Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Café de um lado, almoço de outro
Plenário
Fabiana Tostes

Fabiana Tostes


Café de um lado, almoço de outro

Poucas horas após o presidente da Câmara de Vitória, Cleber Felix, reunir, na segunda-feira (3), um grupo de pré-candidatos à prefeitura da capital, o prefeito Luciano Rezende e o deputado Fabrício Gandini almoçaram com o presidente e o secretário-geral do PDT, deputado Sergio Vidigal e Weverson Meireles.

No cardápio, o compromisso do PPS (Cidadania) e do PDT de caminharem juntos nas eleições do ano que vem, principalmente em Vitória e na Serra. O almoço foi visto como uma reação e uma demonstração de força do grupo do prefeito.

Em Vitória, o PPS já lançou Gandini à sucessão de Luciano. Na Serra, Vidigal não bate o martelo, mas aliados afirmam que o nome a ir para o teste das urnas na maior cidade do Estado é mesmo o dele. “Foi uma conversa inicial de partidos que estão em sintonia para as eleições. Há a possibilidade de estarmos no mesmo projeto em Vitória e Serra”, disse Weverson.

Amaro cai na Rede?
A aproximação entre o prefeito Luciano Rezende e o PDT joga, como consequência, a Rede do prefeito da Serra, Audifax Barcelos, para o lado do deputado federal Amaro Neto.
O partido de Amaro, o PRB, convidou, na semana passada, o deputado estadual Alexandre Xambinho (Rede) para migrar de partido, e Amaro e Audifax já andaram se reunindo.

Marcos Bruno x Juninho
O ex-deputado Marcos Bruno denunciou, nessa terça-feira (4), o prefeito de Cariacica, Juninho, no Ministério Público por improbidade. “Ele se nega a executar minha emenda de R$ 600 mil para a praça de Porto de Santana”, disse Bruno. Já a assessoria de Juninho disse que a prefeitura não tinha a titularidade da área até o fim da licitação, por isso devolveu o convênio ao Estado.

Gilson Daniel barrado!
O presidente da Amunes, o prefeito Gilson Daniel, foi barrado de falar na Câmara de Brejetuba na sessão dessa terça. Ele alega ter feito o pedido por escrito. “O presidente da Câmara se negou a colocar o pedido em votação”. A assessoria da Câmara disse que, conforme o regimento, o pedido teria que ser feito com cinco dias de antecedência.

Ameaças e afastamento em Itapemirim
O juiz da 1ª Vara Cível de Itapemirim Leonardo Rangel pediu afastamento do processo que resultou na volta do prefeito do município, Thiago Peçanha, ao cargo. Ele pediu suspeição e alegou ter sido alvo de “crime contra honra” nas redes sociais.

Na sessão dessa terça (4) da Assembleia, o deputado Euclério Sampaio denunciou que Peçanha foi ameaçado de morte, também na internet.

Cavalieri volta ao Conselho de Ética
O filósofo e professor de Ciências da Religião Edebrande Cavalieri voltou ao Conselho Estadual de Ética após ter saído, em 2017, durante o imbróglio sobre se o então vice-governador César Colnago poderia assumir a presidência do PSDB. Na ocasião, Cavalieri votou pela incompatibilidade e, por estar viajando no dia da votação, enviou seu voto por escrito, que foi ignorado. Cavalieri deixou o Conselho que, logo após o episódio, sofreu um esvaziamento.

Pazolini cobrou
O deputado estadual Lorenzo Pazolini já tinha cobrado, pelo menos por duas vezes, a reativação do Conselho Estadual de Ética.

Audiência pública
O deputado estadual Hércules Silveira faz, nesta quinta-feira (6), às 15h, audiência pública sobre a política de saneamento e os alagamentos no Estado.

Ampliação
O deputado estadual Danilo Bahiense fez indicação pedindo a ampliação do Serviço Médico Legal (SML) de Cachoeiro, Colatina e Linhares. Alega que o serviço tem sofrido com a falta de médicos.

Gandini prestigiado
Chefe de gabinete do deputado Fabrício Gandini, Deyvid Alberto Hehr será secretário de Governo da Prefeitura de Vitória no lugar de Elisabeth Endlich, que está de licença médica.

Clima de medo
Em Itapemirim, muitos moradores afirmam que o clima é de medo.

Conteúdo exclusivo para assinantes!

Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

Matérias exclusivas, infográficos, colunas especiais e muito mais, produzido especialmente pra quem é assinante.

Apenas R$ 9,90/mês
Assinar agora

Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados