search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Caminho do meio
Painel da Folha de São Paulo

Caminho do meio

Partidos de centro e de esquerda articulam apoio a uma proposta alternativa à que quer reabilitar a autorização para prisão em segunda instância.

A tese que tem ganhado mais adeptos é a indicada pelo presidente do Supremo, Dias Toffoli, que acaba com prazos de prescrição de crimes após a condenação colegiada. A avaliação é a de que essa medida já responde às críticas de que haveria mais impunidade após a decisão do STF que reafirmou o encarceramento só após o trânsito em julgado.

Vencer...
Enquanto não formam maioria em torno de uma alternativa à proposta de emenda constitucional que autoriza a prisão em segunda instância, a ordem dos partidos de centro, centro-direita e esquerda é ganhar tempo.

...Pelo cansaço
Mesmo siglas que pregam publicamente o apoio ao encarceramento após condenação em segunda instância têm divisões internas. Não há unanimidade no PSDB e no DEM, por exemplo. Siglas como PP e PL dizem que o ideal é tratar do assunto só no ano que vem.

Corrida...
O PSL vai agir em diversas frentes para impedir que o partido que Jair Bolsonaro quer criar saia do papel antes de março de 2020, a tempo das eleições municipais.

...De obstáculos
A sigla deve expulsar e pedir o mandato de parlamentares que apoiarem a criação da nova legenda – e vai incentivar suplentes a fazerem o mesmo. Em outra ponta, o PSL deve montar força-tarefa para impugnar as assinaturas que forem apresentadas a cartórios eleitorais.

Ou eu...
Aliados de Bolsonaro dão de ombros. O Presidente vai impulsionar a divulgação da coleta de assinaturas para a nova agremiação nas próprias redes, e também vai estrelar vídeos institucionais no site do novo partido. Os apoiadores não poderão ter filiação partidária vigente.

...Ou ele
Com isso, Bolsonaro espera desfazer todo o trabalho dos mutirões de filiações que o PSL promoveu. Os artífices da nova legenda dizem que as adesões vão ocorrer em duas etapas: prefeitos, governadores e senadores virão antes; deputados e vereadores só ingressarão quando a legenda estiver pronta e registrada.

De mais ninguém
Se não conseguir abocanhar parte do fundo partidário do PSL, a sigla de Bolsonaro vai pedir que o dinheiro que caberia aos deputados que deixarem o partido seja devolvido à União.

Fila
A proposta de Paulo Guedes (Economia) de extinguir fundos do Orçamento e sacar o dinheiro para abater a dívida pública deve ter vida curta no Senado. A presidente da Comissão de Constituição e Justiça, Simone Tebet (MDB-MS), avalia que, prioritariamente, essa verba deve irrigar programas hoje à míngua, como o Minha Casa Minha Vida.

Vínculos
Outros parlamentares defendem que o dinheiro reservado em cada fundo seja voltado à área original. Por exemplo, o ramo de tecnologia deve receber os recursos hoje depositados em fundos do setor, como o Fust (Fundo de Universalização dos Serviços de Telecomunicações).

Vínculos II
Existe, porém, uma trava legal para a medida: o teto de gastos, que limita a expansão das despesas públicas pela inflação. Neste caso, Tebet advoga por flexibilizar o teto, alegando tratar-se apenas de um repasse semelhante à distribuição do dinheiro do megaleilão do pré-sal.

Vida real
Integrantes da equipe econômica já admitem nos bastidores dificuldade em aprovar qualquer proposta de emenda constitucional ainda neste ano. A tramitação de reforma econômica mais bem-sucedida foi a que criou o teto de gastos: levou 117 dias até a promulgação, ou seja, quase quatro meses.

Olho neles
Consumidores do gás boliviano no Brasil monitoram o desenrolar da crise no país vizinho. O secretário de Desenvolvimento Econômico de Mato Grosso, César Miranda, disse que a diretoria da estatal YPFB foi preservada, apesar de o ministro Luis Alberto Sanchez ter deixado o cargo ao lado de Evo Morales.

Que hora, hein?
O estado firmou há cerca de dois meses um contrato de fornecimento firme direto com a estatal boliviana. Cinco indústrias já são abastecidas pelo gás do país vizinho. A ideia é expandir o consumo para o uso em veículos e no interior.

Tiroteio
“Por trás do discurso de desconstrução da Constituição, vejo o desejo de desconstituir o Estado Democrático de Direito”. Do deputado Patrus Ananias (PT-MG), após o governador Romeu Zema (Novo-MG) dizer que a Constituição faz o País ingovernável.

Conteúdo exclusivo para assinantes!

Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

Matérias exclusivas, infográficos, colunas especiais e muito mais, produzido especialmente pra quem é assinante.

Apenas R$ 9,90/mês
Assinar agora
esqueceu a senha?

últimas dessa coluna


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Raiva digital

Coordenador-geral de Gestão de Projetos de Saúde Digital do Ministério da Saúde desde março, o médico e militar da reserva Allan Quadros Garcês tem atacado agressivamente o Supremo Tribunal Federal …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Teia

Os problemas de Frederick Wassef com o Ministério Público do Rio podem ir além de Fabrício Queiroz. A operação Anjo e suas declarações recentes levantaram suspeita sobre se o advogado ligado à …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Divã

As conversas de auxiliares do governo com ministros do Supremo Tribunal Federal pela pacificação começaram depois de Jair Bolsonaro ser convencido de que era momento de fazer uma autocrítica e agir …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Bic antissocial

Jair Bolsonaro foi o presidente que, desde José Sarney, menos tratou de benefícios sociais em decretos publicados nos primeiros 18 meses de mandato. O levantamento, feito pelo grupo PEX-Network, da …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Teoria da relatividade

No parecer que embasou a decisão de Jair Bolsonaro de tratar academias e salões de beleza como serviços indispensáveis e que devem reabrir, a despeito da pandemia, a secretaria geral da Presidência …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Bandeira branca

O governo Bolsonaro fez, em um só dia, ao menos cinco gestos de paz, feito inédito neste um ano e meio. Foram três atos do Presidente: discurso conciliador ao lado de Dias Toffoli, escolha na …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Válvula de escape

A pressão vinda de dentro do próprio governo e de aliados no Congresso pela prorrogação do auxílio emergencial pelo valor cheio de R$ 600 fez a equipe econômica acelerar o passo na elaboração do …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Super live

Está marcado para esta sexta um ato virtual que, se bem sucedido, representará a mais robusta união até agora dos movimentos pró-democracia e, consequentemente, de oposição ao bolsonarismo. …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Seus passos

A Operação Anjo, que prendeu Fabrício Queiroz, traz alguns caminhos para explicar como o ex-assessor de Flávio Bolsonaro bancou seu tratamento no Albert Einstein, mas ainda não deu pistas sobre como …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Plástica

Os atritos com Jair Bolsonaro e especialmente com seus apoiadores de extrema direita têm funcionado como banho de loja para o STF na relação com o Congresso, onde os parlamentares também têm sofrido …


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados