search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Bolsonaro percebe que Bezerra líder pega mal
Cláudio Humberto
Cláudio Humberto

Cláudio Humberto


Bolsonaro percebe que Bezerra líder pega mal

Eleito sob a promessa e após uma trajetória política de combate à corrupção, o presidente Jair Bolsonaro (PSL) não pode tolerar que seu governo tenha como Líder no Senado um político acusado pela Polícia Federal de receber propinas de mais de R$ 5,5 milhões.

E há ainda outros casos em que figura como suspeito ou acusado. “O Presidente já percebe que ter Bezerra como líder pega mal”, disse um general com gabinete no Planalto, entre tantos que nunca entenderam essa escolha.

À própria disposição
Em público, o líder suspeito “colocou o cargo à disposição”, mas em particular passou o dia articulando sua permanência.

Fofoca como arma
Bezerra mandou aliados espalharem a fofoca de que a busca em seu gabinete teria sido retaliação à ameaça de demissão do diretor da Polícia Federal.

Onyx, o padrinho
Foi de Onyx Lorenzoni (Casa Civil) a ideia de fazer Bezerra líder do governo. Bolsonaro foi fiel ao estilo “dar carta branca” aos ministros.

Coçando a testa
A eventual demissão de Bezerra pode ser o pretexto para Onyx sair do governo também. Até porque já não tem muito a fazer na Casa Civil.

Acordo beneficiava aliado do MPF contra Gilmar
Ao anular acordo nos Estados Unidos que reservava R$ 2,6 bilhões à força-tarefa da Lava a Jato, o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal, chamou atenção para um trecho, também vetado, destinando R$ 1,4 bilhão a acionistas minoritários da Petrobras. Intrigou o STF a curiosa coincidência: acionistas majoritários são clientes do escritório do jurista Modesto Carvalhosa, aliado do procurador Deltan Dallagnol e da Lava a Jato nas críticas ao ministro Gilmar Mendes.

Aliados tácitos
Dallagnol e colegas da Lava a Jato sempre criticaram Gilmar Mendes e Carvalhosa até ingressou com pedido de impeachment do ministro.

Montanha de dinheiro
O acordo previa para acionistas minoritários, que ajuizaram ações no Brasil, 50% dos US$ 682,56 milhões (R$ 2,8 bilhões, na cotação atual) da indenização definida nos EUA.

Tudo errado
Na decisão que redirecionou os R$ 2,6 bi para preservar a Amazônia e Educação, Alexandre de Moraes foi contundente contra a força-tarefa.

Terceiro grau
Quem põe a mão no fogo pode ser queimar. Caso do presidente do Senado, Davi Alcolumbre, que agora exige explicações do STF sobre as investigações policiais contra o líder do governo Fernando Bezerra.

Vê quem quer
Dados do Instituto de Segurança Pública mostraram queda de 21,5% no número de homicídios no Rio de Janeiro entre janeiro e agosto. Mas, nas manchetes só se vê aumento no número de mortes dos bandidos.

Sem arrependimentos
A senadora Selma Arruda (MT), que trocou o PSL pelo Podemos, não está arrependida do apoio a Bolsonaro, “do contrário a esquerda teria voltado”, mas mal disfarça sua tristeza com os rumos do governo.

Tiro no pé
Parlamentares ligados ao próprio governo reclamam que o ministro Luiz Henrique Mandetta (Saúde) não recebe ninguém. Tem senador e deputado aguardando há dois e até três meses por uma audiência.

O Estado sou eu
Além de criticar Bolsonaro por não referendar a lista tríplice oficiosa que prepararam, na escolha do PGR, associações de procuradores atacam senadores que não referendaram a recondução de dois deles para integrar o CNMP, órgão de controle do ministério público.

Pedala, ANP
A modorrenta Agência Nacional do Petróleo (ANP) finalmente se mexeu e fiscalizou cem postos do DF, suspeitos de aumentos abusivos nos preços dos combustível. Mas, só se mexeu após o Procon-DF.

Fila na porta
Os chineses estão chegando e deputados fazem fila pedindo ajuda ao colega Fausto Pinato (SP), presidente da Frente Parlamentar Brasil-China e Brics, tentando garantir investimentos para seus estados.

História repetida
A cassada Dilma disse que apoiadores do presidente Jair Bolsonaro acharam que o controlariam, mas não conseguiram. Noves fora, é mais ou menos o que um certo presidiário prometeu nas eleições de 2010.

Pensando bem...
...muitos dos políticos que chamavam o fundão eleitoral de absurdo, depois de 2018 já o acham aceitável. Após 2020 será imprescindível.

PODER SEM PUDOR

Desafio de araque
Coronel Chico Heráclito, de Limoeiro, sabia jogar pesado naquele Pernambuco dos anos 1960. Certa vez, reza a lenda, ele foi desafiado para um duelo pelo líder das Ligas Camponesas, Francisco Julião.

Chico Heráclito aceitou o confronto, mas fez exigências:

“Topo, mas impondo condições. O local será em Limoeiro e as armas serão estas: eu entro com as patas, e o Julião com os chifres”.

Colaboram: André Brito e Tiago Vasconcelos

Conteúdo exclusivo para assinantes!

Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

Matérias exclusivas, infográficos, colunas especiais e muito mais, produzido especialmente pra quem é assinante.

Apenas R$ 9,90/mês
Assinar agora
esqueceu a senha?

últimas dessa coluna


Exclusivo
Cláudio Humberto

Pesquisa: governo federal combate mais a Covid-19

A responsabilidade pelo combate ao coronavírus é dos governos estaduais e municipais, por decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), mas para a maior parte dos brasileiros (31,2%) o governo federal é …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Temer se recusou a assinar MP que o STF alterou

Burocratas ligados à área econômica do governo federal tentam já há algum tempo emplacar uma medida provisória que vire lei protegendo-os de punição por erros que tenha cometido no exercício de suas …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Vídeo revela relação desgastada com Sergio Moro

Na reunião presidencial de 22 de abril, que o ministro Celso de Mello (STF) jogou no ventilador sem qualquer utilidade para o inquérito que motivou sua apreensão, o presidente Jair Bolsonaro já …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Celso de Mello libera vídeo e toca fogo no circo

O ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), não explicou a utilidade da sua decisão de liberar quase a íntegra do vídeo da reunião ministerial de 22 de abril. Experiente, o decano …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Centrão: não haverá “toma lá, dá cá” com o governo

O deputado Arthur Lira (AL), líder do PP e do “Centrão”, confirma as conversações com o governo Bolsonaro, mas deixou claro que é “tudo feito às claras”, sem subterfúgios, sem “é dando que se recebe” …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Frias fatura e Regina ganha Cinemateca quebrada

A atriz Regina Duarte descobriu amargamente que política e Brasília não são para principiantes. Após meses driblando armadilhas, cascas de banana e traições, ela desistiu quando viu o presidente Jair …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Votações do MPF são vulneráveis a fraude, diz CGU

Auditoria da Controladoria-Geral da União (CGU) levou a constatações devastadoras sobre o sistema eletrônico de votação do Ministério Público Federal (MPF), inclusive para escolha de lista tríplice …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Opositores de Bolsonaro já adotam a cloroquina

Enquanto se repete a ladainha de que a ciência ainda não aprovou o uso da cloroquina contra a Covid-19, políticos que acusavam o presidente Jair Bolsonaro de “irresponsabilidade” pela discussão …


Exclusivo
Cláudio Humberto

ANS fatura com clientes lesados pelos planos

A ANS não se envergonha de mostrar que a prioridade não é o cidadão prejudicado pelos planos de saúde. Muito esperta, a agência reguladora multou uma operadora, Allcare, por rescindir unilateralmente …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Bullying de Bolsonaro foi demais para Teich

Foi uma sequência inédita de humilhações públicas em prazo curto de apenas 28 dias, um recorde, até que o ex-ministro da Saúde Nelson Teich desistiu. Ele não suportou o aviso do Presidente de …


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados