por familiares do organizador de excursões, na tarde desta segunda-feira (24).

Apesar da melhora no estado clínico, a família informou que o capixaba segue sem evolução no quadro neurológico. No entanto, se continuar sem febre e respirando normalmente sem auxílio de aparelhos, há a possibilidade de Roberto ser transferido para um hospital do Estado para dar continuidade ao tratamento das lesões.

Roberto foi internado no Centro de Terapia Intensiva (CTI) da unidade, no dia 3 de abril, após ser agredido por uruguaios durante uma briga entre torcedores do Flamengo e do Peñarol/URU, no bairro Leme, na zona sul do Rio, horas antes de os dois times se enfrentarem no Maracanã, pela terceira rodada da fase de grupos da Libertadores.

Um familiar do capixaba, que pediu para não ser identificado, disse que a transferência de Roberto para o Estado depende da evolução de seu quadro clínico, assim não se pode estabelecer ainda uma previsão para que ele volte ao Espírito Santo. “Há uma possibilidade. Essa possibilidade está se tornando um pouco mais possível nesse momento”, disse o familiar.

Caso o organizador de excursões siga a evolução e tenha o aval dos médicos para ser transferido para o Estado, a família terá a oportunidade de ficar mais perto de Roberto e acompanhar seu tratamento. “Cada evolução é uma vitória”, revelou o familiar, frisando que o custo é alto para família ir e voltar do Rio.


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados