search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Bezerra não vê “troco”; Guedes fica insatisfeito
Coluna do Estadão

Andreza Matais e Marcelo de Moraes


Bezerra não vê “troco”; Guedes fica insatisfeito

Davi Alcolumbre e Paulo Guedes estiveram em contato ao longo de todo o dia de quarta-feira (2). O primeiro diálogo foi às 7h30. O ministro da Economia não ficou satisfeito com o resultado do primeiro turno da reforma da Previdência, mas o presidente do Senado, cada vez mais afeito à agenda corporativa, deu de ombros: era preciso passar o recado de insatisfação.

O líder do governo na Casa, Fernando Bezerra, diz que a compensação no pacto federativo das perdas na reforma não é troco e sim acordo. “Só falta combinar com os senadores”, diz.

Apertado. Além do desconforto com as perdas da reforma, Guedes fez contas ao desmarcar agenda com senadores. Uma delas era com os seis do PP, que acabaram permanecendo na Casa. Em um dos destaques, o governo venceu por apenas três votos.

Na ponta... Alcolumbre criticou a falta de organização do governo, que não percebeu que o quórum foi diminuindo na votação que manteve o abono salarial.

...do lápis. Um senador estava na Casa, mas não no plenário, outro tinha saído para jantar. Um terceiro já tinha ido dormir.

CLICK. Bruno Covas reuniu-se com o deputado Gilberto Nascimento para articular o apoio do PSC à sua reeleição no gabinete de Marcos Pereira, presidente do Republicanos.

Ocupa... Como ficaram votando o texto-base da Previdência madrugada adentro, senadores pediram para adiar a sessão do Congresso pautada para derrubar os vetos de Bolsonaro à legislação eleitoral.

...e resiste. Para não correr o risco de os parlamentares acharem que não haveria a reunião, Alcolumbre foi sem almoço para o plenário da Câmara e esperou pouco mais de uma hora lá pelo início da sessão.

De volta pra casa. Kátia Abreu votou a favor da reforma da Previdência. É o início de um movimento para a centro-direita. Ao se lançar vice de Ciro Gomes (PDT), a senadora perdeu parte do apoio dos ruralistas, mas acabou não sendo aceita pela esquerda.

Chave do cofre. Desde o início do ano o Fundo Nacional Antidrogas arrecadou R$ 55 milhões, valor superior ao total arrecadado no ano passado. O Congresso aprovou esta semana medida que facilita a venda de bens apreendidos para inflar o fundo.

Sem. Pelo novo decreto sobre armas editado por Bolsonaro, o oitavo, clubes de tiro poderão vender munições recarregadas, que não podem ser rastreadas. “Em um contexto de avanço das milícias, as mudanças são preocupantes”, avalia Bruno Langeani, gerente do Instituto Sou da Paz.

A distância. O decreto volta a permitir a compra de armas semiautomáticas longas, com maior alcance. Artefato desse tipo foi usado pelo atirador que matou 59 pessoas em um show em Las Vegas, em 2017, escondido em quarto de hotel.

Menos... Pedro Cunha Lima (PSDB-PB) quer mudar o regimento da Câmara para diminuir o tempo desperdiçado com obstruções. Das 5 horas e 22 minutos de votação do projeto que flexibilizou regras eleitorais, só 47 minutos foram para votar o projeto em si.

Desperdício. “Nenhum país pode ser competitivo com regimento imprestável como esse. A Câmara se reúne duas vezes por semana e não consegue votar quase nada. Só narrativa política”, argumenta Pedro.

Conteúdo exclusivo para assinantes!

Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

Matérias exclusivas, infográficos, colunas especiais e muito mais, produzido especialmente pra quem é assinante.

Apenas R$ 9,90/mês
Assinar agora
esqueceu a senha?

últimas dessa coluna


Exclusivo
Coluna do Estadão

O esculacho contra a política e a vaga no STF

Lideranças de diversos partidos viram na prisão de Alexandre Baldy outra ação midiática de Marcelo Bretas para esculachar a política e os políticos, a exemplo do que o juiz já havia feito com Michel …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Lava a Jato comemora apoio de Flávio a Aras

A Lava a Jato de Curitiba comemorou em privado o apoio hipotecado em público por Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) a Augusto Aras, considerado hoje o inimigo número um da temida força-tarefa. …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Auxílio dá fôlego a “bolsonaristas” no Nordeste

Embora diga que não apoiará ativamente nenhum candidato nas eleições municipais, o presidente Jair Bolsonaro caminha para contar com uma rede de apoio no Nordeste, região onde ele foi menos votado em …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Decisão de Fachin ajuda Dallagnol no CNMP

Um dos efeitos da decisão de Edson Fachin de interromper o compartilhamento de dados das forças-tarefa com a Procuradoria-Geral da República deve ser o de enfraquecer, no CNMP (Conselho Nacional do …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Muda Senado encampa defesa da Lava a Jato

Principal apoio político da Lava a Jato, o grupo Muda Senado quer intensificar a reação aos ataques que o procurador-geral da República, Augusto Aras, tem desferido contra a operação. Os senadores …


Exclusivo
Coluna do Estadão

O mapa da guerra contra Dallagnol no CNMP

Os conselheiros críticos ao “lavajatismo” no CNMP trabalham contra o relógio nas próximas três semanas para garantir apoios suficientes pela remoção de Deltan Dallagnol da força-tarefa da Lava a …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Dados preliminares são água fria para Mourão

Dados preliminares sobre focos de incêndio na Amazônia em julho devem deixar o governo federal em situação ainda mais desfavorável diante da pressão pela preservação do meio ambiente. Até …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Mourão preocupado com “teto” na Amazônia

Pressionado a apresentar resultados para o meio ambiente, Hamilton Mourão busca alternativas para destravar o uso do Fundo Amazônia. Uma vez resolvida a questão da governança (novas regras para a …


Exclusivo
Coluna do Estadão

China vê “politização” de relações comerciais

Em meio ao que especialistas estão chamando de nova “guerra fria”, o porta-voz da embaixada da China no Brasil, Qu Yuhui, alerta para uma “politização”, promovida pelos EUA, de temas comerciais entre …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Congresso deixa de lado poder de fiscalização

A prerrogativa de fiscalizar foi deixada de lado pelo Congresso neste ano. Dos 87 requerimentos de convocação de autoridades do Executivo, apenas um foi aprovado pelo Senado. Somente na Câmara, foram …


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados